Salário na Espanha: conheça os valores e as profissões mais bem pagas

Espanha  / 

Muitos brasileiros querem sair do país em busca de melhores oportunidades. Entre um dos países mais belos do mundo, além da facilidade da língua e a proximidade cultural, a Espanha recebe muitos estrangeiros que desejam morar e trabalhar no país. Mas você sabe como é o salário na Espanha?

Se você faz parte desse grupo de pessoas que querem mudar de vida, acompanhe o nosso artigo abaixo!

Salário na Espanha

O salário mínimo vai registrar um aumento de 22% ainda em 2019. Com o incremento, o salário na Espanha chega a 1.047€ mensais, o maior salário mínimo desde 1977. Certamente é uma grande conquista para a classe trabalhadora do país.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

Infelizmente, no entanto, a Espanha possui um dos salários mais baixos da União Europeia. O país só não perde para Portugal.

O décimo quarto salário

Na Espanha, ao contrário de outros países, muitas empresas também pagam o décimo quarto salário, além do décimo terceiro. Isso é uma excelente perspectiva para o crescimento pessoal e coletivo do país, aumentando o poder de consumo do cidadão espanhol.

Porém, tome muito cuidado ao calcular o valor anual mencionado pelo seu contratante. Isso porque geralmente quando é exposto o valor não terá o cálculo apenas em cima dos 12 meses. Divide-se o valor por 14, levando em conta os dois últimos a serem pagos.

O 14º salário é pago em dezembro e o 13º é recebido nas férias de verão na Espanha.

Confira uma lista completa com os países com menos impostos na Europa.

Diferenças face ao resto da Europa

Mesmo contando com um bloco econômico forte, como a União Europeia, cada país tem autonomia para decidir a sua base salarial. Acompanhe abaixo os valores pagos nos principais países e compare com o salário na Espanha.

Os países com maior salário mínimo:

Os países com menor salário mínimo:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é o Remessa Online.


No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »
  • Eslovênia: 842,8€
  • Portugal: 600€
  • Bulgária: 235,20€;
  • Romênia: 318,52€;
  • Lituânia: 380€;
  • Letônia: 380€;
  • Hungria: 412,66€.

Custo de vida face aos salários

A Espanha saiu de uma temida recessão com mais de 20% de seus moradores sem emprego. A situação econômica do país melhorou bastante desde então, mas ainda é possível sentir os sintomas da crise financeira.

Apesar do salário na Espanha ser considerado baixo para os padrões europeus, o custo de vida no país ainda é alto. Com todos os gastos incluídos, os valores médios em uma cidade grande como Barcelona ou Madrid, custará mais do que os 1.000€ do salário mínimo.

É claro que o custo de vida também vai depender do seu estilo de vida. Cidade onde vai morar, região, tipo de residência e gastos mensais variam muito nos gastos. No entanto, apesar do alto custo de vida na Espanha, é possível encontrar opções para economizar no final do mês.

Saiba como é morar em Barcelona.

Alternativas

Uma das alternativas para baixar o seu custo de vida é procurar regiões mais distantes dos grandes polos espanhóis, especialmente Madrid e Barcelona. É possível gastar bem menos nas cidades menores, já que os gastos com aluguel, alimentação e transporte serão menores.

Por outro lado, por serem cidades menores, o problema está na escassez de emprego.

Por isso, caso esteja pensando em ir morar em terra espanhola, sugerimos pensar em dividir aluguel com mais pessoas, por exemplo. É difícil manter os custos caso esteja sozinho. Pense nisso! Certamente fará total diferença, pelo menos até você se estabelecer!

Veja algumas indicações de cidades com menor custo de vida abaixo:

  • Zamora;
  • Palencia;
  • Teruel;
  • Ourense;
  • Lugo;
  • Cáceres;
  • Torrevieja;
  • Almería;
  • Castellón de la Palma.

Confira qual o custo de vida na Espanha.

Existe desigualdade social na Espanha?

Após os recém completados 10 anos de crise econômica, os espanhóis ainda sentem o impacto da recessão. Mesmo com um certo avanço nos últimos anos, a Espanha ainda é considerada um dos países que registram as maiores diferenças de renda entre ricos e pobres na União Europeia.

Estima-se que os 20% mais ricos ganham cinco vezes mais que os 20% mais pobres do país.

