Viajar de avião é sinônimo de lugar apertado, comida ruim, gente roncando, dor nos joelhos e uma lista interminável de coisas decepcionantes e desgastantes. Neste artigo, separei algumas coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa. Se já esteve nessa situação, vai entender muito bem o que eu falo. Mas no fim sempre vale a pena!

Vamos lá!

1. Eu paguei tão caro e essa viagem é tão ruim!

Como podemos pagar tão caro para viajar e não ter nenhum tipo de conforto, eu simplesmente não entendo.

Tudo, absolutamente tudo em um voo de classe econômica é ruim: não tem como esticar as pernas, a cadeira reclina muito pouco (quando reclina), o banheiro é mínimo e muitas vezes fica todo sujo, organizar a comida na mesinha é um verdadeiro malabarismo (se é podemos chamar aquilo de mesinha).

Sinceramente, eu que sou muito chata ou realmente não tem uma coisa boa em viajar de avião em classe econômica?

2. Eu acho que vou ficar sem joelhos!

Esse é o tipo de coisa que já apareceu no pensamento de qualquer viajante, principalmente quando são mais de 4 horas de viagem.

Gente, esticar as pernas é o mínimo de conforto que a classe econômica poderia oferecer, né? É praticamente uma questão de saúde pública. Quem nunca levantou da cadeira ou foi no banheiro até sem vontade só para dar esticada nas pernas?

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Seguro de Viagem na Europa é obrigatório

Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

Ver Cotação →

Eu já passei da fase que querer sentar na janela para ficar admirando a paisagem na hora da decolagem e aterrissagem. Hoje, só escolho assento no corredor. Dessa maneira, consigo aproveitar alguns poucos momentos em que não está passando ninguém pelo corredor para esticar as minhas pernas sem precisar me levantar.

E sem a minha lombar

Que sofre de lordose sabe muito bem o que eu estou falando. Pior do que ficar sem joelhos é ficar sem a lombar.

Passar horas sentado em uma cadeira sem conforto e que não reclina o suficiente ou simplesmente não reclina é pedir para sair do avião direto para o hospital ou para o massagista.

Airbus da Ibéria cheio de passageiros
Por que um banheiro pequeno para um avião tão grande?

A tática para não deixar chegar no ponto crítico é a mesma do joelho. Levanta da cadeira, dá aquela esticada no corpo, estala a coluna e aproveita para ir no banheiro para ficar um 3 minutinhos em pé.

3. Que banheiro tão apertado, nem dá pra me virar direito

O espaço apertado do banheiro, sem dúvida, é uma das principais coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa.

Gente, qual é o problema dos engenheiros? Não pode perder três ou quatro cadeiras em uma aeronave com capacidade de mais de 200 lugares para fazer um banheiro um pouco maior? Não tem como se movimentar ali dentro. Até a pia para lavar as mãos é pequena e parece de brinquedo.

Além de apertado é nojento

Entrar no banheiro de avião durante uma viagem longa é respirar fundo e fechar os olhos porque ele fica nojento. Porém, nesse aspecto não dá para culpar o avião.

Quem são os porcos que sujam o banheiro, jogam papel onde não deve e mijam no chão? Quando me deparo com essa cena, o pensamento que me vem à cabeça é: ok, desisto da humanidade!

Saiba como comprar passagem com milhas.

4. Não posso dormir, a comida já vai chegar

Essa é uma das coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa. Quem nunca ligou uma música ou deu play em um filme na tentativa de se manter acordado até a comida chegar? E tem hora que ela demora mais do que deveria ou só eu tenho essa sensação?

E quando a comida chega é só decepção!

5. Que comidinha tão ruinzinha….

A primeira decepção é o sabor. A comida de avião não tem gosto de absolutamente nada. Não tem tempero, não tem sal. A comida vegetariana tem basicamente o mesmo sabor da carnívora. Até as bebidas perdem o sabor, como pode isso?

Calma, tem uma explicação científica. Segundo o livro Gastrofísica, do professor de Psicologia Experimental da Universidade Oxford, Charles Spence, a pressão e até o ruído do avião conseguem diminuir a nossa capacidade de sentir os sabores doces e salgados. O estudo desenvolvido pela Fraunhofer Institute for Building Physics, na Alemanha, a nossa percepção de sabores pode diminuir até 30% quando estamos no ar.

Agora, fica mais claro o motivo da comida do avião ruizinha, mas a verdade é não é bem assim.

Espaço para comer no avião é pequeno
A comida ruim é uma das coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa.

6. E o espaço para comer é minúsculo

O espaço para comer também não poderia ficar de fora da lista de coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa. É um verdadeiro show de malabarismo!

A bandeja é a conta certinha da mesa, tudo bem, dá para comer tranquilo. Só que daí tem a bebida, que quando apoiada na mesa, vem o pensamento que em algum momento você vai esbarrar no copo derramando todo o líquido e fazendo aquela bagunça. Estou mentindo?

7. Vou dormir um pouco, até que…

Até alguém roncar do meu lado, um bebê chorar, o cachorro ou gato miar, o coleguinha do lado me cutucar pedindo licença, pois ele precisa ir ao banheiro, o coleguinha de trás começar a chutar a minha cadeira.

E o principal: o comandante falar coisas completamente aleatórias no microfone. Sério, alguém consegue entender alguma coisa que ele fala? O som é pior que rádio velho e sem frequência.

