10 coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal

Portugal  / 

Ao desembarcar em terras lusitanas seja a turismo, estudos ou mudança definitiva, muitas coisas passam pela nossa cabeça. A diferença entre os dois países é grande e o impacto cultural também. Se você já passou por essa experiência ou está iniciando agora essa nova fase, venha entender quais as coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Confira as coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal

É comum que nos primeiros dias você fique um pouco perdido com a rapidez que os portugueses falam. Mas isso é só no começo, pois quando você menos esperar já estará entendendo tudo. Além da rapidez, uma das coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal é que os portugueses falam tudo “ao pé da letra”, sendo essa também uma grande diferença entre os dois países.

Sempre costumo dizer que quando falamos para alguém, por exemplo: “Gostaria de ir ao outro lado da ponte”, o brasileiro vai te responder: “Você pode atravessar de barco pelo mar ou ir andando pela ponte, etc”. Já o português possivelmente vai te responder: “Pois então, vá ao outro lado da ponte”. É mesmo muito engraçada a forma que as respostas são tão diferentes e fazem o total sentido ao mesmo tempo.

Confira tudo que você precisa saber para morar em Portugal.

1. “Ora pois?”

Eu podia jurar que ia escutar os portugueses falando “ora pois”. Tenho certeza que você já pensou isso também, certo? Logo que desembarquei em Portugal pela primeira vez, fiquei prestando atenção nas pessoas conversando, e percebi rapidamente que não tem essa de “ora pois”. Apenas o “pois”, que é dito com muita frequência inclusive. Eu mesma já estava falando “pois” em todas as frases possíveis, algumas semanas depois.

2. “Percebi”, “Tá bem”, “Beijinhos”, “Tô”

Nos primeiros dias em Portugal, nós realmente pensamos: “Esse português falado aqui é totalmente diferente do que eu falo no Brasil”. E de fato, é verdade em partes. Não tanto em questão de significado, mas na forma de expressar e nas entonações também.

O nosso “entendi” é o “percebi” deles, o seu “ok” é o “tá bem” do seu amigo português e o “alô” do Brasil é o “tô” de Portugal. Além disso, não vá se despedir em Portugal sem dizer “beijinhos ou beijinhos grandes”, tá bem? A verdade é que uma das melhores coisas de viver em Portugal é essa diferença de palavras e expressões. É incrível perceber o quanto nos adaptamos facilmente e carregamos algumas expressões conosco por muito tempo, mesmo depois de voltar ao Brasil.

3. Gastronomia portuguesa

A infinidade de pratos, sabores e aromas da gastronomia portuguesa ganha o coração de muitos brasileiros que chegam as terras lusitanas. Quando viajamos para Portugal, um dos pensamentos predominantes são os vinhos e o bacalhau. Que por acaso, fazem total jus a fama que tem.

É inacreditável a qualidade das bebidas, especialmente dos vinhos (com valores muito mais em conta quando comparamos com o Brasil) e a quantidade de pratos variados com bacalhau, que encontramos nos restaurantes espalhados pelo país.

Além disso, os famosos doces portugueses, principalmente o pastel de nata, deveriam ser considerados a oitava maravilha do mundo. Não deixe de provar os Pastéis de Belém em Belém, esse doce espetacular.

doces portugueses pastel de nata

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Sabia que agora pode levar bacalhau de Portugal para o Brasil? Saiba como.

4. Cadê a luz do banheiro?

Já falamos aqui no Euro Dicas, no artigo 8 curiosidades sobre as casas em Portugal, sobre o interruptor fora da casa de banho (banheiro). A realidade é que no começo, você entra no banheiro e só depois lembra que o interruptor fica do lado de fora. Ah, e claro que ao voltar ao Brasil, onde você vai procurar o interruptor? Do lado de fora, é óbvio!

5. Acabou a energia no cinema?

Eu estava assistindo um filme no cinema em Coimbra quando, na parte mais emocionante, ele parou de ser exibido. Enquanto eu estava com uma cara de “ué”, várias pessoas se levantaram para ir ao banheiro ou dar uma esticada nas pernas. É que em Portugal, os filmes têm intervalo, o que eu particularmente achei ótimo, principalmente naqueles que tem várias horas de duração. Mas não é em todos os cinemas.

