Atualmente, fazer remessa de dinheiro do exterior para o Brasil tem sido bem vantajoso, principalmente da Europa e dos Estados Unidos. O real está muito desvalorizado em relação ao euro e ao dólar americano, então, quem ganha nessas moedas pode ter uma boa oportunidade de fazer o dinheiro render.

Para isso, é importante utilizar provedores econômicos nas transferências internacionais, sem deixar de lado a segurança. Neste artigo, vamos mostrar a melhor opção para você transferir seu dinheiro, a tributação e se é necessário declarar imposto de renda nessas transações.

Como enviar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil?

Com a desvalorização do real (e a consequente subida da cotação do euro), muitas pessoas estão buscando alternativas econômicas para enviar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil. No mercado, existem diversas formas de fazer isso, seja pela internet ou presencialmente.

Confira agora os métodos mais populares:

  • Transferência bancária: envio de remessa de dinheiro para o exterior por meio do internet banking ou da agência do banco em que você é correntista;
  • Plataformas online: plataformas como a Remessa Online, a Wise, a Western Union e a TransferMate permitem o envio de dinheiro pela internet, com rapidez, segurança e taxas atrativas;
  • Correios: o Vale Postal Eletrônico é um serviço dos Correios para envio de remessas para vários países;
  • Casas de câmbio: algumas casas de câmbio, como a Confidence, por exemplo, fazem transferências internacionais para diversos países. No entanto, é preciso ficar atento às taxas e aos prazos de envio.

Mesmo com tanta variedade, é preciso ficar atento, pois nem todas as opções são vantajosas. Os bancos, por exemplo, cobram altas tarifas de envio altas e taxa de câmbio com margem de lucro. Além disso, o beneficiário também pode ser cobrado ao receber a transferência.

Plataformas para envio de remessas online

As plataformas online são o método mais barato para fazer remessa de dinheiro do exterior para o Brasil. Com elas, você pode enviar dinheiro com rapidez, segurança e sem sair de casa. Para comprovar isso, elaboramos uma lista com as plataformas online mais utilizadas no mercado. Conheça um pouco sobre cada uma delas e escolha a melhor para você.

Remessa Online

Remessa Online é uma plataforma brasileira de transferências internacionais. Nela, você pode enviar remessas e receber valores do exterior com toda a segurança. Veja por que as transferências com Remessa Online são econômicas.

  • É cobrada uma taxa de envio a partir de 1,3% sobre o valor enviado em cada operação (valor fixo de 1,3% para transações em euro; para outras moedas, como dólar americano, dólar canadense e libra, a taxa é diferente e progressiva);
  • O Imposto sobre Operações Financeiras, IOF, é obrigatório em todas as operações de câmbio (é de 0,38% para contas de outras titularidades e de 1,1% para contas do mesmo titular);
  • A plataforma cobra uma tarifa bancária de R$ 5,90 para remessas de até R$ 2.500 e não cobra tarifa bancária para valores acima de R$ 2.500;
  • Além disso, para tornar o envio mais barato, a Remessa Online utiliza a taxa de câmbio comercial, sem margem de lucro.

tempo estimado de envio é de apenas um dia útil após a confirmação do pagamento via TED. Além disso, fazer transferências internacionais com a Remessa Online é seguro porque a plataforma é regulamentada pelo Banco Central do Brasil e criptografa os dados de cada transação.

Para enviar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil pela Remessa Online é muito simples; basta fazer o cadastro gratuito no site e seguir os procedimentos para envio da transferência.

Desconto na Remessa Online

Conseguimos um cupom de desconto na Remessa Online para os nossos leitores. Ao utilizar o código EURODICAS (maiúsculo, tudo junto) na parte de pagamento, você ganha 5% de desconto na taxa cobrada pelas suas transferências internacionais pela plataforma. Aproveite!

Se você não conhece bem a plataforma, leia nosso artigo sobre a Remessa Online e descubra se é confiável.

Wise

Wise, antiga TransferWise, é outra alternativa barata e rápida para enviar dinheiro para o exterior. Para começar a usar, basta criar uma conta gratuita na plataforma e informar os dados do beneficiário e quantia da remessa.

Na Wise, você paga apenas uma tarifa única que já inclui o IOF. A moeda também é convertida com a taxa de câmbio comercial, sem margem de lucro incluída. As transferências são baratas, pois são realizadas apenas duas transferências locais: do país de origem e de destino da remessa.

O envio pela plataforma é transparente, pois você acompanha a simulação do valor em tempo real e os custos que serão cobrados. Após a confirmação do pagamento, o valor é compensado, em média, em até dois dias úteis na conta do beneficiário, dependendo do país de envio e de recebimento do dinheiro.

