Bolsa de estudo na Europa: saiba como conseguir a sua

Europa  / 

A Europa é sempre visada por quem sonha em estudar fora devido à qualidade do sistema educacional, às universidades e instituições de ensino – que estão entre as melhores do mundo – além da oportunidade de aprender outro idioma e conviver com uma cultura diferente. Os custos, no entanto, não são baixos, o que torna esse sonho bastante limitado para alguns. Quem não tem como pagar, pode recorrer à bolsa de estudo na Europa e seus benefícios, válidos para estrangeiros e estudantes de baixa renda.

Como funciona a bolsa de estudo na Europa

Diversas instituições oferecem bolsa de Estudo na Europa para estudantes, mas a maioria é ofertada pelos próprios governos locais, que visam atrair novos talentos e pluralizar o convívio entre estrangeiros e nativos dentro das universidades.

Assim, não é difícil participar do processo de application das instituições, bastando apenas preencher os pré-requisitos e enviar os documentos solicitados.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança no N26, um banco digital que funciona em toda a Europa.


O N26 não exige comprovação de rendimentos, você só precisa estar na Europa e ter seu passaporte em mãos.

ABRIR CONTA »

A maior dificuldade, é claro, enfrentar a concorrência (que não costuma ser pequena) e ser selecionado entre as diversas inscrições.

Além disso, todas as universidades pedem fluência em outro idioma, o que pode ser um problema se você não sabe falar inglês ou a língua local.

O que precisa para se candidatar

Os requisitos para se participar do processo de application podem variar, mas no geral as instituições de ensino e programas de bolsa de estudo na Europa pedem:

  • Carta de recomendação (reference letter);
  • Certificado de proficiência em inglês (TOEFL ou IELTS) ou fluência no idioma local;
  • Histórico escolar e currículo acadêmico;
  • Redação pessoal (personal statement).

Em relação à documentação, será preciso tirar o visto de longa duração e/ou título de residência caso seu período de estudos seja superior a 90 dias. sem trabalhar durante esse período.

Nesse caso, será preciso se informar sobre as regras do seu país de escolha, mas a maioria exige que o visto seja emitido antes de chegar ao destino e pede, entre os documentos:

  • Passaporte com vigência mínima de um ano;
  • Comprovante de matrícula no curso:
  • Carta de aceitação da instituição de ensino;
  • Seguro de viagem internacional;
  • Formulário de solicitação devidamente preenchido.

O estudante precisa, ainda, provar que tem condições financeiras de viver no país durante o período de estudos. Entre os países europeus, apenas a Irlanda permite que imigrantes com visto de estudante trabalhem durante o período de estudos no país.

A bolsa cobre todas as despesas?

Existem as bolsas integrais, que cobrem 100% das despesas (incluindo a matrícula e mensalidade do curso, hospedagem e uma ajuda de custo para o aluno se manter no país) e as bolsas parciais, que cobrem metade dos custos. Além disso, algumas bolsas cobrem também os gastos com passagens aéreas.

Além de atender aos requisitos é preciso ficar atento ao período de inscrições, que ocorre geralmente no primeiro semestre até o mês de maio.

Precisa enviar dinheiro do Brasil para a Europa?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram e etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Com mais de 35.000 avaliações positivas, na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

VER COTAÇÃO »

Leia também nosso artigo sobre o ano Letivo em Portugal e veja as diferenças em relação ao Brasil.

Principais bolsas de estudos na Europa

Um dos programas mais conhecido de bolsa de estudo na Europa é o Erasmus Mundus, que oferece oportunidades para quem deseja fazer mestrado na Europa.

São cursos de dois anos com caráter interdisciplinar e a maioria em inglês, para quem tem dificuldades de aprender outro idioma.

As bolsas são oferecidas em diversos países e diversas áreas de conhecimento, como saúde, comunicação, relações internacionais, engenharia, psicologia e análise de dados.

