Viajar para a Inglaterra: para turismo e para morar

A Inglaterra é o maior país do Reino Unido e um dos principais destinos da Europa, tanto pela sua importância histórica, quanto econômica e política. Além disso, o país possui atrações imperdíveis e, em sua maioria, gratuitas. Por esses motivos, viajar para a Inglaterra é o sonho de muitos brasileiros. Há aqueles que querem apenas conhecer as terras reais, aqueles que almejam aprimorar seu inglês, fazer um intercâmbio, trabalhar neste fascinante país, morar num local com elevada qualidade de vida, etc.

Porém, para viajar para a Inglaterra, seja a turismo ou para morar, é preciso programação. E, se você quer embarcar e tem dúvidas sobre documentação e passagem, este artigo pode te ajudar!

Viajar para a Inglaterra a turismo

De documentação, é necessário portar apenas o seu passaporte com mais de seis meses de validade a partir da data de embarque para viajar para a Inglaterra a turismo ou a negócios. Veja o que é necessário também:

  • Passagem de retorno para o Brasil;
  • Carta convite ou comprovante de hospedagem;
  • Comprovante de capacidade financeira para ficar no país durante o período de viagem (dinheiro, por exemplo);(contracheque, por exemplo);
  • Comprovante de vínculos com o Brasil (pode ser a cópia da sua carteira de trabalho ou sua matrícula da faculdade, por exemplo);
  • Preenchimento do Landing Card, formulário entregue no avião, que você precisa devolver preenchido na imigração para os voos europeus.

Visto

Não é preciso solicitar visto antes de sair do Brasil se você ficar na Inglaterra por até 180 dias. O visto é concedido (ou não) no momento em que você chega ao país. Você passa por uma pequena e tranquila entrevista no momento da imigração. inglaterra Saiba tudo sobre vistos na Inglaterra.

Seguro de viagem

Como a Inglaterra não faz parte do Tratado de Schengen, não é exigido um seguro de viagem para entrar no país – não será solicitado na imigração. Mas, como é bom estarmos precavidos para quaisquer eventualidades, indicamos que você faça um seguro viagem Inglaterra, mesmo não sendo obrigatório. Até porque, pode ser que você estique a viagem até outro país europeu onde, então, o seguro será exigido.

Por que escolhemos a Goldenergy em Portugal?

Nossa sugestão é utilizar o comparador do Euro Dicas para tomar a decisão de compra do seguro: nele, você vai poder conferir uma ampla relação de seguradoras e planos para escolher o que melhor se encaixa no seu perfil de viajante e também econômico. Se preferir, pode utilizar o site Seguros Promo, um comparador de seguros em que você escolhe o que tem melhor custo versus benefício de acordo com as suas necessidades.

Viajar para a Inglaterra para morar

Se você quer viajar para a Inglaterra para morar e não possui cidadania europeia, saiba que é necessário ter visto para ficar legalmente no país.

Vistos

Veja os vistos que podem ser concedidos a brasileiros que desejem viajar para a Inglaterra por mais de 180 dias:

  • Tier 1 – Estudantes de pós-graduação formados no Reino Unido, profissionais altamente qualificados, empresários e investidores no Reino Unido;
  • Tier 2 – Profissionais qualificados com oferta de trabalho de uma companhia inglesa;
  • Tier 3 – Este tipo de visto está suspenso temporariamente e não há previsão para retornar. Era usado para trabalhadores pouco qualificados;
  • Tier 4 – Estudantes de graduação ou pós-graduação. Os estudantes podem, ainda, conciliar os horários de estudo com trabalho;
  • Tier 5 – Trabalhadores temporários e jovens que fazem intercâmbio. O tempo máximo estadia é de 12 meses para trabalhadores temporários e 24 meses para o esquema de mobilidade (jovens).

Saiba dos descontos que pode usufruir nas passagens aéreas para estudantes. Portanto, se você pretende viajar para a Inglaterra por mais de 180 dias, uma dica é analisar qual o tipo de visto que você deverá solicitar. Se você não sabe, pesquise na página oficial do Governo Britânico um formulário. Nele, você preenche as informações solicitadas e é direcionado para a página do visto adequado.

