Portugal

Desemprego em Portugal: taxa atual e a recuperação do país

A taxa de desemprego em Portugal está cada vez menor e Portugal está ocupando cada vez uma posição melhor na tabela de índice de desemprego nos países da União Europeia. É verdade que o país ainda tem muito o que melhorar, mas a sua economia está se reerguendo e os índices estão melhores a cada dia. Vamos ver um pouco mais sobre o desemprego e a economia em Portugal.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança na TransferWise, que funciona em toda a Europa.


A TransferWise não exige comprovação de rendimentos, você só precisa ter um endereço na Europa.

ABRIR CONTA »

Além disso, vamos mostrar a evolução do país nos últimos anos e suas tendências.

Saiba tudo sobre o desemprego em Portugal

Portugal é um país que sofreu alguns anos com uma grande crise financeira, que elevou a taxa de desemprego e desestabilizou a economia do país. Porém, o desemprego em Portugal tem registrado cada vez números melhores. Para falar sobre esse assunto, vamos utilizar os dados da PORDATA e do INE, que estão disponíveis para consulta pública.

Dados atuais sobre o desemprego

Atualmente, a taxa de desemprego no país é de aproximadamente 6,1% (dados do terceiro trimestre de 2019). Essa é a menor taxa de desemprego registrada no país nos últimos 10 anos.

Saiba também qual é o valor do salário mínimo em Portugal atualmente.

Evolução dos últimos 10 anos do desemprego em Portugal

Portugal teve alguns anos de crise, com uma taxa de desemprego muito alta. Em 2019, foi registrada a menor taxa dos últimos 10 anos. Veja a tabela a seguir com a taxa de desemprego em Portugal nos últimos 10 anos.

Ano Taxa de desemprego
2009 9,4%
2010 10,8%
2011 12,7%
2012 15,5%
2013 16,2%
2014 13,9%
2015 12,4%
2016 11,1%
2017 8,9%
2018 6,7%
2019 6,6%

Analisando os dados dessa tabela, podemos perceber que, desde 2014, a taxa de desemprego em Portugal vem diminuindo. Isso está em acordo com o crescimento da economia do país e o fim da crise financeira.

Comparação com outros países da Europa

Ao comparar a taxa de desemprego de Portugal com outros países da União Europeia, podemos perceber que Portugal tem se recuperado muito bem da crise e tem ultrapassado alguns países, como a Espanha, por exemplo. Em 2018, Portugal ocupava o 9.º lugar na lista dos países com maior taxa de desemprego.

  1. Grécia: 19,3%;
  2. Espanha: 15,3%;
  3. Itália: 10,6%;
  4. França: 9,1%;
  5. Croácia: 8,4%;
  6. Portugal: 7%.

Comparação com o desemprego no Brasil

O Brasil fechou o ano de 2019 com uma taxa de desemprego de 11,8%, enquanto Portugal registrava 6,6%. A diferença é muito grande e esse pode ser um dos motivos que levam tantos brasileiros a emigrar para Portugal.

Idade, gênero e áreas mais afetadas pelo desemprego em Portugal

Os dados de 2019 mostram uma diferença enorme na taxa de desemprego quando vista por faixa etária. Para as pessoas com menos de 25 anos, foi registrada uma taxa de desemprego de 19,3%. Para a população entre 25 e 54 anos, a taxa de desemprego foi de 6,1% e, para pessoas entre 54 e 64 anos, a taxa registrada foi 6,5%.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com toda segurança.

VER COTAÇÃO »

Todos os dados sobre Portugal e o desemprego nos últimos 10 anos mostram que o sexo mais atingido é o feminino. Em 2018, foram registrados 7,4% de desemprego na população feminina, enquanto na masculina o registro foi de 6,6%.

De acordo com o Instituto de Emprego e Formação em Portugal (IEFP), os cursos superiores que registram maior índice de desemprego em Portugal são Comunicação, Arquitetura e Serviço Social.

Desemprego por região

Os dados da Eurostat nos mostram qual a taxa de desemprego em cada região de Portugal. Os dados são de 2017.

Região Taxa de desemprego
Norte 12,2%
Centro 8,6%
Algarve 9,3%
Metropolitana de Lisboa 11,9%
Alentejo 12,2%
Açores 11,2%
Madeira 13%

Desemprego por área

O desemprego no país também varia de acordo com as áreas profissionais. Estima-se que as áreas com maior número de desempregados são:

  • Comercial;
  • Vendas;
  • Engenharia;
  • Administração;
  • Suporte/serviços.

