(Atualizado em dezembro de 2020) Portugal é o Estado-nação mais antigo da Europa e é dividido em 7 regiões, incluindo a área continental, mais as ilhas da Madeira e dos Açores. Com pouco mais de 10 milhões de habitantes, o país mais ocidental da Europa carrega história fatos e acontecimentos que foram determinantes para que o mapa de Portugal chegasse em sua configuração atual.

Entenda as divisões no mapa de Portugal

Apesar de ser um país pequeno, Portugal está divido em regiões que são definidas geograficamente. Porém existem, ainda, outras subdivisões que são os distritos, concelhos e freguesias. A seguir explicamos em detalhes como funcionam essas divisões para conseguir entender melhor o país.

Regiões portuguesas

As regiões de Portugal são basicamente um conjunto de estados, que no país denominam-se regiões. São divididas entre Norte, Algarve, Centro, Alentejo, Lisboa e também entre os Arquipélagos de Madeira e Açores, consideradas regiões autônomas.
O país pode, ainda, ser dividido em 11 regiões geográficas, de acordo com a classificação popular. Assim, o mapa de Portugal passa a englobar a região do Alto Douro Vinhateiro e Trás-os-Montes, Entre Douro e Minho, Beira Litoral e Beira Interior, Estremadura e Ribatejo.
No entanto, cabe ressaltar que essa divisão regional não tem valor administrativo em Portugal, apenas popular, por ser bem conhecida entre os habitantes locais e entre os turistas.
Conheça aqui as belezas da região sul de Portugal e inclua no seu roteiro de viagem.

Distritos de Portugal

Os distritos de Portugal correspondem aos Estados brasileiros, mas nesse caso, os distritos possuem o nome da principal cidade de cada um.
mapa portugal
Sendo assim, os distritos portugueses são, de acordo com a região a qual pertencem:

  • Norte: Viana do Castelo, Braga, Vila Real, Bragança e Porto;
  • Centro: Aveiro, Guarda, Viseu, Coimbra, Castelo Branco e Leiria;
  • Lisboa: Lisboa, Santarém e Setúbal;
  • Alentejo: Beja, Évora e Portalegre;
  • Algarve: Faro.

Concelhos

Os concelhos de Portugal são as subdivisões dos distritos, que correspondem às cidades brasileiras, ao todo, Portugal possui 308 concelhos.
Os concelhos de Portugal possuem uma Câmara Municipal, de forma bem parecida com as cidades brasileiras, que possuem uma prefeitura.
Como as cidades portuguesas são muitas, a seguir listamos apenas as principais:

  • Aveiro;
  • Braga;
  • Coimbra;
  • Faro;
  • Guarda;
  • Lisboa;
  • Leiria;
  • Porto;
  • Santarém;
  • Setúbal;
  • Viseu.

Freguesias, vilas e aldeias

As freguesias, aldeias e vilas de Portugal assemelham-se aos bairros brasileiros. O que as difere é a densidade populacional de cada uma.
As freguesias são maiores, geralmente inseridas no perímetro urbano, assim possuem boa infraestrutura e até subprefeituras que são as juntas de freguesia. Assim, ao escolher uma cidade portuguesa para viver, você também terá que escolher uma freguesia.
É bem comum que as cidades pequenas de Portugal sejam classificadas como vilas. Geralmente elas pequenas, com alguns poucos milhares de habitantes e fazem parte de um distrito, mas não estão no perímetro urbano.
Por fim, podemos listar as aldeias, que geralmente ficam localizadas em áreas rurais e no interior de Portugal.
cidade de lisboa faz parte do mapa de Portugal
Morar em Lisboa ou Porto? Leia nossa análise sobre qual dessas cidades é a melhor opção para você.

As Ilhas no mapa de Portugal

Os arquipélagos de Portugal são regiões administrativas autônomas, ou seja, possuem governo próprio. Porém, integram os distritos portugueses.
Veja a seguir as principais características de cada arquipélago:

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Quer morar em Portugal com segurança e qualidade de vida?

Recomendamos a assessoria boutique da Atlantic Bridge, para quem deseja ir para Portugal de forma planejada, sem contratempos e com a segurança de ser acompanhado pelos profissionais mais experientes do mercado.

Saber Mais →

Arquipélago da Madeira

O arquipélago possui 4 ilhas, são elas: Ilha da Madeira, Ilha de Porto Santo, Ilhas Desertas e Ilhas Selvagens. Essas ilhas são compostas por 11 freguesias (cidades/municípios):

  • Calheta;
  • Funchal;
  • Câmara de Lobos;
  • Ponta do Sol;
  • Machico;
  • Porto Moniz;
  • Porto Santo;
  • Santa Cruz;
  • Santana;
  • Ribeira Brava;
  • São Vicente.

Arquipélago do Açores

O maior é composto por 9 ilhas, que são dividas em três grupos, o Grupo Ocidental, O Grupo Central e o Grupo Oriental.
Entenda a divisão do Arquipélago dos Açores no mapa de Portugal.

  • Ocidental: Corvo (Concelho de Vila do Corvo), Flores (Concelhos de Lajes das Flores e Santa Cruz das Flores);
  • Oriental: Santa Maria (Concelho de Vila do Porto) e São Miguel (Concelhos de Ponta Delgada, Lagoa, Ribeira Grande, Nordeste, Povoação e Vila Franco do Campo);
  • Central: Concelho de Horta (Faial), Concelho de Santa Cruz da Graciosa (Graciosa), Pico (incluindo a Montanha do Pico e os Concelhos de Lajes do Pico, Madalena, São Roque do Pico, Concelhos de Calheta e Velas) e Terceira, que inclui os Concelhos de Angra do Heroísmo e Praia da Vitória.

