Portugal

Descendentes de portugueses: saiba como obter a cidadania

Uma das maneiras mais simples de conseguir a cidadania europeia e poder morar na Europa sem a necessidade de visto é provando que você faz parte do grupo de descendentes de portugueses.

Precisa abrir uma conta bancária na Europa?

Você pode abrir a sua conta bancária grátis em 5 minutos e com toda a segurança na TransferWise, que funciona em toda a Europa.


A TransferWise não exige comprovação de rendimentos, você só precisa ter um endereço na Europa.

ABRIR CONTA »

Isso porque muitos portugueses imigraram para o Brasil e isso fez com que diversos brasileiros, ainda nos dias de hoje, tivessem algum traço de suas origens ligado à ascendência lusitana.

Como saber se eu sou um descendente de português?

Muitas pessoas não sabem que são descendentes de portugueses e não sabem, até mesmo, as vantagens que podem ter com esse parentesco. Obter cidadania portuguesa e, com isso, gozar de todos os benefícios de um passaporte europeu, muitas vezes, é uma tarefa que exige muito empenho, pesquisa e paciência.

Existem diversas formas de descobrir se você é ou não descendente de portugueses. Confira algumas das principais a seguir.

Saiba como encontrar as raízes da sua família através da origem do sobrenome.

Sites que ajudam a descobrir se somos descendentes de portugueses

Alguns dos principais sites que nos ajudam a descobrir se somos descendentes de portugueses são o Family Seach, o ForeBears e o site do Museu da Imigração do Estado de São Paulo.

Family Seach

É um site internacional e gratuito, que está ligado ao maior acervo genealógico do mundo. Para pesquisar se são descendentes de portugueses ou de outra nacionalidade, você deve se cadastrar no site, preencher seus dados pessoais, o nome, a data e o local de nascimento e casamento, bem como a data de falecimento de seus familiares.

Uma árvore genealógica é traçada, um gráfico de linhagem, com as principais informações sobre a sua família.

ForeBears

Por meio do site Forebears, você tem acesso a quantas pessoas no mundo todo têm o mesmo sobrenome que você, onde seu sobrenome surgiu e em que país ele é mais popular, sendo possível descobrir, de forma simples, a origem do seu sobrenome.

A pesquisa é bem simples. Basta que você digite seu sobrenome no campo “Enter a Surname” e vão aparecer as informações sobre sua origem e significado, bem como a frequência com que ele aparece nos países.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a TransferWise.


Na TransferWise você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com toda segurança.

VER COTAÇÃO »

Conheça a lista dos nomes e sobrenomes portugueses mais comuns.

Museu da Imigração do Estado de São Paulo

Por meio do site do Museu da Imigração do Estado de São Paulo, é possível entender mais sobre o processo migratório no Brasil.

Ele tem disponível um acervo com toda a história de preservação da memória das pessoas que chegaram ao Brasil por meio da Hospedaria de Imigrantes, além do relacionamento construído, no decorrer dos anos, com as várias comunidades representativas da cidade e do Estado.

Descendentes de portugueses: como fazer a árvore genealógica

Você pode fazer sua árvore genealógica, a história das suas origens, em papel ou em sites, como o Family Seach, por exemplo, preenchendo todas as informações de sua família, como nome de seus pais, avós etc. Procure sites confiáveis, pesquise bastante e reúna os dados da sua família para poder fazer a pesquisa.

Quaisquer documentos que estejam ligados aos seus antepassados, como certidão de nascimento, de casamento ou óbito, por exemplo, são formas de descobrir se somos descendentes de portugueses.

Quer saber como morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar a planejar e concretizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Descendentes de portugueses pesquisa

Porém, antes de montar sua árvore, você precisa descobrir informações específicas sobre sua descendência e o objetivo de você montá-la. Você deve saber se vai trabalhar a linhagem materna ou paterna. É recomendável começar com uma só, para que a árvore não fique tão grande e você não tenha tanto trabalho.

Quem será incluído na sua árvore genealógica também é um ponto a ser considerado: quanto mais pessoas você incluir, mais informações e dados terá que buscar. Inicie por você mesmo e vá subindo os dados. Anote os nomes e as datas de nascimento dos seus pais e se eles são nascidos no Brasil.

Depois, parta para os avós. Tente destrinchar a árvore ao máximo, até seus bisavós, por exemplo. Pergunte para os seus pais e avós ou para qualquer outro familiar que se lembre do passado da família. Quanto mais informações obtiver e inserir, melhor.