Apesar do crescimento tímido, aos poucos a população retoma o seu poder de compra. A taxa de desemprego que era de 20% caiu para 15,2%.

Mas a desigualdade social não é nem de longe parecida com a do Brasil

Vemos no Brasil um abismo muito grande entre muito rico e muito pobre. No caso da Espanha, problemas econômicos estão fazendo com que pessoas se encontrem em uma situação difícil, economicamente falando. No entanto, mesmo em situação de crise, a desigualdade não é tão grande quanto no nosso Brasil.

Profissões mais bem pagas

Segundo o Instituto Nacional de Estatísticas da Espanha, dados de 2017, as profissões mais bem pagas na Espanha são:

  • Dentista (60.000€ anual bruto);
  • Pediatra (56.000€ anual bruto);
  • Advogado (45.000€ anual bruto).

São profissionais liberais cujos valores dos serviços prestados na Espanha são bem mais relevantes do que em solo brasileiro.

salario na espanha dentista

Ainda são consideradas profissões com salários médios altos:

  • Juiz;
  • Médico especializado em ginecologia;
  • Diretor de cinema;
  • Professor de Ciências Políticas;
  • Terapeuta ocupacional;
  • Professores e pesquisadores universitários.

Acompanhe quais são as profissões mais bem pagas na Europa.

Profissões que pagam pouco

A maioria dos outros serviços sofrem com o baixo salário. Os últimos dados de 2017 revelaram que quase 13 milhões de pessoas, o que representa 27,9% da população espanhola, estavam em risco de pobreza ou exclusão social.

O valor do salário na Espanha subiu de 19.500€ anuais em 2000 para 20.600€ em 2017, o que representa somente 6% de aumento em 17 anos.

Levando assim a profissões tidas como mais comuns a ganhar nada mais do que o próprio salário mínimo. Portanto, se você deseja morar na Espanha é preciso ponderar bastante as suas opções e objetivos de vida.

salario na espanha

Emprego para brasileiros na Espanha

De acordo com dados do Itamaraty, a Espanha está na lista dos países com maior número absoluto de brasileiros. No ranking, só perde para Estados Unidos, Paraguai, Japão, Reino Unido e Portugal.

É necessário levar em consideração a grande dificuldade de se conseguir emprego na Espanha atualmente. Independentemente se você é brasileiro ou não, a taxa de desemprego, mesmo contando com certo avanço, ainda é alta.

No verão, encontra-se certa facilidade em encontrar trabalhos nos pólos turísticos. No entanto, nós não recomendamos que você viaje para a Espanha na alta temporada e só então comece a procurar por emprego. Certamente é muito arriscado. Busque melhores maneiras de se organizar.

Você sabe quais são os profissionais em falta na Europa? Descubra aqui.

Exigências

Os requisitos exigidos pelo Governo Espanhol para um estrangeiro trabalhar no país é:

  • Idade acima de 16 anos;
  • Visto de trabalho ou equivalente;
  • Autorização para residir no país;
  • Inscrição na Seguridade Social;
  • Conta bancária na Espanha;
  • Comprovante de residência;
  • Cartão de Identidade do Estrangeiro (caso você não tenha cidadania europeia).

Saiba quais são todos os documentos para morar na Espanha e como organizá-los.

Empregos mais procurados

É claro que, em geral, as empresas espanholas darão preferência para os cidadãos espanhóis e europeus ao contratar um profissional. No entanto, não é impossível encontrar um bom trabalho no país.

As principais áreas que faltam profissionais são: Tecnologia da Informação, Engenharia, Indústria e Turismo. Por isso, se você quer uma chance e ter uma salário na Espanha que compense a mudança, faça com que o seu currículo seja impressionante.

Leia nosso artigo e confira dicas de como trabalhar na Espanha.

Dicas

Caso esteja pensando em imigrar para a Espanha, se organize. Busque companheiros para dividir aluguel, tente encontrar um emprego antes da sua chegada e tenha um dinheiro guardado.

E nossa principal dica, claro, é investir no idioma do país. Afinal, quanto mais você dominar a língua espanhola, melhor serão as suas chances de conseguir um salário na Espanha que garanta uma boa qualidade de vida.

Acompanhe as nossas dicas de como aprender espanhol rápido.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.