Projeções para 2020

Como já pudemos observar, a taxa de desemprego vem diminuindo anualmente em Portugal, e essa tendência se manterá em 2020 de acordo com os especialistas. É esperada uma taxa de desemprego de 5,9% que, se realmente acontecer, será a mais baixa registrada nos últimos 17 anos.

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Além de uma diminuição da taxa de desemprego no país, a taxa de criação de empregos também irá diminuir, mas isso não será um problema para quem está a procura de empregos, pois ainda irão ser criados novos postos de trabalho.

Comparação com a Zona do Euro

Com a taxa de desemprego cada vez mais baixa, Portugal superará a perspectiva da taxa de desemprego da área Euro e também a taxa de criação de novos empregos.

Portugal Zona do Euro
Taxa de desemprego para 2020 5,9% 7,4%
Taxa de emprego para 2020 0,8% 0,6%

Há empregos em Portugal?

Quando vemos um país com uma taxa de desemprego diminuindo a cada ano que passa, paramos para avaliar se há mesmo emprego naquele país. A criação de empregos em Portugal tem crescido e há cada vez mais novas oportunidades de trabalho. Algumas pesquisas revelaram que a área de serviços é a que mais emprega pessoas em Portugal, seguida pela indústria e construção. Além disso, houve uma grande evolução e crescimentos nas áreas do comércio, turismo, administração e transportes.

vida em portugal

Em 2018, a área que mais criou novos empregos em Portugal foi a imobiliária, seguida da Administração pública e defesa; segurança social obrigatória, a Educação e as Atividades de saúde humana e apoio social. Além dessas áreas, muitos profissionais de TI, marketing digital, biotecnologia, turismo, transporte e logística têm sido procurados para atuar no mercado português.

Por isso, há sim empregos em Portugal, em diversas áreas. Muitas empresas portuguesas contratam brasileiros, mas para isso é necessário ter toda a documentação exigida para trabalhar em Portugal.

Onde procurar empregos em Portugal

Se você ficou interessado em procurar um emprego fora do Brasil e se sentiu motivado pelo baixo índice de desemprego português, saiba que você pode fazer uma pesquisa de vagas enquanto ainda estiver no Brasil, e se for o caso, realizar entrevistas pela internet por vídeo. Veja a seguir os melhores sites de emprego em Portugal:

Se planeja uma mudança para Portugal, recomendamos a leitura do ebook Como Morar em Portugal. Nele você encontra dicas imperdíveis e conteúdo exclusivo para tirar todas as suas dúvidas e começar sua nova vida sem maiores preocupações.

Tendências pelo país

Para movimentar a economia, estão surgindo muitas tendências. Na Europa, vemos muito a economia da partilha, principalmente entre a população mais jovem (que tem também influenciado os mais velhos nesse sistema). Em vez de comprar, é cada vez mais comum em Portugal pedir emprestado, trocar ou alugar alguma coisa.

O avanço tecnológico possibilita isso. O número de startups dedicadas a esse tema e de grandes empresas que apoiam e patrocinam essas ideias cada vez mais aumenta.

desemprego em portugal tendencias

Com os negócios online, muitos escolhem viver como nômades digitais, muitas pessoas compartilham espaço de coworking, comercializam produtos pela internet, fiscalizam o que está sendo proposto por uma determinada empresa, se ela está cumprindo sua função e o que promete (são os chamados compradores detetives), trabalham com design digital, partilham espaços e, até mesmo, apartamentos.

Tudo isso movimenta a economia e faz com que as taxas de desemprego em Portugal caiam. Se você ficou interessado, leia o artigo que fizemos sobre as profissões que estão em falta em Portugal e saiba como trabalhar em Portugal.

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas.
Compartilhe

Julia Discacciati

Julia é brasileira, formada em Turismo e mora em Portugal há 6 anos. Tirou o mestrado em Empreendedorismo na Universidade da Beira Interior e atualmente está terminando o doutorado em Gestão. Apaixonada por viagens, baladas e por fazer novas amizades, gosta de usar o tempo livre para conhecer novos países e culturas.

Carolina Carvalho

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Artigos Relacionados

Fechar