Leia também o que escrevemos sobre visto para Portugal.

Se sou descendente de português, posso pedir cidadania portuguesa?

Portugal considera como descendentes de portugueses legítimos e concede a cidadania àqueles que são: filhos, netos ou bisnetos de portugueses nascidos no estrangeiro.

Naturalização

O processo de naturalização de descendentes de portugueses é muito mais fácil quando o parente direto português ainda está vivo. Se você é bisneto de um português já falecido, por exemplo, o laço não dá a você o direito a cidadania.

Por isso, é fundamental que as famílias não deixem passar muitas gerações para, então, realizar o processo de cidadania ou naturalização.

Quanto mais distante for o vínculo familiar, mais burocrático será a conquista do passaporte português. Para isso, o solicitante deverá comprovar laços afetivos fortes com Portugal, desejo de investimento na economia do país e morar entre 2 e 5 anos em solo português. É importante que o interessado não se ausente do país por mais de 6 meses.

Confira os diferentes tipos de solicitação:

1. Filhos de portugueses

Se você é filho(a) de português nascido em Portugal ou no estrangeiro tem direito à cidadania portuguesa. É importante se atentar que esta hipótese se aplica apenas aos filhos menores ou maiores de idade de português originário, ou seja, cuja nacionalidade foi atribuída e não adquirida.

2. Netos de portugueses

Neto(a) de português que nasceu no estrangeiro, desde que demonstre que tenha laços de efetiva ligação à comunidade nacional portuguesa (ou que se enquadre em uma das hipóteses legais de presunção de vínculos) também pode requerer sua cidadania europeia.

Hoje em dia, a nacionalidade pode ser transmitida aos seus descendentes. Observe como funciona para adquirir a cidadania portuguesa para netos.

3. Bisnetos de portugueses

De acordo com a lei portuguesa, não há uma hipótese específica para os bisnetos de portugueses, o que pode acontecer é que um dos pais ou um dos avós do bisneto obtenha a nacionalidade portuguesa, fazendo, então, com que o mesmo se torne neto/filho de português e possa, em seguida, solicitar a sua nacionalidade nesta condição.

Confira como funciona para adquirir a cidadania portuguesa por bisneto.

É necessário contratar assessoria para cidadania portuguesa?

Não há necessidade, tendo em vista que a pesquisa de descendentes portugueses e a entrada na documentação para a cidadania portuguesa podem ser realizadas, tranquilamente, por você em um dos Consulados ou Embaixadas de Portugal no Brasil ou mesmo junto às Conservatórias de Registro Civil ou dos Registros Centrais de Portugal.

Portanto, não vale a pena se você pretende economizar, tendo em vista que as assessorias têm um custo adicional no processo de cidadania portuguesa. Mas, caso não queira ter trabalho e ter maior comodidade, tranquilidade e segurança, com maior urgência, você pode contratar uma assessoria jurídica que realize todo o processo para você.

E para esclarecer eventuais dúvidas, entre em contato com assessorias especializadas, como a Atlantic Bridge, que nós do Euro Dicas recomendamos.

Preciso contratar assessoria jurídica para pedir nacionalidade portuguesa? Confira este artigo e saiba tudo, com detalhes.

Descendentes de portugueses e suas vantagens

Descendentes de portugueses têm o direito de visitar, morar e, até mesmo, trabalhar legalmente em solo português ou em qualquer outro país que faça parte da União Europeia.

Com a cidadania em mãos, o indivíduo tem livre acesso não apenas a viver em Portugal, mas também nos países da Zona do Euro, sem a necessidade de visto, juntamente com  seus descendentes diretos (cônjuge e filhos). Além disso, ficam dispensados do visto para entrar em nações como Estados Unidos e Canadá, por exemplo.

Podem, ainda, realizar operações financeiras ou mesmo investimentos no país e têm direito à cidadania europeia automática, facilitando o trânsito no continente.

Leia nosso artigo e entenda a nova lei da Cidadania Portuguesa. Acompanhe também nosso passo a passo para saber como se legalizar em Portugal.

Quais os direitos os descendentes de portugueses possuem para morar na Europa?

Os direitos básicos para os descendentes de portugueses é o direito de visitar, morar e até mesmo trabalhar em solo português ou em qualquer outro país que faz parte da União Europeia.

Com a cidadania em mãos, o indivíduo tem livre acesso não apenas a viver em Portugal, mas também nos 28 países da zona do Euro, sem a necessidade de visto. E também ficam dispensados do visto para entrar em nações como EUA e Canadá, por exemplo.