Em caso de dúvidas, você também pode consultar o Consulado-Geral do Brasil em Londres. Todo o procedimento de legalização para morar na Inglaterra deve ser realizado no Brasil e iniciado com três meses de antecedência à sua viagem. Lembre-se de que o visto pode ser negado.

viajar para a Inglaterra real

Se você está se programando para morar na Europa, veja como alugar apartamento na Inglaterra.

As melhores cidades da Inglaterra

Obviamente, Londres está entre as melhores cidades da Inglaterra, por ser a capital e congregar as melhores oportunidades de estudos, trabalho, lazer e cultura. No entanto, vamos explorar outros cantos do país e mostrar porque os recomendamos.

Cambridge

Cidade que comporta a segunda melhor universidade do mundo e também empresas de tecnologia, como Amazon, Samsung, Nokia, Apple e Spotify. Cambridge é uma cidade jovem, justamente por conta das grandes oportunidades de trabalho. Fica a uma hora de Londres.

Manchester

Famosa pelo time de futebol, é a cidade mais visitada do país depois de Londres. Tem muitas atividades ligadas a esportes, tecnologia e cultura.

Liverpool

A “cidade dos Beatles” também é famosa pelo time de futebol que leva seu nome e pela região portuária – foi dali que partiu o lendário Titanic no século XX. É a cidade mais filmada do Reino Unido.

Quanto custa viajar para a Inglaterra?

Passagem

Diversas companhias aéreas voam do Brasil a Londres. A British Airways e a LATAM fazem voos diretos saindo de São Paulo e do Rio de Janeiro e chegando ao aeroporto de Heathrow, o maior do Reino Unido e localizado a poucos quilômetros de Londres. No site Kayak, encontramos passagem ida e volta saindo de São Paulo rumo a Londres por R$ 3.337, no dia 30 de janeiro de 2020.

Hospedagem

No portal Booking, encontramos hostels com valores a partir de R$ 450 para 10 dias de hospedagem (para uma pessoa) em Londres.

Atrações gratuitas

Apesar do alto custo de vida em Londres (é uma das cidades mais caras do mundo), a Inglaterra não custa mais caro porque possui diversas atrações gratuitas, como museus – o Museu Britânico, por exemplo, parques – como o Regent’s Park, galerias e feirinhas de rua. londres_paisagem Conheça os museus gratuitos em Londres e confira o que fazer em Londres, guia completo.

Custos médios de produtos e serviços na Inglaterra

Dependendo da quantidade de dias que você vai passar na Inglaterra, pode ser que alugar um apartamento ou fazer compras no supermercado esteja nos seus planejamentos. E se você estiver planejando morar no país, então, a tabela abaixo vai te ajudar a dar um parâmetro sobre os valores praticados por lá.

No portal Numbeo, encontramos os valores médios de diversos produtos e serviços. Nós listamos alguns abaixo. Mas apenas para te dar alguns parâmetros, saiba que a Inglaterra é mais cara que Portugal e Espanha, por exemplo, e bem mais cara que o Brasil.

O comparativo entre lá e cá é de 72,79% a mais em produtos e serviços. Para aluguel, a diferença é ainda mais gritante: 192,80% a mais, na média, no valor pago mensalmente. Leia também: diferenças de morar na Inglaterra e em Portugal.

Valores de produtos e serviços
Refeição em restaurante de baixo custo £12
Refeição para duas pessoas em restaurante três estrelas £46
Lanche no McDonalds £5,50
Cerveja artesanal (meio litro) £3,73
Cerveja importada (0,33 litros) £4
Cappuccino médio £2,69
Coca-Cola ou Pepsi (0,33 litros) £1,27
Água (0,33 litros) £0,94
Arroz (1 quilo) £0,90
Dúzia de ovos £1,62
Queijo (1 quilo) £5,47
Carne de frango (1 quilo) £5,65
Carne de vaca (1 quilo) £7,33
Maçãs (1 quilo) £1,78
Banana (1 quilo) £1,07
Laranjas (1 quilo) £1,67
Tomate (1 quilo) £1,73
Batata (1 quilo) £1,16
Cebola (1 quilo) £0,98
Alface (1 pé) £0,73
Transporte (bilhete unitário) £2,50
Transporte (bilhete mensal) £60
Aluguel de apartamento de 1 quarto no centro £724,36
Aluguel de apartamento de 1 quarto fora do centro £583,59
Salário médio do país (descontados impostos) £1.802
Salário mínimo (segundo Eurostat, escritório oficial de estatística da União Europeia) £1.524,52

Vantagens de morar na Inglaterra

  • Viver na Europa;
  • Possibilidade de conhecer diversos países vizinhos;
  • Possibilidade para treinar o inglês;
  • Saúde e educação de qualidade;
  • Segurança pública;
  • Ganhos culturais e sociais;
  • Experiência de viver em outro país, ganhado experiências enriquecedoras e muito mais independência.

Desvantagens de morar na Inglaterra

  • Um dos custos mais altos da Europa;
  • Clima mais frio e chuvoso;
  • Choque cultural – os ingleses são muito mais rígidos em hábitos e costumes que os brasileiros, bem mais maleáveis;
  • Distância da família e dos amigos mais próximos.

Quanto tempo demora a viagem Brasil-Inglaterra?

Uma viagem do Rio de Janeiro para Londres, capital da Inglaterra, dura, aproximadamente, 11 horas.

Há passagens diretas do Brasil para a Inglaterra?

Diversas companhias aéreas voam do Brasil a Londres. A British Airways e a LATAM fazem voos diretos saindo de São Paulo e do Rio de Janeiro e chegando ao aeroporto de Heathrow, o maior do Reino Unido e localizado a poucos quilômetros de Londres. Saiba quais são os aeroportos na Inglaterra.

Dicas finais para viajar para a Inglaterra

A palavra principal é: planejamento. Pesquise, pergunte, compare, avalie. Parta sempre de uma gama ampla de opções para você ir afunilando seus gostos pela melhor cidade, a melhor universidade, o melhor bairro para morar ou passar alguns dias, os melhores passeios a fazer, os melhores gastos a realizar e assim por diante. Quando você viaja preparado, as surpresas que aparecem, geralmente, são sempre para o lado positivo! Boa experiência!

Descubra também os costumes da Inglaterra e saiba o que te espera na terra da Rainha!

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Cláudia Zucare Boscoli trabalha como jornalista há 20 anos, tendo se formado na Cásper Líbero, com extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), especialização em Marketing Digital pela FGV e pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP. Já trabalhou para IstoÉ Online, O Estado de S. Paulo, Diário de S. Paulo e Editora Abril, entre outros veículos. Adora viajar, conhecer novas culturas e contar o que descobriu.

Artigos relacionados

Morar na Inglaterra: tudo o que deve saber para morar no país

Quer saber como é morar na Inglaterra? Saiba detalhes sobre tipos de visto, melhores cidades, mercado de trabalho, custo de vida e muito mais

Profissões mais bem pagas na Inglaterra: conheça o top 10

Descubra aqui quais são as profissões mais bem pagas na Inglaterra, como encontrar vagas de trabalhar e estabelecer a carreira no país.

Emprego na Inglaterra: tudo o que precisa para encontrar a sua vaga

Saiba como encontrar um emprego na Inglaterra, as áreas, os salários, o custo de vida no país, dicas e sites para encontrar a sua vaga.

Visto para Inglaterra: principais tipos e como solicitar

Entre os vistos na Inglaterra encontramos o que chamamos de Tier 1, Tier 2 e o Tier 5. Cada um deles possui algumas subdivisões.

Documentos para morar na Inglaterra: saiba o que vai precisar

Você planeja sair do Brasil e viver no Reino Unido? Leia nosso artigo completo e saiba quais são todos os documentos para morar na Inglaterra.

Cidades da Inglaterra: as 10 melhores e maiores do país

Você quer morar na Inglaterra mas não conhece o país e não sabe onde morar? Preparamos um guia detalhado sobre as melhores e maiores cidades da Inglaterra.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube