Quanto custa ter um filho em Portugal? Da saúde ao enxoval

Quando mudamos de país para começar uma nova vida muitas dúvidas surgem: como será o serviço de saúde no novo país? A saúde pública funciona? Como será ter um filho nesse lugar? Em Portugal temos a vantagem falar a mesma língua e podermos nos comunicar com os médicos sem dificuldades, isso facilita do pre-natal ao pós-parto. Veja em baixo tudo o que você precisa saber sobre quanto custa ter um filho em Portugal.

Como é a saúde pública em Portugal?

A saúde pública em Portugal é paga e funciona muito bem. Os preços de uma consulta ficam em média €5,00 e o atendimento em uma urgência em média €20,00.

É claro que nas maiores cidades do país (Lisboa, Porto e Braga) há filas nos hospitais públicos, mas mesmo assim, a qualidade dos médicos e a estrutura do serviço público compensa.

Para morar em Portugal não há a necessidade de se ter um plano de saúde, mas se você fizer questão tem a vantagem de poder marcar consultas com especialistas com mais rapidez. Os preços dos planos custam variam entre €20,00 a €50,00 por pessoa. Para mais membros da família o valor por pessoa diminui.

Os estrangeiros podem usufruir desse sistema?

Quando um estrangeiro chega em Portugal é preciso viajar com um seguro de saúde internacional, ele pode ser privado ou público – o PB4, por exemplo.

Precisa enviar dinheiro para o exterior?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Após fazer toda a sua documentação no país e ter um endereço fixo, é preciso ir até um Centro de Saúde e fazer seu número de utente (usuário).

A partir desse momento, você entrará na fila para ter um médico de família (normalmente no Centro de Saúde mais próximo da sua casa).

Tempo de espera pelo médico

O tempo de espera pelo médico de família varia muito de acordo com a região do país, mas pode levar cerca de um ano. Durante esse período você pode ser atendido nas urgências dos hospitais ou dos médicos para utentes esporádicos nos Centros de Saúde.

Se você planeja engravidar em Portugal, é bom esperar ter o seu próprio médico de família e fazer todos os exames antes de engravidar.

Parto em Portugal

Quando você descobre que está grávida em Portugal, você não precisa pagar mais nenhuma consulta ou exame (no setor público) durante a gestação. A gestante pode ter o acompanhamento da gravidez com a seu médico de família ou então pelo obstetra no hospital (para o caso de gravidez de risco).

Enxoval de segunda mão em Portugal

Cesárea ou parto natural?

O parto é gratuito e por regra o parto sempre será normal. A cesárea só feita em caso de riscos para a mãe ou para o bebê. Assim como na Europa, Portugal valoriza o parto normal, ao contrário do Brasil, onde a maioria das mães e médicos optam pelo parto agendado com cesariana.

Não deixe de ler a experiência pessoal de uma brasileira sobre o parto e pré-natal em Portugal.

Quanto custa o enxoval do bebê em Portugal?

Incluído em quanto custa ter um filho em Portugal, o enxoval do bebê deve estar na conta de gastos. Geralmente, custa mais barato que no Brasil montar um enxoval. Há muitas opções de lojas de fast fashion como Primark, H&M, Zara e C&A onde as roupas de bebê possuem preços muito acessíveis.

Os carrinhos de bebê podem ser comprados em lojas como Chicco, Zippy, Toys’r’us ou até mesmo em supermercados. Confira a lista de alguns preços para se fazer uma comparação:

Preços médios dos produtos de bebê
ProdutoPreço em PortugalPreço no Brasil
Carrinho de Bebê (com rodas fortes – preço médio)399€R$ 1.500
Fraldas (Pampers / Dodot)12,99€ (66 unidades)R$ 86,97 (60 unidades)
Leite (Nan 1 – Nestlé)13,29€R$ 66,19
Mamadeira (Avent – Philips)6,99€R$ 69,99
Lenço umedecido bebê0,99€R$ 13,39
Berço de madeira branco99€R$600
Bodies (RN kit)9€ (6 bodies)R$59,90 (4 bodies)
Total541,26€R$ 2.396,44
(€656,55 – euro a R$ 3,65)

*Nota: Os preços podem variar de acordo com as regiões do país, época do ano e promoções.

Dicas para economizar na compra do enxoval de bebê em Portugal

Por mais ansiosos e animados que estejam com a chegada do bebê, é fundamental que os pais decidam o que realmente é essencial, separando o que pode ser útil do que pode ser supérfluo em meio a tantas opções. Por isso, preparamos uma lista com várias dicas para ajudá-los a comprar, de forma econômica, o enxoval do bebê em Portugal.

Conversar com outros pais

Conversar com familiares e amigos que já tiveram um ou mais filhos pode ser o primeiro passo antes de começar a comprar o enxoval do bebê.

É claro que, cada caso é um caso e que nem tudo o que foi essencial para uma família, será para outras. Mas, ouvir o que os mais experientes têm a dizer pode ser sempre uma boa ideia.

