Melhores maternidades de Portugal: descubra quais são

Portugal  / 

Escolher um hospital para ter seu bebê não é uma tarefa simples. Ouvimos muitas histórias e nem sempre o hospital mais perto de casa é a melhor opção. Conhecer as melhores maternidades de Portugal é importante para você possa fazer sua escolha e garantir um parto como deseja. Por isso, hoje vamos te contar quais as melhores do país e onde essas maternidades estão localizadas.

Lista das melhores maternidades de Portugal

Confira a lista das melhores maternidades de Portugal e as cidades onde elas ficam.

Melhores maternidades de Portugal em hospitais públicos e privados

Um dos hospitais que são referência na área de obstetrícia em Portugal é o Hospital de Póvoa de Varzim. O hospital está localizado no norte do país e recebe o plano de parto do casal, ou seja, a forma que o parto será realizado é totalmente decidido pela grávida.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

A mulher pode escolher um parto com hidroterapia, musicologia, com bola de Pilates, se quer analgesia epidural ou não, qual a posição quer o parto (em pé, deitada, de cócoras, etc). Ainda pode ter duas pessoas acompanhando o parto (o normal é só uma pessoa em Portugal).

Pré-natal e parto em Portugal: saiba como funcionam.

O serviço de obstetrícia do Hospital de Póvoa de Varzim tem se tornado referência em Portugal pela forma humanizada que tem tratado a mulher. Muitos casais de diversas partes do país viajam até a cidade praiana para terem seus bebês lá.

Em 2017, o Hospital de Póvoa de Varzim realizou 966 partos e afirma que tem capacidade para mais. O que difere o hospital do restante do país é o poder da mãe em ter a escolha do seu plano de parto e o respeito ao casal e às pessoas.

Confira uma lista das melhores maternidades de Portugal, de acordo com ERS (Entidade Reguladora de Saúde). Observe também que de acordo com esse orgão oficial, apenas uma maternidade é da saúde privada em Portugal:

  • Hospital de Faro (Faro);
  • Hospital de São Sebastião (Santa Maria da Feira);
  • Centro Materno Infantil do Norte (Porto);
  • Hospital São Teotónio (Viseu);
  • Maternidade Bissaya Barreto (Coimbra);
  • Maternidade Daniel de Matos (Coimbra);
  • Hospital de Guimarães (Guimarães);
  • Hospital de Braga (Braga);
  • Hospital de Cascais (Cascais);
  • Hospital de Vila Franca de Xira (Vila Franca de Xira);
  • Hospital Garcia de Orta (Almada);
  • Hospital de Santa Luzia (Viana do Castelo);
  • Hospital José Joaquim Fernandes (Beja);
  • Hospital Pedro Hispano (Matosinhos);
  • Hospital de Santa Maria (Lisboa);
  • Hospital da Luz de Póvoa de Varzim (hospital privado em Póvoa do Varzim).

Saúde Pública em Portugal: como funciona, preço e qualidade do serviço.

mae bebe maternidade

Melhores maternidades de Portugal: onde nascem mais bebês?

Em Portugal, os hospitais onde mais nascem bebês em Portugal por ano são:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »
  1. Centro Hospitalar Universitário de Coimbra com 4.821 nascimentos em 2017;
  2. Centro Hospitalar do Algarve com 3.697 partos em 2017;
  3. Maternidade Alfredo do Costa (integrada ao Centro Hospital Lisboa Central) com 3.673 nascimentos em 2017;
  4. Centro Hospitalar do Porto com 3.372 partos em 2017;
  5. Hospital de Braga com 3.046 nascimentos em 2017.

Veja também como economizar na compra do enxoval de bebê em Portugal.

Nascimentos em Portugal e na Europa

O número de bebês que nascem em Portugal têm diminuído e a população do país está envelhecendo. A taxa de natalidade em Portugal é de 1,31 nascimentos por mulher.

De acordo com a PORDATA (Base de Dados de Portugal Contemporâneo) a taxa bruta de natalidade (número de bebês que nascem para 1.000 residentes) em Portugal em 2017 foi de 8,4%. Enquanto no ano de 1960 era de 24,1%. A menor taxa registrada pelo instituto foi durante 2013 e 2014, durante a forte crise que assolou a Europa. Nesses dois anos, a taxa foi de apenas 7,9% em cada ano.

Já a média de idade para se ter o primeiro filho em Portugal é de 29,6 anos. Um pouco maior que o restante da Europa. Entretanto o grupo etário que mais têm bebês em Portugal é entre os 30 e 34 anos, segundo o INE (Instituto Nacional de Estatística).

Cada vez mais as mulheres portuguesas têm escolhido terem filhos mais tarde, até mesmo depois dos 40 anos.

Quer saber como pode morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar você a legalizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Portugal tem uma das mais baixas taxas de natalidade da Europa (junto com Chipre, Malta e Grécia). Já os países que mais têm filhos na Europa são: França, Suécia, Irlanda, Dinamarca e Reino Unido. Mas as taxas não ultrapassam os 2 filhos por mulher em nenhum deles.

Segundo dados da Eurostat, a média de idade das mulheres para terem o primeiro filho na União Europeia é de 29 anos.

Já os países que têm filhos mais cedo na Europa são na Bulgária, Romênia e também Letônia. A média de idade das mães nesses países europeus é de 26 anos para o primeiro filho. Já os países com mais partos na adolescência (menos de 20 anos) foram registrados na Romênia, Bulgária e Hungria.

Hospital em Portugal: saiba como são e como funcionam.

Como é o parto em Portugal?

Agora que você já sabe quais são as melhores maternidades de Portugal, saiba também como é dar a luz a uma criança no país.

Em Portugal, no Sistema Nacional de Saúde o parto normal é sempre a primeira opção. As cesarianas no sistema público representam uma taxa de 28%. Os médicos optam pela cesariana apenas em caso de necessidade, quando há risco para mãe ou para o bebê. Já no sistema privado de saúde, a taxa de cesariana em Portugal é de 66%.

No Sistema Público de Saúde em Portugal o parto é na maioria da vezes realizados por enfermeiras especialistas em partos. E o papel doula continua muito em alta.

Outro dado importante sobre o parto em Portugal é que 99% deles são feitos em ambiente hospitalar e apenas 1% são feitos em casa.

Opinião: relato de um parto normal em Portugal. Veja a minha experiência de parto no país.

Em Portugal também tem crescido o número de laboratórios que guardam as células-tronco do bebê récem-nascido através da coleta do sangue e do tecido do cordão umbilical.

A coleta é feita gratuitamente no Sistema Público pela enfermeira ou médico que realizou o parto. Já o armazenamento das células-tronco (chamadas células estaminais em Portugal) é pago diretamente para os laboratórios. O valor médio é de 1.500€ (sem necessidade de pagar anualmente mais nenhuma taxa extra).

Descubra quanto custa ter um filho em Portugal e também o que são remédios genéricos no país.

Está pensando em mudar para Portugal? Sugerimos a leitura do nosso Ebook Como Morar em Portugal. Trata-se de um livro completo com o passo a passo de tudo o que você deve preparar para viver legalmente no país,  vale a pena!

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.