Saiba tudo sobre a Wise e se ela é confiável nesse artigo de avaliação da plataforma.

Remessa de dinheiro do exterior para o Brasil com a Western Union

Com a Western Union, você pode enviar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil e outros países em minutos. Para fazer uma transferência online, basta acessar o site ou aplicativo e fazer o cadastro gratuito na plataforma. Também há opção de ir até uma agência física ou telefone.

O diferencial da Western Union é a possibilidade de enviar transferências para conta bancária ou em espécie, com retirada em uma das agências. É cobrada uma taxa de envio para efetuar a transferência. Além disso, a Western Union utiliza o câmbio turismo na conversão da moeda, ou seja, adiciona sua margem de lucro própria sobre o valor do câmbio. E, é claro, não podemos nos esquecer de contabilizar o IOF em cada operação.

Em geral, o pagamento via espécie é realizado em questão de minutos na agência da Western Union. No entanto, o beneficiário precisa se deslocar até lá, o que pode ser uma desvantagem. Por outro lado, os pagamentos de transferências bancárias podem ser compensados em até dois dias úteis.

Qual é a melhor plataforma?

A Remessa Online e a Wise são excelentes plataformas para enviar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil. As transferências são econômicas e enviadas de forma rápida para o beneficiário. Além disso, ambas as plataformas são seguras e fáceis de usar.

Entre as duas, nesse momento a Wise se caracteriza como a melhor plataforma.

Os principais motivos são:

  • A plataforma oferece um excelente custo-benefício para o cliente;
  • O dinheiro chega ao destino em até dois úteis após a identificação do pagamento pela plataforma;
  • Os dados também são criptografados e você acompanha o status do envio pela própria plataforma;
  • A plataforma geralmente oferece a melhor conversão no valor recebido.

Veja uma simulação de uma transferência de 1 mil euros de Portugal para o Brasil, pela Remessa Online e Wise, no dia 08 de junho de 2021.

Operadora Valor de envio Câmbio Custo da transferência Valor recebido
Remessa Online EUR 1 mil Câmbio comercial – sem margem de lucro Taxa de 1,30% + IOF + VET R$ 6.021,91
Wise EUR 1 mil Câmbio comercial – sem margem de lucro 17,43€ (IOF e taxa de envio incluso) R$ 6.038,46

Tributação remessa de dinheiro do exterior para o Brasil

Todas as transações internacionais estão submetidas à tributação no país de origem ou no país onde a pessoa reside. Por isso, é importante ter bastante atenção no processo de fazer remessa de dinheiro do exterior para o Brasil para que não ocorra nenhuma irregularidade.

Além do custo da operação, que varia de acordo com o método escolhido para fazer a remessa de dinheiro do exterior para o Brasil, o IOF é o principal imposto, que incide em todas as operações de envio de dinheiro, seja para pessoas físicas ou jurídicas.

Já o valor desse imposto varia conforme o destino do dinheiro – se você enviar para uma conta de sua titularidade, o imposto cobrado é 1,1%; se você enviar para contas de outras titularidades (como a de um familiar, amigo ou de uma instituição financeira), o IOF cobrado é 0,38%. Caso o envio seja através de cartão de crédito, débito ou pré-pago, o IOF incidente é 6,38%.

Tributação remessa de dinheiro do exterior para Brasil

Precisa declarar imposto de renda?

Sim, é preciso declarar remessa de dinheiro do exterior para o Brasil. A regra é válida para quem enviou transferências acima de R$ 10 mil ou equivalente em moeda estrangeira. As remessas devem ter tido como finalidade:

O procedimento deve ser realizado durante o período de declaração do Imposto de Renda e os valores informados são o do último ano-base. É importante fazer a declaração no período certo para evitar multas e cair na malha fina da Receita Federal.

E quem recebe precisa declarar?

Sim!

Quem recebe dinheiro do exterior também precisa declarar os valores no Imposto de Renda. Essa obrigatoriedade é para qualquer pessoa, independente de ela estar enquadrada ou não na faixa de renda da Receita Federal.

O valor que deve ser informado refere-se ao montante obtido até 31 de dezembro do ano a ser declarado. No momento de preencher o formulário, é necessário converter o valor em dólares americanos, com base na taxa de câmbio PTAX, taxa de câmbio calculada no decorrer do dia pelo Banco Central.

Para economizar ainda mais no envio de dinheiro para o Brasil, siga as nossas dicas e utilize plataformas online como a Remessa Online ou a Wise. Dessa forma, você paga menos tarifas e envia a remessa de forma rápida e segura. Também fique atento aos prazos de declaração de Imposto de Renda e não esqueça de declarar o envio ou recebimento de remessas.