Ou seja, quem se declarar descendente direto de português conseguirá – por meio da naturalização – todos os direitos legais e civis de um cidadão nascido e criado em Portugal, sem quaisquer restrições.

Leia o que já falamos sobre cidadania portuguesa por casamento e cidadania portuguesa para bisnetos.

As vantagens de ser um cidadão português

  • A anulação de visto para entrar em Portugal ou em qualquer outro país da UE, Canadá e EUA;
  • Direito a morar em Portugal ou em qualquer outro país da UE – direito repassado para os descendentes diretos (cônjuge e filhos);
  • Trabalhar legalmente em qualquer país da UE;
  • Realizar operações financeiras ou mesmo investimentos no país;
  • Direito a cidadania europeia automática facilitando o trânsito no continente.

É preciso seguro viagem para Portugal? Saiba tudo aqui.

Golden Visa Portugal – o que é e para que serve?

O Golden Visa Portugal é uma um carta de autorização para permanência em solo português direcionada aos investidores. O programa foi criado em 2012 e tem como objetivo atrair e facilitar aqueles que desejam morar em Portugal e ainda injetar dinheiro na economia local.

Vantagens

As principais vantagens de participar do programa Golden Visa Portugal são:

  • Investidor e sua família podem morar em Portugal e têm livre acesso a qualquer país da União Europeia;
  • Após 5 anos pode ser solicitado a cidadania portuguesa.

Quais investimentos entram na lista

Para participar do Programa Golden Visa Portugal você pode escolher uma das formas de investimento abaixo:

  • Compra de imóveis novos no valor mínimo de 500 mil euros;
  • Compra de imóveis com mais 30 anos ou que estejam em locais de reurbanização no valor mínimo de 350 mil euros;
  • Abertura de empresas que ofereça ao menos 10 empregos para cidadãos portugueses;
  • Investimento financeiro no valor mínimo de 1 milhão de euros;
  • Investir em pequenas/médias empresas portuguesas – sendo que o investimento precisa ser de no mínimo 500 mil euros.

família

Os 15 sobrenomes portugueses mais comuns

Os sobrenomes estão listados de forma aleatória e é importante lembrar que eles demonstram apenas os mais comuns entre os portugueses e seus descendentes espalhados em diversas partes do mundo.

Por isso, se seu sobrenome não estiver na lista, fique tranquilo.

  1. Santos;
  2. Silva;
  3. Jesus;
  4. Ferreira;
  5. Oliveira;
  6. Pereira;
  7. Costa;
  8. Sousa;
  9. Fernandes;
  10. Rodrigues;
  11. Lopes;
  12. Gomes;
  13. Martins;
  14. Marques;
  15. Gonçalves.

10 sobrenomes de origem nobre ou influentes em Portugal

Os sobrenomes a seguir pertencem a famílias tradicionais portuguesas de forte influência ou mesmo por fazer parte de alguma linhagem real.

  1. Albuquerque;
  2. Coimbra;
  3. Sampaio;
  4. Da Gama;
  5. Álvares;
  6. Braga;
  7. Guimarães;
  8. Castro;
  9. Da Veiga;
  10. Bragança.

Dicas importantes

Procure participar de fóruns e grupos em redes sociais de descendentes de portugueses que buscam ou já obtiveram sucesso na conquista da cidadania. Participar desses grupos é interessante, pois você pode conseguir boas dicas e informações relevantes e tirar outras dúvidas. Você também pode entrar em contato com o Consulado Português no Brasil.

E, então, conseguiu tirar todas as suas dúvidas sobre como os descendentes de portugueses devem agir para obter cidadania e garantir seus direitos na Europa? Para te ajudar, leia nosso artigo sobre como adquirir a cidadania portuguesa.

Conhece alguém que está em busca de informações ou não sabe por onde começar para comprovar a ascendência? Então fique de olho nesse e outros artigos!

Este artigo pode conter links comissionados para serviços e produtos de parceiros do Euro Dicas.
Compartilhe

Carolina Carvalho

Carolina é luso-brasileira, jornalista e especializada em Comunicação Empresarial. Desenvolve e revisa conteúdos para diversas mídias. Adora viajar o mundo, conhecer novas culturas e escrever sobre suas experiências. Tem prazer em dar dicas de restaurantes, hotéis e também em ajudar brasileiros que desejem morar em outro país.

Andrea Côrtes

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.

Artigos Relacionados

Fechar