Checklist do enxoval

Prepare uma lista com tudo o que julga ser essencial. Separe os itens da lista por ordem de prioridade, período em que pretende realizar e o orçamento disponível para as compras. A partir disso, guie-se pela lista para efetuar as compras do enxoval de forma inteligente e econômica.

Novidades tecnológicas

O número de aparelhos tecnológicos para bebês é vasto e a vontade que se tem é de comprar tudo, principalmente aqueles que apresentam a promessa de contribuir para a qualidade de vida do bebê e dos pais.

Intercomunicador, carrinho com display digital e espreguiçadeira para bebê são as tecnologias mais populares em puericultura, mas antes de comprar, lembre-se de analisar as necessidades de uso e de fazer as comparações de preço em sites como o KuantoKusta, por exemplo.

Compras em grandes quantidades

Outra ótima dica para a hora de comprar enxoval de bebê em Portugal é não comprar produtos em grandes quantidades, por exemplo, fraldas, sem experimentar no bebê. Sem realizar o teste, há sempre chances do bebê não se adaptar ao produto ou de identificar que o produto não possui qualidade.

Qualidade e durabilidade dos produtos

Antes de comprar, avalie a qualidade e a durabilidade dos produtos. Considere os vestidos com regulador de altura, calças com elástico regulador na cintura e macacõezinhos sem pé para servirem por mais tempo.

Controle o impulso na hora das compras

À primeira vista, é normal, que tudo pareça ser essencial. Adorou tudo aquilo que encontrou enquanto pesquisava em lojas na internet?

Ótimo, agora pare para pensar se é realmente necessário, e, se sim, pesquise para ver se não existe mais barato em outros lugares.

Saiba mais sobre o custo de vida em Portugal.

Enxoval de segunda mão em Portugal

Considere comprar parte do enxoval de bebê em Portugal de segunda mão. Aproveite roupas, acessórios, brinquedos e demais itens repassados de familiares, amigos e até mesmo de outros pais que desejam vender aquilo que ainda se encontra em bom estado de uso.

Há muitas roupas de recém-nascidos, especialmente aquelas que foram utilizadas só em ocasiões especiais – como batizado – que se encontram praticamente novas. O mesmo vale para brinquedos, móveis e demais itens.

E se seu caso é mudança para o exterior, vai gostar de ler o artigo sobre como criar filho no exterior.

Quanto custa ter um filho em Portugal na escola?

Em Portugal o ensino básico inicia aos 6 anos, quando a frequência na escola é obrigatória (dos 6 aos 18 anos). As creches públicas em Portugal são pagas e variam de acordo com o salário dos pais, e as crianças podem ser inscritas a partir dos 3 anos.

Em Portugal há uma faixa que divide os salários em escalões. Quanto mais os pais ganharem mais pagarão pela creche. Quem possui uma renda baixa, ganha mais descontos e paga menos. Os valores médios das creches particulares em Portugal oscilam entre €150 e €300,00 por mês.

O ensino em Portugal é considerado de qualidade, desde o básico ao universitário e, apesar de ser pago, é democrático para diferentes classes sociais, inclusive imigrantes.

Agora que você já sabe quanto custa ter um filho em Portugal, se você já tem ou planeja ter filhos e se mudar, confira o editorial de como mudar para Portugal com a família.

Amanda Corrêa é brasileira, jornalista, mora na Europa desde 2014. Possui Mestrado em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho, experiência na área de assessoria de imprensa e televisão. Já morou na Inglaterra e atualmente mora em Portugal. Amanda já visitou 15 países do mundo, ama viajar e conhecer novas culturas e gastronomias. É co-fundadora do site Vagas pelo Mundo, apresentadora do podcast "Partiu Morar Fora" e produtora de conteúdo para diversos portais.

Artigos relacionados

Como trabalhar em Portugal: visto, salários e oportunidades

Todos os passos para trabalhar em Portugal: veja como obter o visto de trabalho, média salarial, os melhores sites de emprego e mais.

Sites de emprego em Portugal: veja a lista com os melhores

Descubra os melhores sites de emprego em Portugal e algumas alternativas para encontrar a sua vaga, seja através de sites, agências ou pelas redes sociais.

Visto para Portugal: tipos, custos e como solicitar o seu

Vai se mudar para Portugal?Sozinho ou com a família? Confira o visto necessário, custos e procedimentos passo a passo para viajar tranquilo.

Como morar em Portugal em 2020 (Guia Atualizado!)

Dicas que ninguém te conta sobre como morar em Portugal na primeira pessoa: passo a passo, como conseguir um visto, qual é o custo de vida e mais.

Custo de vida em Portugal 2020: quanto custa viver no país

Conheça o custo de vida em Portugal, quanto custa alugar apartamento, fazer compras do mês, gasto com saúde, transporte e salário para viver no país.

Estudar em Portugal de graça: programas e bolsas de estudo

Estudar em Portugal de graça pode ser mais comum do que você imagina, basta ser aprovado em programas de bolsas e intercâmbios. Veja como se inscrever!

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube