Contrato de trabalho na Espanha: saiba como funciona

Pensa em trabalhar fora do Brasil? Venha saber tudo sobre como funciona o contrato de trabalho na Espanha. A Espanha é um destino bastante procurado para trabalho, afinal possui uma série de benefícios. É um país extremamente rico em cultura, gastronomia, história e com várias cidades e pontos turísticos incríveis.

Em relação à moradia no país, a Espanha é conhecida por sua segurança, pela facilidade em entender e aprender a língua. Além, é claro, pelo fato de estar dentro da União Europeia, o que por si só já traz uma série de vantagens. Ter um contrato de trabalho na Espanha é uma excelente forma de aproveitar esses benefícios.

Tudo sobre o contrato de trabalho na Espanha

Para começar a sua relação como empregado no país, existem algumas espécies de contrato de trabalho.

Na Espanha, é possível encontrar os contratos de trabalho indefinidos, temporários e de estágio.

Um contrato indefinido é utilizado em relações de trabalho que não possuem uma data final. Geralmente é usado quando não existe nenhum outro contrato formalizado e este não possui nenhum incentivo financeiro ou subsídio da segurança social espanhola. Em caso de demissão sem justa causa, o pagamento da indenização é referente a até 45 dias de salário, por um período de até 43 meses.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

O contrato temporário é aquele que possui um tempo de duração previamente fixado e não pode durar por mais de 6 meses em um espaço de 1 ano. São utilizados para substituições temporárias, produção ou serviços específicos, por exemplo.

Espaço de trabalho na Espanha

Em último lugar, o contrato de estágio é voltado para estudantes ou alunos recém graduados. O tempo da permissão de trabalho pode variar entre 6 meses a 2 anos, podendo ser prolongado para até 3 anos caso os alunos tenham entre 16 e 21 anos.

Precisa ter um contrato de trabalho para conseguir visto?

Essa é uma dúvida muito comum para todos que desejam trabalhar na Espanha.

Para o turismo, o visto não é necessário para uma permanência de até 3 meses no país, porém como contratos de trabalho são mais longos e é sempre importante estar dentro da lei, é preciso ter um visto de trabalho específico. Existem diferentes modalidades desse tipo de visto e nem sempre é necessário ter um contrato de trabalho propriamente dito.

A primeira modalidade de visto é o de residência e trabalho por contrato de trabalho. Nesse caso, é preciso que o trabalhador tenha um contrato que comprove que estará realizando atividade remunerada como funcionário de uma empresa.

Para os profissionais autônomos, existe uma modalidade própria de visto. Independentemente da área de atuação, para conseguir esse visto é preciso realizar o investimento inicial para abrir o seu negócio no país e provar que possui uma renda suficiente para se manter na Espanha. Investidores, empresários, pesquisadores e trabalhadores transferidos de uma sede a outra devem tirar seu próprio visto.

Por fim, a última modalidade de visto é de residência e trabalho isento de autorização prévia. Esse visto é voltado para funcionários civis, artistas, ministros religiosos, professores e pesquisadores, jornalistas.

Benefícios de ter um contrato

Por mais que a Espanha esteja se recuperando financeiramente, ainda é um país com excelente potencial e com uma série de benefícios para aqueles que conseguem um contrato de trabalho. O salário mínimo no país é de 1050€ em 2019 e a maior parte das vagas paga cerca de 18 mil € por ano.

Na Espanha, também existe o pagamento de 2 salários “extras”, no início do verão e outro antes do Natal. Geralmente, a carga horária diária vai das 9h às 18h, com uma pausa para almoço em torno das 14h, ou das 8h às 14h30, depende do modelo adotado pela empresa em questão, totalizando 40 horas semanais.

Em relação às férias, os funcionários podem pedir seus dias de “descanso” a partir do segundo ou terceiro mês trabalhado, podendo emendar com feriados e sendo bem flexível, principalmente nos meses além do verão.

Além disso, ao morar na Espanha você tem o benefício da saúde pública de qualidade e do transporte público eficiente.

Como conseguir um contrato de trabalho

As principais vagas de emprego na Espanha são para as áreas de Engenharia Informática, Mecânica, Tecnologia em geral e Indústria, sendo essas as mais fáceis para se conseguir um contrato de trabalho.

Para conseguir ser notado pelas empresas, é fundamental possuir um bom currículo traduzido para o espanhol e ter todos os seus diplomas validados antecipadamente, de forma a estar sempre preparado. É fundamental também ter um conhecimento pelo menos intermediário do espanhol europeu.

Equipe de trabalho na Espanha

Para encontrar as vagas, é preciso estar constantemente procurando nos principais sites de ofertas do país e estar cadastrado em plataformas de recrutamento, por exemplo.

Tenha sempre em mente que conseguir um contrato de trabalho na Espanha não é uma tarefa fácil. Por isso, é preciso persistência e uma excelente ideia é aprimorar o seu currículo com cursos e outras experiências que possam ser um diferencial na sua área.

Trabalhar como freelancer

Outra opção para trabalhar na Espanha é como freelancer. Inclusive, a cidade de Barcelona é onde está localizada uma das maiores comunidades freelancers de toda a Europa. Essa modalidade de trabalho vem conquistando pessoas ao redor do mundo inteiro pelos benefícios que traz com a flexibilidade da rotina e o amplo leque de áreas de atuação.

Na Espanha, existem uma série de cafés, bibliotecas e espaços de co-working, e até mesmo lojas com conexão Wi-Fi e tomadas para quem precisa trabalhar como freelancer de forma remota.

Legalização

Em relação ao visto, você pode permanecer no país legalmente como turista por 90 dias, mas não é o ideal prestar serviços à comunidade espanhola com esse tipo de visto. Essa prática é ilegal e pode te trazer problemas. Por isso, invista um tempo para providenciar todos os documentos necessários para ficar dentro da lei.

Visto de profissional autônomo

Para permanecer legalmente no país por mais tempo é preciso preencher os requisitos e tirar um visto como profissional autônomo, abrindo seu negócio no país. Você também pode provar que possui clientes externos suficientes para se sustentar na Espanha e assim aproveitar tudo o que ela tem a te oferecer.

Seguro viagem é essencial

E não esqueça, se você quer trabalhar na Espanha, saiba que o seguro viagem é obrigatório. Recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem. Ele apresenta planos das principais seguradoras do mercado e ainda garantimos os melhores preços aos leitores do Euro Dicas. Faça sua cotação sem compromisso e veja quanto vai custar!

Evellyn Lima é brasileira e atualmente não tem endereço fixo. Resolveu viver uma vida de nômade digital. É jornalista, redatora, revisora e compartilha detalhes e surpresas das suas viagens no Instagram @ninguemcontadaviagem.

Artigos relacionados

Como morar na Espanha: todas as dicas para planejar sua mudança

Se morar na Espanha é seu sonho, temos uma boa notícia: existem diversas maneiras de morar na Espanha, e com certeza uma é perfeita para você. Saiba como.

Profissionais em falta na Espanha: lista de profissões e salários médios

Apesar dos vários anos de crise económica na Espanha e o elevado desemprego, existem profissionais em falta na Espanha. Conheça a lista de profissões.

Melhores cidades da Espanha para morar: confira o top 5

Conheça as cidades da Espanha com melhor qualidade de vida, para você morar. Uma dessas cidades da Espanha é perfeita para você viver. Veja a lista!

Cidadania Espanhola: como conseguir o passaporte europeu

Existem 3 situações em que brasileiros podem ter direito à cidadania espanhola. Conheça o processo para solicitar e quais os documentos necessários.

Visto para Espanha: quais são, custos e como conseguir

Conheça quais os tipos de visto para Espanha. Saiba como e onde requerê-los, quanto custa e quais os documentos necessários para dar entrada no processo.

Custo de vida na Espanha: saiba quanto custa viver no país

Conheça o custo de vida na Espanha e quanto precisa para viver bem: quanto custa alugar um apartamento, as principais contas do mês, mercado, lazer e mais.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube