Europa

Melhor época para mudar para Europa: veja como se planejar

Decidir qual a melhor época para mudar para Europa não é uma tarefa simples e exige muita pesquisa e planejamento. Mas, nesse artigo, vamos te ajudar a entender um pouco mais as diferenças entre o Brasil e o velho continente. Tudo que precisa saber para facilitar essa transição, fique conosco e confira.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança na TransferWise, que funciona em toda a Europa.


A TransferWise não exige comprovação de rendimentos, você só precisa ter um endereço na Europa.

ABRIR CONTA »

Saiba qual a melhor época para mudar para Europa

A comunidade brasileira na Europa não para de crescer. Segundo dados do Ministério das Relações Exteriores, em 2016 haviam mais de 750 mil brasileiros morando na Europa – mais precisamente, 750.983 emigrantes. Considerando que o cenário de instabilidade econômica e política no Brasil, esse número pode ter crescido, principalmente porque países como Portugal, Itália, Inglaterra e Irlanda se tornaram queridinhos dos brasileiros.

Mas a mudança para outro país não é igual mudar de casa. Envolve burocracia, documentação e adaptação com uma nova cultura longe da família e dos amigos, o que pode tornar tudo mais difícil. Veja qual a melhor época para mudar para Europa e tornar o processo mais tranquilo.

Quando mudar para a Europa?

Difícil precisar a época exata, pois tudo depende do país para onde você vai. Geralmente, temos a ideia de que a melhor época para mudar para Europa seria durante o verão. O inverno é rigoroso no Velho Continente, mas os meses de calor variam de acordo com as regiões. Em alguns países, o clima pode ser ainda mais quente que no Brasil, dificultando sua adaptação.

mudança para europa

Dessa forma, a melhor época seria o fim do inverno e começo da primavera, quando o frio não está tão forte, mas ainda está ali para você começar a se adaptar, e os dias mais quentes, porém frescos, estão por vir.

Melhor época para explorar a região

Além de tudo, mudando próximo à primavera, você ainda desfruta do belo espetáculo da natureza nos milhares de jardins e parques espalhados pela Europa. Imperdível. Ah! Se tiver filhos, não se esqueça que o calendário escolar europeu começa em setembro. Portanto, é bom se mudar um pouco antes para garantir que eles e você começarão as aulas adaptados com o país e os costumes locais.

Diferenças de estações entre Brasil e Europa

As estações do ano na Europa e no Brasil acontecem em épocas diferentes e é preciso levar isso em conta quando for pensar na melhor época para mudar para o continente europeu.

Europa

  • Primavera: 21 de março até 20 de junho;
  • Verão: 21 de junho até 20 de setembro;
  • Outono: 21 de setembro até 20 de dezembro;
  • Inverno: 21 de dezembro até 20 de março.

Brasil

  • Primavera: 21 de setembro até 20 de dezembro;
  • Verão: 21 de dezembro até 20 de março;
  • Outono: 21 de março até 20 de junho;
  • Inverno: 21 de junho até 20 de setembro.

Mudar no verão ou no inverno?

Se você pensa que a melhor época para mudar para Europa é no frio porque está louco para conhecer a neve, prepare-se. Há grandes chances de quebrar a cara. O frio europeu é intenso, com muito vento e muita chuva. Não pense que um casaquinho de lã vai dar conta, pois as temperaturas negativas são comuns e o sol se põe mais cedo, às vezes antes das 17h.

O frio da Europa não é o frio do Brasil

Mesmo que você adore dias gelados, o clima é bem diferente do Brasil, o que pode dificultar a adaptação e até desanimá-lo para os próximos meses. Enquanto no Brasil o frio dura entre três e quatro meses na Europa ele dura, em média, seis meses.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com toda segurança.

VER COTAÇÃO »

Em compensação, o verão também pode ser intenso, sendo que em Portugal e Espanha as temperaturas chegam a 40 °C nos dias mais quentes (cariocas e baianos estão acostumados, não é?). A parte boa é que os dias são mais longos, e às vezes o sol se põe por volta das 22h. De início, isso pode dificultar sua adaptação, mas logo você se acostuma.

Melhor época para arrumar emprego na Europa

A oferta de empregos na Europa é maior no verão, quando os países europeus vivem a chamada “alta temporada” e hotéis, restaurantes e bares recrutam trabalhadores, tornando essa a melhor época para mudar para Europa, se você não se importa em trabalhar como garçom, faxineiro ou balconista.

Se for graduado e quiser trabalhar na sua área, o caminho é mais complicado. Os pilares para conseguir um emprego, nesse caso, são: formação acadêmica, experiência profissional e fluência no idioma.

Período certo para mais vagas

Muitas vagas são oferecidas no início do ano, no período entre janeiro e março (assim como no Brasil), principalmente em escritórios, mas lembre-se ainda que a maioria das vagas de emprego são preenchidas com base do QI (Quem Indica), e sendo você um estrangeiro, as chances são proporcionalmente menores.

Tenha paciência, procure em sites de emprego especificamente para sua área e busque fortalecer uma rede de contatos na região para saber das novidades.

Para onde mudar?

Pense nos seus objetivos com a mudança. Você busca mais qualidade de vida? Então pode dar preferência para os países com melhores indicadores sociais, como Finlândia e Noruega. Quer ganhar mais? Procure pelos destinos com melhores salários mínimos, como Luxemburgo, Irlanda e Holanda.

Se a ideia é criar seus filhos em um país cujas leis respeitam profissionais que são pais e possui níveis de educação exemplares, a Suécia, a Dinamarca e a Áustria são ótimas opções. Mas, se a ideia é sair do país, mas continuar com um pezinho por aqui, prefira Portugal, Itália e Espanha, países nos quais a comunidade brasileira é forte e você encontrará uma ótima rede de apoio.

mudar de país

Segundo o site US News & Reports, Áustria, Grã-Bretanha e Alemanha estão entre os melhores países para mulheres, usando critérios como direitos humanos, igualdade de gênero e segurança. Vale lembrar que na Irlanda é possível trabalhar com visto de estudante, desde que o indivíduo frequente aulas regulares e trabalhe até 20h durante o período de aulas (e até 40h durante as férias). O visto tem duração de oito meses e o estudante não tem direito a serviços oferecidos pelo governo, como seguro desemprego e hospitais, mas pode valer a pena para quem não tem planos de se mudar permanentemente para a Europa.

Seguro Viagem é obrigatório e essencial

Se você está pensando em mudar para a Europa, saiba que o seguro viagem é fundamental. Para fazer a cotação do seu seguro de forma personalizada, recomendamos que você utilize o nosso comparador de seguro viagem. Ele apresenta planos das principais seguradoras do mercado e ainda garantimos os melhores preços aos leitores do Euro Dicas.

Se preferir, pode também utilizar o portal Seguros Promo, comparador online que nós recomendamos e utilizamos para realizar cotações aqui no Portal.

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas.
Compartilhe

Clara Grizotto

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.

Artigos Relacionados

Fechar