As dúvidas na hora de comprar uma casa existem em qualquer circunstância, mas quando se trata de adquirir um imóvel no exterior, elas podem ser ainda mais intimidantes. Seja em relação à documentação ou as formas de pagamento, comprar casa em Portugal pode ser mais fácil do que você imagina.

Neste artigo vamos solucionar todos as dúvidas e ajudar você a tomar a melhor decisão para a compra de um imóvel no país, confira.

Como um brasileiro pode comprar casa em Portugal?

Comprar casa no país é um dos primeiros pensamentos dos brasileiros que pretendem morar em Portugal. A boa notícia é que pode ser mais simples do que parece a princípio.
Existem poucas diferenças na compra da casa por um brasileiro ou português, o processo, de modo geral, é bastante semelhante. A principal diferença pode estar no financiamento, caso seja uma opção, uma vez que pode não haver uma relação como correntista em um banco português, o que faz a busca começar do zero.

A seguir apresentamos um passo a passo de como comprar casa em Portugal, confira:

1. Definir o que procura

O primeiro passo para comprar uma casa em Portugal é definir o que você busca no imóvel. Neste momento, você deve pensar tanto no aspecto do imóvel, como número de quartos, localização e estado de conservação da casa. Mas também deve abranger o aspecto financeiro, qual será o orçamento para o imóvel, ou seja, de quanto você dispõe para comprar uma casa.

2. Iniciar a busca pela casa

Buscar por um imóvel pode ser um processo um pouco trabalhoso, especialmente se você ainda estiver vivendo no Brasil. Existem algumas maneiras de buscar por um imóvel, a mais tradicional, claro, é buscar por uma imobiliária, com atendimento mais personalizado, o corretor pode ajudar a encontrar a casa ideal, com as características que você deseja.

Mas não limite a busca ao corretor, em Portugal existem bons sites de imóveis, tanto de aluguel quanto de compra, nos quais você pode encontrar boas oportunidades. Em alguns desses sites, inclusive, existem anúncios das próprias imobiliárias.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Cotar Agora →
Precisa enviar dinheiro para outro país?

Depois de testarmos as principais alternativas do mercado (Paypal, Western Union, Moneygram, etc), a plataforma que nós recomendamos é a Wise. É seguro, rápido e fácil de utilizar.

Ver Cotação →

3. Visitar

A visita ao imóvel é essencial para uma compra de sucesso. Nesse momento aproveite para observar a região, seja para investimento ou para viver, a localização do imóvel é importante.

No imóvel, faça uma visita minuciosa, observe bem o prédio, o estado de conservação e possíveis problemas. Alguns problemas são comuns nos imóveis em Portugal, como o mofo – especialmente no inverno – por isso, observe bem a possível existência desses problemas nas paredes e armários.

4. Fechar as condições

As condições de compra podem variar muito e uma boa negociação pode fazer toda a diferença. Nesse momento, o corretor pode ser um bom auxiliar no processo de definir as condições.

5. Preparar a documentação

Antes de iniciar o processo de busca por um imóvel, é bom verificar os documentos necessários para a compra. Assim, no momento da negociação, estar com a documentação preparada facilita muito o andamento das negociações. A seguir apresentaremos em detalhes quais são eles, entre documentação pessoal e financeira, é bom ter tudo em ordem antes de começar.

Neste passo também inclua o contrato de compra e venda, essencial para oficializar as condições da compra e os detalhes da transação.

6. Transferir dinheiro ou pedir financiamento

O pagamento do imóvel é uma das etapas que gera maior dúvida nos compradores. Qual a melhor forma de transferir o dinheiro do Brasil para Portugal? É possível financiar sendo brasileiro? São muitas as dúvidas, mas a transação é simples e pode sair mais barata pelas plataformas. Você só precisa se planejar direito para verificar os limites da transação.

Fachada apartamento em Lisboa

7. Fazer a escritura

Negociação concluída, pagamento definido, é hora de passar a documentação do imóvel para o seu nome. Quando o pagamento é realizado direto com o vendedor, basta estarem ambos presentes para a assinatura. Caso seja realizado o financiamento é necessária a presença de um representante do banco.

Assinada a escritura, o imóvel é registrado no seu nome e pronto, a casa é oficialmente sua!

Quanto custa uma casa em Portugal, em média?

Varia muito, pode encontrar casas de 50 mil euros a mais de um milhão de euros. Os preços vão depender de vários fatores, desde a cidade onde pretende comprar um imóvel, até o tamanho e estado de conservação dele.

No dia 20 de maio de 2021, realizamos uma busca no Imovirtual, por imóveis com tipologia T2, ou seja, com dois quartos, com até 70 m² em diferentes freguesias (bairros) das principais cidades de Portugal.

Todos os imóveis estão em bom estado de conservação e muitos deles prontos para serem habitados. Os preços variam muito de uma cidade para outra, mas estando no Porto e em Lisboa os imóveis são mais caros.

Como é possível observar, a metragem em Lisboa é muito mais cara que nas demais cidades. Em algumas situações, é possível comprar um imóvel maior e mais confortável em cidades menores, pelo mesmo preço de um apartamento pequeno na capital.

Lisboa

Freguesia Preço
Alvalade 350 a 600 mil euros
Estrela 200 a 650 mil euros
Campo Oiapoque 250 a 450 mil euros
Misericórdia 250 a 450 mil euros
Parque das Nações 150 a 450 mil euros
Santo Antônio 250 a 600 mil euros
Santa Maria Maior 150 a 450 mil euros

Porto

Freguesia Preço
Aldoar, Foz do Douro e Nevogilde 270 a 550 mil euros
Bonfim 150 a 300 mil euros
Campanhã 100 a 250 mil euros
Cedofeita, Santo Ildefonso, Sé, Miragaia, São Nicolau e Vitória 160 a 400 mil euros
Paranhos 155 a 280 mil euros

Faro

Conselho/Freguesia Preço
Faro – Sé e São Pedro 130 a 370 mil euros
Albufeira – Albufeira e Olhos de Água 135 a 350 mil euros
Portimão – Portimão 120 a 270 mil euros

Onde procurar casas para comprar em Portugal?

A internet facilitou muito o processo de busca por um imóvel, especialmente quando a compra é em outro país. Entre os sites portugueses para compra de imóveis, os que mais se destacam são o Imovirtual e o Casa Sapo.

Em ambos os sites é possível filtrar pela cidade, preço e outras características do imóvel. Com anúncios sempre atualizados, ambos concentram publicações tanto de proprietários quanto de imobiliárias, assim, é possível encontrar uma ampla oferta de imóveis e selecionar de acordo com seus objetivos.

Entre as imobiliárias, as duas principais com atuação em todo o país são a Remax e a Era. Também é possível realizar uma busca pelos sites e encontrar anúncios atualizados de imóveis pelo país. Por serem as maiores do país, você encontra uma ampla oferta de imóveis para venda e, se preferir, pode contar com um atendimento mais personalizado dos corretores.

Como são as casas em Portugal?

As casas em Portugal são um pouco diferentes do Brasil, existem alguns aspectos tanto arquitetônicos quanto de funcionalidade que são bem diferentes.

Janela só de um lado

É comum que os apartamentos em Portugal tenham apenas um lado com janelas (a menos que sejam de esquina). Os prédios, em sua maioria, são construídos colados um no outro, dessa forma, existem janelas apenas em um dos lados.

Proteção contra o frio

Outra diferença está na preparação das casas para o frio. Em Portugal, muitas casas tem janelas com vidros duplos, que ajudam a reduzir a perda de calor no imóvel, no inverno essa característica é essencial. Assim como o sistema de aquecimento, atualmente, muitas casas contam com ar condicionado de dupla função, que aquecem e esfriam o ambiente.

Banheiro sem janela

Não se assuste se encontrar banheiros sem janelas. Quando falei que as casas têm apenas uma frente dá para entender um pouco a questão, quem vai querer perder espaço de luz natural com um banheiro? Desta forma, é comum que os banheiros tenham sistemas de exaustores, que retiram a condensação da água quente. Um exaustor de qualidade é essencial, especialmente para evitar os mofos que acompanham a umidade.

Nomenclatura

Mas existe ainda uma diferença fundamental na nomenclatura, as casas e apartamentos são denominados pela tipologia, ou seja, você vai encontrar imóveis com a designação T acompanhado de um número.