6. A segurança existe de verdade

Infelizmente no Brasil sofremos graves problemas relacionados à segurança pública. Inclusive, um dos fatores que ajudam na escolha de morar fora, é justamente a busca por mais tranquilidade.

Uma das coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal, é que realmente existe segurança nas terras lusitanas. A sensação de poder andar tranquilamente com o celular na rua, não tem preço. É claro, que sempre devemos estar atentos em qualquer lugar do mundo, nunca deixando de ter cuidado. Mas a diferença nas questões de segurança pública é gigantesca.

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

7. Uma hora é muito tempo

Uma das grandes diferenças nos costumes entre Brasil e Portugal é o tempo. Por exemplo, no Brasil uma hora é o tempo que eu demoro pra chegar ao meu trabalho, todos os dias. Eu utilizo o transporte público (principalmente o metrô), e em uma horinha já estou no centro de São Paulo.

Em Portugal, uma hora é o tempo que demora a viagem de Coimbra até Porto, de autocarro (ônibus). Muitos amigos portugueses me disseram que 60 minutos é muito tempo de deslocamento, por isso é realmente considerado uma “viagem”. Sempre penso que no Brasil entre faculdade, trabalho e demais obrigações do dia a dia perdemos um tempo considerável no transporte público, e em Portugal isso costuma ser diferente.

8. Em Portugal temos maior qualidade de vida

Um dos motivos é justamente esse do tempo no transporte público em Portugal. Além disso, o ritmo de vida no país é mais tranquilo, possibilitando uma melhor qualidade de vida.

9. Parece que estou vivendo em um filme

Não tem como não se encantar com cada detalhe desse país. Cada cidade tem sua particularidade, sua beleza e seu charme. É impossível não se apaixonar pela delicadeza de Coimbra, pela atmosfera de Lisboa e pelo show da natureza no Algarve.

É só caminhar por alguns minutos no Porto, fazer um passeio nos moliceiros em Aveiro ou mesmo conhecer Sintra, que temos a sensação de estar vivendo em um filme. Portugal é um país muito rico culturalmente e poder absorver e viver completamente todas as experiências que o país proporciona é um das coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal.

Porto

10. Às vezes tenho a impressão de que estou no Brasil

Alguns dias após chegar em terras lusitanas, estava conversando com um amigo português, que me disse: “Às vezes penso que fui eu a mudar de continente”. E é verdade, pois nos últimos anos, muitos brasileiros se mudaram para Portugal.

No artigo que mostra porque os jovens brasileiros se apaixonam por Portugal, eu falei sobre a sensação de ter um pouco do Brasil: “Quando eu vivi em Coimbra, morei em uma casa em que a dona é brasileira, natural de Belo Horizonte. Eu sou de São Paulo. Fiz amigos que moram no Sul, no Norte, no Nordeste e no Sudeste do Brasil. Fico pensando que se não tivesse ido para Portugal, talvez nunca tivesse a oportunidade de conhecer tantos brasileiros de diferentes partes do país.”

A verdade é que existem milhares de coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal. Mas um pensamento é praticamente unânime: esse país é extremamente apaixonante. Também é inevitável querer ficar e pensar “será que eu consigo arrumar um emprego em Portugal e ficar por aqui? Não quero voltar pra casa não”.

Agora que você já conhece as coisas que todo brasileiro pensa quando chega em Portugal, morar no país está nos seus planos, não deixe de conferir nosso E-book Como Morar em Portugal. Nele, apresentamos dicas incríveis e um conteúdo exclusivo sobre tudo que você precisa saber para arrumar suas malas e mudar de vida. Boa sorte!

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autores

Yara é brasileira, tem 24 anos e estuda Farmácia. Paulista que se encantou pelo Porto, pretende chamar essa cidade de lar em breve. Totalmente apaixonada por viagens (principalmente intercâmbio) e conhecer novas culturas, adora compartilhar tudo o que vê por aí, através da escrita.

Erick é luso-brasileiro, aos 21 anos mudou para a Europa e dedica parte do seu tempo para ajudar outros brasileiros realizarem o sonho de viver na Europa. Mora atualmente em Portugal, trabalha com tecnologia e é fundador da Euro Dicas.