Regiões mais e menos habitadas de Portugal

Portugal é um país pequeno com cerca de 10 milhões de habitantes. Entretanto, a população do país não é bem distribuída, o que resulta em áreas super populosas e outras quase desabitadas.
Veja a seguir uma lista com as cidades mais e menos habitadas de Portugal.

As 5 cidades mais habitadas de Portugal*

  • Lisboa: 504.471 (5.042 habitantes por km²);
  • Sintra: 382.521 (1.198,3 habitantes por km²);
  • Vila Nova de Gaia: 301.172 (1.787,7 habitantes por km²);
  • Porto: 214.579 (5.180,5 habitantes por km²);
  • Cascais: 210. 361 (2.159,7 habitantes por km²).

As 5 cidades menos habitadas de Portugal*

  • Corvo: 459 (26,8 habitantes por km2);
  • Lajes das Flores: 1.503 (21,5 habitantes por km²);
  • Barrancos: 1 717 (10,2 habitantes por km²);
  • Santa Cruz das Flores: 2.196 (31 habitantes por km²);
  • Porto Moniz: 2.417 (29,1 habitantes por km²).

*Dados do segundo Censo de 2015.

Principais regiões turísticas portuguesas

Não há sequer uma região em Portugal que não mereça uma visita. O que pode interferir em sua preferência ao conhecer o país é o seu perfil de viajante. Saiba mais sobre o turismo em Portugal.
Sendo assim, fizemos uma lista com as principais regiões portuguesas mais procuradas pelos turistas para ajudá-lo a escolher o seu próximo destino turístico:

Algarve

Localizada ao Sul do país, o Algarve costuma ser o destino de férias de turistas e dos próprios portugueses. Isso porque a região é conhecida por suas maravilhosas praias.

Estremadura

Segundo o mapa de Portugal, a Estremadura é a região que compreende grandes cidades, como Lisboa, Sintra e Cascais. Essas cidades possuem ótimos centros comerciais e monumentos históricos, como o Castelo de São Jorge, o Parque e Palácio Nacional da Pena e o Cabo da Roca, um mirante litorâneo natural.
explore o mapa de portugal

Alentejo

Se você está em busca de lugares mais sossegados, não deixe de explorar essas regiões, que são as menos visitadas em Portugal.
O Alentejo é a maior região de Portugal em termos de extensão territorial, mas é a menos habitada. Como resultado, temos imensos campos verdes, contornados por montes e alguns castelos.

Trás-os-Montes e Alto Douro

Por fim, temos a região de Trás-os-Montes e Alto Douro, detentora de edificações históricas e verdadeiros paraísos naturais.
Nessa região é possível conhecer o Palácio de Mateus, a Ponte Mizarela e a cidade medieval de Bragança.

Mapa de Portugal, uma história de conquistas

Para que o mapa de Portugal chegasse na atual configuração não foi nada simples ou fácil. A história de Portugal nos remete ao período do Império Romano quando os romanos incorporaram o território onde hoje está Portugal e o denominaram de Lusitânia.
Com o enfraquecimento do império, as terras são invadidas e, posteriormente, reconquistadas pelos romanos.
Você pode também pode conferir como é a bandeira de Portugal.

Invasão dos mouros e reconquista

Depois disso, os mouros (islâmicos) conquistam o território no ano de 711 e afugentam os cristãos no norte, no então Reino das Astúrias. Em 868 a Reconquista fez com que os cristãos novamente dominassem o território e conseguissem progressivamente expulsar os invasores da Península Ibérica, incluindo a Espanha.

Independência de Portugal

Após muitas batalhas, guerras e lutas, em 1143 é assinado o Tratado de Zamorra e Portugal se torna independente e, junto com a independência, conquista localidades importantes como Santarém, Lisboa, Palmela e Évora. Tais conquistas fizeram o mapa de Portugal ser como é hoje.
Depois que as coisas se acalmaram e Portugal já tinha a configuração territorial atual, o país dá início ao processo de expansão e exploração que ficou conhecido como os Descobrimentos.

Conquistas de território

Entre 1415 e 1543 os portugueses realizaram viagens e explorações marítimas que visavam encontrar novos mercados e rotas que surgissem como alternativa as do Mediterrâneo.
Primeiro foi o Norte da África, ainda em represália aos mouros que vieram daquela região para a Península Ibérica, onde os portugueses dominam e conquistam Celta. Depois disso, percorreram toda a costa leste africana, chegaram ao Brasil em 1500, foram para a Ásia e chegaram na China em 1513 e no Japão em 1543.

Expansão do “Império português”

O Império Português, denominação que não é oficial, foi o primeiro império global da história e muitos territórios foram conquistados e explorados pelos portugueses em todo o mundo. Para se ter uma ideia, os territórios conquistados hoje equivalem a 53 países.

Terceiro país mais pacífico do mundo em 2020

Interessante colocar que Portugal foi considerado o terceiro país mais pacífico do mundo em 2020 de acordo com o Índice Global de Paz (IGP), documento publicado pelo Instituto para a Economia e Paz (IEP), ficando atrás somente da Islândia e da Nova Zelândia.
Isso só mostra que o período de guerras e batalhas ficou, realmente, no passado do país europeu.
Ficou interessando em morar em Portugal?  O país é um dos destinos favoritos dos brasileiros, mas para fazer essa mudança de vida é preciso muito planejamento. Pensando nisso, preparamos um produto super especial. O Programa Morar em Portugal apresenta todas as informações necessárias em 22 aulas em vídeo, desde o planejamento até o período de adaptação da sua família. Vale a pena!