Esse número em questão é o número de quartos, assim, existem T1, T2, T3, etc. Um T0 corresponde a uma kitnet. Já um T1+1 corresponde a um apartamento de um quarto, mais um cômodo que pode ser feito de quarto, mas que provavelmente não tem janela (aquela diferença que falamos antes).

Como funciona o financiamento de imóveis em Portugal?

O financiamento de imóveis em Portugal é uma boa oportunidade para quem pretende comprar um imóvel no país. Um brasileiro pode conseguir até 70% de financiamento do imóvel, ou seja, o restante deve ser pago como entrada.

Se você pretende financiar um imóvel em Portugal, o primeiro passo é buscar por um banco. Existem grandes instituições bancárias no país, faça uma simulação no site do banco escolhido e verifique as condições. A análise de crédito varia muito de um banco para outro, por isso, é bom pesquisar as instituições antes de escolher a melhor opção.

Se você ainda vive no Brasil, a dúvida se é possível usar os comprovantes de renda brasileiros é comum, a reposta é que sim, você pode usar seus comprovativos do Brasil. A declaração de renda brasileira, assim como os contracheques e extratos bancários podem ser usados para comprovação na solicitação do financiamento.

Tem como comprar casa em Portugal morando no Brasil?

Sim. É possível comprar casa em Portugal ainda morando no Brasil, mas você vai precisar de um profissional no país para intermediar o processo. Isso porque, um dos requisitos para comprar casa em Portugal é ter o Número de Identificação Fiscal (NIF), e para solicitá-lo é preciso ter um representante fiscal no país.

Também existem assessorias que auxiliam nesse processo, tanto na parte da documentação quanto da negociação.

Cuidado ao comprar um imóvel a distância, se possível visite-o antes de concluir a compra, é um investimento alto e não conhecer pessoalmente pode ser um erro. Por isso, planeje-se e antes de finalizar a negociação faça uma visita a Portugal e ao imóvel.

O que é necessário para comprar uma casa em Portugal?

O primeiro item essencial para comprar um imóvel em Portugal é o Número de Identificação Fiscal, o NIF, que citamos anteriormente. Esse documento, equivalente ao CPF no Brasil, é essencial para conseguir realizar a transação no país. Para solicitar o NIF você deve ir às Finanças em Portugal.

Além disso, é preciso apresentar sua documentação pessoal, que pode ser o passaporte, caso ainda não tenha residência em Portugal. A autorização de residência também pode ser usada no processo, ou ainda, o cartão de cidadão, para quem tem cidadania europeia.

Casas em Faro Portugal

Você também precisará apresentar os comprovativos de rendimento, para a negociação. Caso ainda esteja no Brasil, deve apresentar o imposto de renda brasileiro e outros documentos que ajudem a comprovar seus rendimentos.

Outros documentos importantes para comprar casa em Portugal

  • Certidão do Registro Predial: é a certidão de teor, utilizada para confirmar a legitimidade do proprietário e do comprador;
  • Caderneta Predial: comprovando a atual situação fiscal do imóvel (esse documento deve ser solicitado no serviço de Finanças);
  • Licença de Utilização: serve para dizer qual será a finalidade do imóvel e deve ser solicitada na junta de freguesia local;
  • Ficha Técnica de Habitação: descreve todas as características técnicas do imóvel.

Como transferir dinheiro para Portugal para comprar imóvel?

Existem muitas formas de enviar dinheiro para Portugal, mas quando se trata de montantes elevados para remessas internacionais, é natural que existam muitas dúvidas. Entre as principais maneiras estão os bancos e as plataformas digitais.

Entre as plataformas de envio de dinheiro internacional, recomendamos especialmente a Remessa Online e a Wise. Ambas oferecem boas condições de envio e taxas baixas, se comparadas a outras instituições financeiras.

Geralmente as plataformas apresentam limites de envios para o exterior, para elevar o limite de envio, você precisa realizar o cadastro completo e comprovação de rendimento. Por exemplo, se você vender um imóvel no Brasil, pode enviar os comprovativos para conseguir elevar os limites e enviar um montante maior para Portugal.

Outra opção são os bancos no Brasil, você pode consultar o banco no qual tem conta e verificar as condições. Mas fique atento, além de taxas mais elevadas, a cotação da moeda pode não ser muito favorável pelas instituições bancárias.

Onde comprar casa em Portugal?

Apesar de ser um país pequeno, Portugal é bastante diverso, existem regões mais ensolaradas, como o Algarve, regiões mais frias, como o Norte e regiões mais cosmopolitas, como Lisboa. Por isso, e preciso avaliar bem o que você pretende ao comprar uma casa em Portugal.

Uma dica é conhecer as cidades, ou seja, faça uma lista de possíveis locais onde gostaria de viver e passe um tempo em Portugal para conhecê-las. Assim, você consegue delimitar melhor o que agrada e o que está no estilo de vida que pretende levar no país.

Em cidades mais turísticas, como Porto e Lisboa, os preços são mais elevados, mas nos arredores dessas cidades é possível comprar imóveis bons, maiores e com melhores preços.

Se o objetivo é comprar um imóvel para investir, o ideal é que seja nos grandes centros, seja para aluguel de curta temporada ou para residência, são nas principais cidades que estão as grandes demandas e você pode conseguir um retorno mais no investimento.

Descubra as melhores cidades para viver em Portugal de acordo com o seu perfil.

Autorização de residência através de compra de imóvel em Portugal

Dependendo do valor do imóvel que você pretende comprar em Portugal, é possível solicitar o visto de residência permanente ou Golden Visa.

Outra dúvida bem comum é se comprar imóvel em Portugal ganha cidadania, veja nossa explicação sobre o assunto neste artigo. Se você precisa de ajuda para comprar casa em Portugal, desde encontrar a casa perfeita, encontrar a melhor solução de financiamento ou até mesmo rentabilizar o imóvel, indicamos obter ajuda de uma consultoria.

Vale a pena comprar casa em Portugal?

Sim. Especialmente para quem pretende financiar. Em Portugal, o financiamento imobiliário é muito atrativo, vale mais a pena comprar um imóvel do que alugar. O valor mensal de um financiamento é menor que o pago nos aluguéis, que sofrem com a pressão turística.

Os juros do Brasil, são elevados, especialmente quando se trata do financiamento imobiliário. Com taxas que chegam a quase 10% em alguns bancos, o valor do financiamento a longo prazo é imprevisível, podendo as parcelas aumentarem mais do que o previsto. Por outro lado, em Portugal, muitas instituições oferecem juros fixos ou mistos, nos quais é possível saber o valor a ser pago do início ao fim do empréstimo.

Se você pretende comprar casa em Portugal enviando todo o dinheiro da compra do Brasil, pode não ser a melhor escolha. Com o real a bastante desvalorizado suas economias em Portugal podem se reduzir a valores bem baixos. Por isso, se for o caso, envie apenas o necessário para dar entrada e depois vá enviando aos poucos. Se você pretende trabalhar em Portugal, em algum momento vai começar a ganhar em euro e o valor das parcelas é bem leve no orçamento.

Mas no fim das contas, quem tem a resposta para esta pergunta é você, vale a pena para você investir em um imóvel em Portugal? Considerando tudo que apresentamos é possível conhecer melhor o panorama do país e avaliar as condições de compra antes de decidir.

Casas a venda em Portugal baratas, ainda existem?

Existem, mas é possível que você só encontre um imóvel barato em regiões mais interioranas do país. Nos distritos de Viseu, Vila Real, Beja, entre outros, é possível encontrar imóveis a partir de 50 mil euros.

Em Viseu, por exemplo, encontramos um imóvel T1 com 63 m² por 70 mil euros. Já em Évora, encontramo muitos imóveis de um quarto entre 50 e 60 m² na faixa de 55 mil euros.

Mas você deve ponderar a qualidade de vida e oportunidades de trabalho nessas regiões, elas são menos desenvolvidas e pode ser um investimento ruim.

Outra possibilidade é comprar imóveis mais antigos em regiões melhores, um apartamento de dois quartos antigo, sem nenhuma reforma, no Porto, pode ser comprado por cerca de 100 mil euros. Você vai precisar investir no imóvel e fazer boas reformas, mas é uma boa oportunidade.

Animado para comprar casa em Portugal? Então é bom ir se planejando e programando a mudança para o país. Para ajudar nesse processo, montamos o Programa Como em Portugal, um curso completo com aulas em vídeo, e-book e lives mensais com tudo que você precisa saber para se mudar.