Tenho certeza que essas são coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa antes de pegar no sono. Cá entre nós, dormir sossegado na classe econômica é uma missão impossível.

Descubra como viajar com animais para Europa.

8. A porta não vai abrir mais depressa se vocês ficarem de pé, gente!

Entre as coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa é que ficar em pé e sair pegando as malas assim que o avião pousa no chão vai fazer a porta abrir mais rápido. Sinto dizer que isso não acontece.

Então, eu pergunto: qual a necessidade disso, gente? Relaxa, permaneça sentado até a porta abrir. E se você não tem uma conexão para pegar em um curto período de tempo, não há necessidade de sair atropelando todo mundo. Seja uma pessoa educada!

9. Nossa, que sujeira e bagunça que as pessoas deixam no avião!

Na 9ª posição de coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa é com relação à sujeira e a bagunça que as pessoas deixam no avião. Parece cenário de filme apocalíptico.

Como pode tamanha sujeira e bagunça em tão poucas horas? Se você nunca reparou nisso, acho melhor voltar para o tópico acima: não precisa atropelar ninguém para sair da aeronave.

10. Na próxima viagem eu vou juntar mais dinheiro para viajar numa classe melhor!

Quem nunca pensou sobre isso depois de uma viagem desconfortável e desgastante na classe econômica? Eu penso todas as vezes, mas a consciência me chama para a realidade e lembro que não tenho dinheiro para viajar de classe executiva e muito menos de primeira classe.

É tão duro ser proletariado, né? Mas tudo bem, sonhar não custa nada (ainda)!

Homem na classe executiva
Juntar dinheiro para executiva é coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa.

Brincadeiras à parte, sabia que tem como conseguir upgrade em voo? E muitos viajantes dominam essa técnica.

11. Rezando: minha mala vai estar ali, inteira e não extraviada!

Ocupando a 11ª posição de coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa, ou melhor, reza, é que a bagagem apareça na esteira. Eu nunca passei por essa situação, mas sei que extravio de bagagem é muito mais comum do que se pensa e sempre fico apreensiva.

Segundo a reportagem da CNN Brasil que cita os dados do SITA — uma empresa de software de gestão de bagagem — 25 milhões de malas são perdidas por ano e 5,6 malas extraviadas a cada mil viajantes.

Podemos dizer que uma pessoa que nunca teve uma bagagem extraviada é um grande sortudo. Por isso, nunca viaje sem contratar um seguro bagagem.

12. Precisa mesmo chegar tão cedo no aeroporto?

O horário de chegada no aeroporto também está entre as coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa.

Qual a necessidade de chagar 3 horas antes do embarque para um voo internacional e 2 horas para voo nacional? Tudo bem que deve ter em mente, o risco de pegar um congestionamento no caminho para o aeroporto.

Contudo, se tem um táxi ou ônibus que vai direto em uma pista dedicada ou um metrô até o aeroporto. Por que chegar tão cedo assim? O desgaste da viagem começa por aí. Sorte de quem tem acesso a sala VIP aeroporto.

13. A bagunça organizada na cabine

Para fechar a lista de coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa, vamos falar da bagagem de mão, ou seja, a malinha que pode ir na cabine.

Eu realmente não consigo entender a bagunça que se forma no avião. Se a fileira tem 4 lugares, o bagageiro em cima foi projetado para caber 4 malas: uma para cada passageiro. Parece simples, mas na prática não é bem assim. Como é possível, por exemplo, me sentar no lugar F23 e a minha bagagem ser colocada no bagageiro B9?

Em que momento essa bagunça é decretada? Tenho dó dos comissários de bordo que precisam fazer um jogo de Tetris com as bagagens de mão.

Dicas para viajar

Gostaram da minha lista de coisas que todo mundo que viaja de avião em classe econômica pensa? Avião é uma experiência horrorosa, mas viajar é muito bom e no final acaba compensando todo o desgaste, né?

Então, aí vão algumas dicas para viajar:

  • No site da Passagens Promo é possível encontrar passagens aéreas com até 35% de desconto.
  • A outra dica que posso dar se refere ao planejamento. Sabia que é possível comprar passagem aérea com até 12 meses de antecedência? Organize as suas férias, quanto mais perto da data da viagem, mais cara a passagem aérea. Não precisa comprar com tanta antecedência assim, mas ao menos 3 meses de antecedência vale a pena;
  • Nunca entre em um voo sem comprar seguro viagem. Se a sua mala extraviar ou o voo atrasar, ao menos poderá contar com a assistência da seguradora;
  • Vai viajar para a Europa? O seguro viagem é obrigatório em 26 países que fazem parte do Espaço Schengen e precisa ter cobertura médica e hospitalar mínima de 30 mil euros.
  • Pode utilizar o nosso comparador de seguro viagem para fazer uma cotação e comparar os planos;
  • Viaje com uma roupa confortável. O seu corpo e a sua mente vão te agradecer por isso.

E por último, viajar de avião é ruim, mas a viagem pode se tornar mais agradável se cada um for fizer a sua parte. Não chute a cadeira da frente, não jogue o cabelo para trás da poltrona (lembre-se que ali pode ter uma pessoa assistindo um filme), não coloque o pé no assento da frente. Se cada um tiver o mínimo de educação e fizer a sua parte, todo mundo sai ganhando!