O Europubhealth+ é semelhante ao Erasmus Mundus, mas focado em mestrado em saúde pública. Promovido pela Comissão Europeia, poder ser feito em até três idiomas e em cinco países diferentes – sendo que o primeiro ano deve ser no Reino Unido ou Espanha e o segundo na Polônia, França, Países Baixos ou Espanha.

O Santander Universidades tem parceria com diversas universidades através dos programas Santander Mundi, Top Espanã e Íbero-Americanas.

Outros países europeus tem seus próprios programas de bolsas de estudos na Europa:

Espanha

A Fundação Carolina é uma das mais populares na oferta de bolsas de estudos na Europa. As inscrições abrem em dezembro e servem desde mestrado e doutorado até cursos profissionalizantes, cursos de verão e qualificação de funcionários públicos.

As bolsas são parciais e integrais, voltadas apenas para estudantes da América Latina, e valem para diversas áreas.

Quer saber como estudar na Espanha? Veja o nosso guia completo para estudar no país.

Reino Unido

O Programa Chevening é uma premiação internacional do governo do Reino Unido que visa desenvolver lideranças globais.

As bolsas de estudos na Europa são para mestrado e tem duração de um ano para estudantes altamente qualificados, e o aluno pode escolher entre universidades da Inglaterra, Escócia, Irlanda e País de Gales.

Além de cobrir os custos e oferecer auxílio mensal para passagens aéreas, hospedagem e gastos essenciais, o programa oferece oportunidades de desenvolvimento profissional, acadêmico e pessoal.

Veja também neste artigo sobre a possibilidade de conseguir uma bolsa de estudo no Reino Unido e candidate-se.

França

Já ouviu falar nas Bolsas Eiffel? O Ministério de Relações Exteriores e Desenvolvimento Internacional da França é responsável pelo programa, que oferece bolsas em mestrado e doutorado.

A prioridade são os alunos de alto nível vindo de países emergentes, pois a ideia é formar futuros líderes estrangeiros. As áreas são de engenharia, ciências da engenharia, ciências exatas, economia e gestão, direito e ciências políticas.

Outra opção é a bolsa Emily Boutmy e a bolsa Emmanuel Imbert para quem deseja estudar na Sciences Po, uma das mais prestigiadas universidades francesas. Mais informações aqui.

Seu sonho é estudar na França? Tudo o que você precisa saber está aqui.

Holanda

O programa Orange Tulip Scholarship, oferecido pelo governo, oferece bolsas de graduação e mestrado para cursos totalmente em inglês.

Os critérios de seleção variam de acordo com as universidades, assim como os valores das bolsas e períodos de inscrição. As bolsas cobrem integralmente ou parcialmente os custos, e algumas oferecem descontos na mensalidade.

Intercâmbio na Holanda: veja quanto custa, bolsas de estudo e melhores universidades.

Suécia

Estudantes de alto desempenho vindos de países em desenvolvimento têm chances de conseguir uma bolsa de estudo na Europa de tempo integral para mestrado na Suécia.

Em 2018 o Swedish Institute recebeu inscrições até 9 de fevereiro, mas você já pode se programar para aplicar neste ano. A bolsa cobre taxas de matriculas, despesas pessoais e gastos com viagens, além de oferecer seguro contra doença.

Saiba como estudar de graça na Suécia neste artigo.

Dinamarca

O Danish Government Scholarships oferece bolsas de estudos de 5 a 12 meses para estudantes brasileiros que desenvolvam um projeto de mestrado ou doutorado.

Alunos de graduação que estudem a língua e cultura da Dinamarca também podem concorrer às bolsas com duração de dois anos.

Não deixe de conferir também o nosso guia completo sobre bolsa de estudo na Europa e saiba como conseguir a sua.

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Clara é natural do interior de São Paulo e tem muito orgulho do sotaque caipira. Jornalista que adora gatos, tatuagens e livros, vê o mundo de cabeça para baixo e tem como vícios memes da internet e soltar piadas inesperadas no meio de uma conversa.