Seguro de viagem é obrigatório?

Seguro Viagem  / 

Contratar um seguro de viagem é obrigatório para quem viaja para Europa. Mas você sabe como escolher o melhor plano e como ele deve ser? Hoje vamos te dar todas as dicas para contratar um seguro de viagem e tornar sua viagem para Europa ainda mais tranquila e segura.

O Seguro de viagem é obrigatório?

Sim. Todos os brasileiros que viajam para Europa precisam contratar um seguro de viagem internacional.

Porque é obrigatório?

O seguro de viagem é obrigatório porque caso você fique doente no continente europeu ou, sofra algum acidente, estará coberto pelo seguro e o país estrangeiro não precisará arcar com os custos.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Mas aí, você pode me dizer, ah mais não vai acontecer nada comigo. Sim, esse é o desejo de todo mundo. Mas, imprevistos acontecem e, é preciso estar prevenido ou então vai ter que pagar quantias assustadoras e à vista.

Eu, por exemplo, sei de dois casos graves de pessoas conhecidas que precisaram utilizar o serviço médico no exterior. A primeira foi um senhor que teve um AVC durante suas férias em Portugal. Ele precisou ficar internado em Lisboa por mais de 3 meses e as despesas médicas foram enormes. Graças a Deus ele tinha o seguro de viagem, mas mesmo assim, a família gastou uma boa grana para poder cuidar dele em outro continente, sem ter esses gastos previstos nos seus planos.

O segundo caso, foi uma estudante de 25 anos que foi de Portugal para Tailândia com o namorado. Lá, eles alugaram uma pequena moto e se envolveram um acidente de trânsito. Os dois tiveram que ser operados, ficaram muito machucados e não tinham contratado um seguro de viagem. Todas as despesas tiveram que ser pagas de forma particular por parentes e à vista.

Quem precisa contratar um seguro de viagem?

Todos os brasileiros que viajam para Europa precisam contratar um seguro de viagem internacional. Ele é obrigatório para entrada na Europa e muitos policiais da imigração no aeroporto verificam se você tem, ou não, o seguro de viagem.

O seguro de viagem é obrigatório para entrada na Europa e deve ter o valor de pelo menos € 30 mil euros de cobertura para as despesas médicas.

Saiba também qual é a diferença entre seguro viagem e seguro saúde.

 

Quem está isento de contratar?

Cidadãos brasileiros que possuem dupla cidadania (europeia) estão isentos da contratação de um seguro de viagem internacional para Europa.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Veja quem tem direito a dupla cidadania e como adquirir.

E quem viaja grávida?

É possível contratar o seguro de viagem para grávidas que viajam para Europa com até 26 semanas de gestação e com até 40 anos de idade.

Também pode te interessar saber como é o pré natal e parto em Portugal.

O que acontece se não contratar?

Risco de não contratar seguro de viagem
Se você não contratar um seguro de viagem pode ter problema na sua entrada na Europa. Quando você chegar no primeiro aeroporto na Europa que pousar, os policiais da imigração irão lhe fazer algumas perguntas e verificar seus dados no sistema. Esses agentes poderão pedir para você mostrar o seu seguro de viagem.

Acontece que os casos em que o seguro de viagem é solicitado na entrada na Europa são raros. Entretanto, você sempre correrá o risco de precisar apresentá-lo.

Além disso, você provavelmente precisará pedir dinheiro emprestado ou fazer um empréstimo se algo de ruim acontecer. Porque os valores das despesas médicas na Europa podem ser bem altos. Ainda mais se você precisar fazer alguma cirurgia ou ficar internado.

Conheça os motivos para não morar ilegalmente na Europa.

Coberturas

Na hora de contratar um seguro de viagem verifique todas as coberturas do seguro e o que elas incluem. Muitos seguros cobrem os seguintes itens:

  • Despesas Médicas e Hospitalares;
  • Despesas Odontológicas;
  • Translado do corpo (em caso de morte);
  • Translado médico (em caso de acidente e a necessidade de um transporte especial);
  • Hospedagem após alta do hospital;
  • Despesas com fisioterapia;
  • Viagem de regresso antecipado;
  • Extravio de bagagem;
  • Passagem aérea para familiar (transporte de ida e volta e hospedagem no continente europeu).

Quanto custa um seguro de viagem internacional?

Como já te contamos o seguro de viagem é obrigatório e o valor varia de acordo com a seguradora, duração da viagem e a idade. Veja alguns exemplos de preços (preços médios dos planos inicias para estadias de 20 dias na Europa):

  • Assist Card R$ 237,40 (€ 30.000 em despesas médicas e US$ 1.200 por perda de bagagem);
  • Porto Seguro R$ 320,14 (Plano Europa – € 30.000 em despesas médicas, R$ 200.000 por morte acidental e R$ 2.500 por extravio de bagagem);
  • Mondial Assistance / Allianz R$ 355,84 (Europa Standard – R$ 150.000 em despesas médicas e hospitalares);
  • SulAmérica R$ 414,47 (Europa Compacto – R$ 30.000 para morte acidental e R$ 1.500 em caso de extravio de bagagem).

Veja também quanto custa viajar para Europa.

Como é calculado o valor do seguro?

O valor do seguro pode alterar de acordo com a idade do segurado, se está grávida, se vai praticar esportes radicais ou andar de motocicleta no exterior. É importante falar a verdade na hora da contratação do seguro ou você poderá ficar sem assistência médica no exterior quando precisar.

Também pode te interessar a matéria sobre como dirigir em Portugal.

E quem vai viajar para Portugal, Itália ou Cabo Verde?

Para quem vai viajar para Portugal, Itália ou Cabo Verde uma boa notícia. É possível fazer o PB-4 (Certificado de Direito a Assistência Médica).

O seguro PB4 é um acordo entre o Brasil e estes três países e pode ser solicitado no Ministério da Saúde de cada capital de estado. Para Portugal não é necessário ter vínculo com o INSS para requerer. Já para viajar para Itália ou Cabo Verde é necessário ter algum vínculo com o INSS (ter ou ter tido a carteira de trabalho assinada).

Saiba quais são as diferenças entre o PB4 e o seguro de viagem internacional, e qual é a melhor opção.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.