Brasileiros na Itália: como viver na Itália, custos e tipos de visto

Itália  / 

Existem muitos brasileiros na Itália, e muitos brasileiros querendo mudar para a Itália. A Itália é um país que caiu no gosto dos brasileiros, não só pelo seu charme, história e cultura, mas também por ser o país de descendência de muitos brasileiros.

Mas como vivem os brasileiros na Itália? O que é preciso para morar lá? Qual o custo de vida? Vamos ver tudo isso aqui, não perca!

Comunidade brasileira na Itália

Como já sabemos, a comunidade brasileira na Itália é muito grande (mais de 42 mil brasileiros vivem na Itália). Como existem muitos imigrantes brasileiros, muitas cidades possuem associações que ajudam na adaptação desses brasileiros na Itália, como a associação Warã em Torino.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

O que é preciso para morar na Itália

Para quem não tem dupla cidadania, morar na Itália não é simplesmente comprar a passagem e ir.

É necessário planejamento (tanto financeiro quanto de documentação), tirar um visto, alugar uma casa, conseguir um emprego. Tudo isso demanda tempo (e paciência).

Tipos de visto para morar na Itália

Entre os brasileiros na Itália, existem diversas histórias com diferentes categorias de vistos conseguidos:

  • Visto de Trabalho subordinado;
  • Visto de Trabalho Autônomo;
  • Visto de Estudo Universitário;
  • Visto de Intercâmbio;
  • Visto de Estágio;
  • Visto de Missão Religiosa;
  • Visto para tratamento de saúde;
  • Visto para aposentados.

O que tem em comum nesses vistos é a documentação que você tem que apresentar para obtê-los, afinal quando você for mudar para lá você tem que dizer para que.

Veja nossas dicas de como morar na Itália.

Documentos comuns necessários para visto de brasileiros na Itália

  • Passaporte (na validade);
  • Foto 3×4 recente, a cores, fundo branco;
  • Documento que explica o motivo do visto (carta de aceite na universidade, contrato de trabalho, entre outros);
  • Comprovante de que tem como se sustentar na Itália;
  • Comprovativo de morada na Itália.

Depois de chegar na Itália

Depois que tirar o visto e marcar a viagem (nunca marque a viagem sem tirar o visto antes), quando você chegar na Itália terá que tomar providências de alguns outros documentos:

Permesso di soggiorno

É, traduzindo ao pé da letra, uma permissão de estadia. Deve ser solicitado antes de completar 8 dias que está no país. Pode ser pedido nas agências de correio italianas (poste italiana), na área de sportello amico, onde você vai pegar o kit giallo (um kit com os documentos que você deverá preencher e a lista dos documentos que vai precisar).

Descubra quais são as melhores cidades da Itália para morar.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Custo de vida na Itália

Já falamos inúmeras vezes que o custo de vida é o quanto você vai gastar para viver em um lugar vai depender da maneira como você vive (e onde você vive).

É claro que existem alguns gastos básicos, mas as contas, gastos com alimentação e lazer são valores variáveis.

Vamos usar como exemplo uns valores básicos, de gastos na Itália, em uma cidade de custo de vida médio (Roma, Florença e Milão, por exemplo, são bem mais caras).

Moradia

Esse será o gasto mais alto entre todas as suas despesas. O aluguel de um apartamento de 1 quarto custa em média 600€ se for no centro da cidade e um apartamento com 3 quartos custa em média 1.000€. Veja como alugar apartamento na Itália neste artigo.

Contas

As contas serão variáveis, dependendo do tanto que você gastar. No inverno, por exemplo, a conta de gás fica bem mais alta devido ao uso de aquecedores.

  • Eletricidade, aquecimento, água e taxa de lixo: 140€ por mês (2 pessoas);
  • Gás: 25€;
  • TV + internet: 35€.

Diversão

  • Cinema: 8€;
  • Teatro: 30€;
  • Futebol: 25€;
  • Shows: 40€;
  • Saída à noite (balada): 50€.

Alimentação

Comer fora de casa é sempre mais caro. Em um restaurante você irá gastar em média 15€ por pessoa. Se for fazer a compra em um supermercado, gastará em torno de 200€ por mês (2 pessoas).

Transporte

Muitas cidades estão preparadas para que as pessoas utilizem as bicicletas como meio de transporte. Mas caso você precise utilizar um transporte público, lembre-se de fazer as contas e ver se vale a pena comprar um passe mensal, que custa em média 40€ (normalmente sai mais barato, dependendo do número de vezes que você precisa do transporte por mês).

Veja esse artigo com trabalho para brasileiros na Itália e veja se há vagas no país.

Estudar na Itália

Muitos brasileiros na Itália se mudaram para o país para estudar. Antes de mais nada, é importante lembrar que as universidades públicas na Itália não são de graça, elas têm em média um custo anual de 1.500€.

Para estudar na Itália é necessário o visto de estudos, que é pedido no consulado da Itália no Brasil. Para solicitar o visto, além dos documentos pessoais, é necessário comprovar que foi aceito na universidade (mostrar o comprovante de matrícula, por exemplo).

Veja quais as melhores universidades italianas.

Trabalhar na Itália

Os brasileiros na Itália concordam que não é fácil arrumar trabalho por lá. Por isso, ao planejar a sua mudança de país, deverá ter isso em mente, e ter um bom planejamento financeiro.

Não ser fácil não significa que é impossível. Existem muitos brasileiros na Itália trabalhando legalmente. Entre os profissionais mais procurados na Itália, estão:

  • Esteticista;
  • Mecânico;
  • Padeiro;
  • Cozinheiro;
  • Marceneiro.

Veja quais as profissões mais bem pagas na Itália.

E se você quer mesmo trabalhar na Itália, o ideal é começar já a ver as ofertas de emprego, para já saber o que te espera e, quem sabe, já sair do Brasil com uma oferta de trabalho.

Sites para procurar emprego na Itália

Para conhecer outros sites de emprego na Itália, clique aqui.

O mais importante na sua mudança é saber que não vale a pena morar ilegal na Itália. Por isso, antes de se mudar, busque conversar com brasileiros na Itália, dar entrada em todos os documentos necessários para a mudança, e fazer tudo conforme manda o figurino.

Se fizermos tudo do jeito certo, mais chances temos de ter sucesso!

Sabia que é preciso um seguro viagem para Itália para entrar no país? É obrigatório, saiba tudo aqui.

Em destaque na Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Julia é brasileira, formada em Turismo e mora em Portugal há 6 anos. Tirou o mestrado em Empreendedorismo na Universidade da Beira Interior e atualmente está terminando o doutorado em Gestão. Apaixonada por viagens, baladas e por fazer novas amizades, gosta de usar o tempo livre para conhecer novos países e culturas.