Visto para aposentados na França: veja o que é preciso para pedir o seu

Muitos brasileiros aposentados pensam em ir viver um tempo ou até mesmo o resto da vida na Europa, em busca de novos ares e mais tranquilidade. Neste artigo vamos falar sobre o visto para aposentados na França. País acolhedor de vários estudantes, trabalhadores e também aposentados.

Como conseguir o visto para aposentados na França?

Segundo o Índice Global de Aposentadoria de 2018, a França é o 21º melhor país no ranking mundial para se viver essa nova fase da vida, enquanto o Brasil está classificado em 42º dentre os 43 países analisados. Atrás do Brasil só ficou a Índia.

Se você está pensando em morar na França durante a aposentadoria e não tem nacionalidade europeia, você precisará de um visto. O visto para aposentados na França mais comum é o de VISITEUR.

Leia também nosso artigo sobre como morar legalmente na França.

Esse visto vale por 1 ano, porém pode ser renovado por mais tempo. Você deve pedir o visto no Consulado da França ainda no Brasil.

Precisa enviar dinheiro para o exterior?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Documentos necessários para pedir o visto para aposentados

Os documentos necessários para pedir o visto de VISITEUR são:

  • Carta com motivo do pedido de residência;
  • Declaração de que não exercerá nenhuma atividade remunerada na França;
  • Declaração socioeconômica no Brasil (por exemplo: aposentadoria);
  • Certidão de nascimento/certidão de casamento;
  • Atestado de bons antecedentes;
  • Justificativas de meios de subsistência (declaração total do imposto de renda, comprovante de pensão/aposentadoria, investimentos, etc);
  • Declaração de idoneidade bancária;
  • Justificativa de residência na França (título de propriedade, contrato de aluguel, carta convite de alguém que mora na França dizendo que vai te acolher, etc);
  • Passaporte válido, pelo menos 1 ano e 3 meses;
  • Formulário presente no site do consulado da França preenchido;
  • 1 foto 4×5 fundo branco, sem data e recente;
  • Justificativa de cobertura médica durante toda a estadia na França.

O visto custa 99€ e deverá ser pago em Real no dia que você for entregar os documentos no consulado.

Você deverá levar os originais e cópias desses documentos no dia da entrega no Consulado francês no Brasil.

Esse visto não dá direito a trabalhar na França. Caso você mude de ideia e deseje trabalhar na França, após conseguir um trabalho, é possível mudar o visto de VISITEUR para um visto de trabalho.

Caso você seja cônjuge de um francês ou então cônjuge de um europeu que more na França, então poderá solicitar o visto de acompanhamento familiar.

Veja também outros tipos de visto para a França.

Procedimentos após conseguir o visto

Após entregar os documentos no Consulado, o que devo fazer?

Depois de entregar os documentos, o consulado te dará um prazo para a resposta. Porém, o procedimento não está todo acabado.

Chegando na França, você deverá ir ao OFII (French Office of Immigration and Integration) com o documento que o consulado irá te dar preenchido, cópia do passaporte (páginas da identidade, do selo colado no consulado e também do carimbo de entrada na França). Você também pode enviar esses documentos pelos correios (com aviso de recebimento) para o OFII da sua cidade de residência na França.

Depois de um tempo (pode demorar bastante dependendo da cidade francesa) você receberá uma carta e/ou e-mail (sim, já vi casos de pessoas recebendo das 2 formas) dizendo a data que você deverá se apresentar no OFII para o exame médico e para pagar uma nova taxa de 250€.

Lembrando que esse procedimento só te permite morar na França até 1 ano do dia do visto aprovado no Consulado francês no Brasil.

Quero morar mais de 1 ano na França, como faço?

Caso você queira continuar morando na França por mais de 1 ano, você deverá pedir a renovação do seu visto, ou seja pedir um titre de séjour.

Para isso, 2 meses antes de expirar o seu visto, você deverá entrar no site da Préfecture de Police da cidade francesa que você mora e agendar o dia para entregar os documentos e pedir a renovação do visto.

Dependendo da cidade pode demorar bastante, por exemplo, em Paris, conheço gente que em 2018 só conseguiu vaga 5 meses depois do dia que marcou.

Se acontecer de só ter vaga para entrega dos documentos após a expiração do seu visto, não se preocupe. O que importa é você fazer o pedido no site antes de 2 meses da expiração do seu visto.

Ao finalizar o agendamento no site, será gerado um comprovante e se você for parado na rua e te pedirem seu visto, você pode apresentar o seu visto vencido e esse papel. Além disso, você pode com esse papel ir na Prefecture de Police e pedir um récépissé que será dado na hora.

Documentos necessários ao visto para aposentados na França

No dia agendado para a entrega dos documentos você deverá levar original e cópias dos seguintes documentos:

  • Passaporte e cópia do passaporte (das páginas de identificação e página com a folha colada no OFII);
  • Certidão de nascimento;
  • Tradução da certidão de nascimento feita por tradutor juramentado;
  • Se for casado: certidão de casamento, tradução juramentada da certidão de casamento, identidade de seu cônjuge;
  • Justificativa de domicílio com menos de 3 meses;
  • 3 fotografias recentes 35 mm x 45 mm;
  • Certificado médico dado pelo OFII;
  • Declaração de que não exercerá nenhuma atividade remunerada na França;
  • Comprovante que possui (ou que irá receber ao longo de 1 ano) o equivalente a 12 SMIC (salário mínimo na França) líquido. Esse comprovante pode ser extratos bancários ou comprovante de aposentadoria por exemplo. Porém eles devem estar acompanhados da tradução.

Também tem o custo de 250€ e só é válido por mais 1 ano. Ou seja, todos os anos você deverá renovar.

Ficou interessado em aposentadoria na França? Leia nosso artigo completo sobre o tema e veja se vale a pena passar a melhor idade no país.

Custo de vida na França

O custo de vida na França depende muito do seu estilo de vida e principalmente da cidade francesa que escolherá para morar. Geralmente o maior custo em se morar na França é o aluguel e Paris é a cidade mais cara.

Imposto de Renda

Com relação ao imposto de renda, o Brasil e a França possuem um acordo. Então você pagará o imposto em apenas um dos países. Veja como receber aposentadoria morando no exterior corretamente para evitar a bitributação.

Imposto na aposentadoria de quem mora na Europa: é verdade que o governo pode cobrar até 25% do valor recebido? Descubra aqui.

Envio de Dinheiro

Você pode fazer a transferência de dinheiro através da Remessa Online, da TransferWise ou da Western Union, por exemplo.

Conheça as melhores formas de enviar dinheiro para o exterior aqui.

Melhores lugares para aposentados na França

Morar em Paris é muito bom, pois sempre tem algo para fazer. Porém, é muito caro e também agitado. Muitos aposentados preferem morar em cidades menores, principalmente na região Provence ou então no sul da França como em Nice.

Outras cidades boas para se morar que não são tão pequenas mas também não são tão caras nem agitadas são:

Conheça nossa lista com as 10 melhores cidades da França para morar. Gosta de cidades menores? Veja as pequenas cidades da França mais agradáveis para viver sua aposentadoria.

Vantagens e desvantagens

Como tudo na vida, morar na França como aposentado tem seu lado bom e ruim.

Vantagens

Desvantagens

  • Distância da família e de amigos;
  • Adaptação a uma nova cultura;
  • Hábitos, leis e língua diferente;
  • Burocracia;
  • Não estar no seu país de origem.

Apesar das desvantagens, a França é um ótimo país para se viver durante a aposentadoria.

Veja mais vantagens e desvantagens de se morar na França.

Para entrar na França você vai precisar apresentar um seguro viagem para França, saiba tudo sobre esse documento obrigatório aqui.

Elaine é brasileira e mora em Paris. Completamente apaixonada por Paris desde pequena, sempre sonhou em  morar na cidade Luz. Adora viajar, fazer novos amigos, conhecer novas culturas e descobrir cada vez mais sobre França e a cultura francesa.

Artigos relacionados

Trabalhar na França: salários, visto e como encontrar vaga

Considerando trabalhar na França? Confira tudo que é preciso saber para conseguir um emprego, o valor dos salários, como procurar e se é preciso visto.

Salário mínimo na França: o valor em 2020 e custo de vida

Você sabe qual é o salário mínimo na França? Descubra o valor, quando ele aumenta e ainda informações sobre o seguro desemprego no país.

Sites de emprego na França: conheça os melhores

Você quer um emprego na França? Compartilhamos uma lista com os melhores sites de emprego na França e várias dicas para procurar trabalho por lá.

Custo de vida na França: quanto é preciso para viver no país

Veja qual é o custo de vida na França, um dos países mais procurados por estrangeiros para morar. Conheça o custo da alimentação, moradia, saúde e mais.

Profissionais em falta na França: veja quais são e os salários

Sabia que existem profissionais em falta na França? Saiba quais áreas que têm maior carência de profissionais e quais os que setores que mais empregam.

Morar na França: tudo sobre visto, emprego e custo de vida

Veja qual o visto necessário para morar na França, o mercado de trabalho, as melhores cidades para morar, quanto custa e vantagens e desvantagens.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube