Quantos euros posso levar para Portugal? Descubra aqui

Portugal  / 

Uma das maiores dúvidas de quem decide viajar para outro país pela primeira vez é sobre quanto dinheiro em espécie é necessário levar. Cada país tem suas regras e exigências próprias, por isso é muito importante pesquisar todas as informações sobre o destino escolhido. Se a sua viagem for para terras lusitanas, você deve estar se perguntando: “Quantos euros posso levar para Portugal“?

Pensando em se mudar para Portugal? Conheça o nosso Guia

Venha morar em Portugal sem complicações nem imprevistos com a orientação do nosso guia Como Morar em Portugal.


Num só lugar você vai encontrar o passo a passo para conseguir trabalho em Portugal, cidadania ou visto, saber os documentos obrigatórios, tudo sobre custo de vida, educação, as melhores cidades para morar e muito mais.

AMOSTRA GRÁTIS »

Não precisa ficar preocupado porque vamos te ajudar a planejar a sua viagem com cuidado! Vamos lá?

Quantos euros posso levar para Portugal?

A lista de preparação para uma viagem não é pequena, não é mesmo? Você vai incluir itens que não podem ser esquecidos e precisam ser conferidos antes de embarcar no avião. Reservas de hotel, passagens aéreas, telefones de contato em caso de urgência, apólice do seguro viagem, cartão de crédito e o pré-pago internacional e dinheiro em espécie.

Nesse momento você se pergunta: “Mas quantos euros posso levar para Portugal”? Bem, a resposta é simples. Não há limite de dinheiro em espécie que pode ser levado para Portugal – ou qualquer outro país da União Europeia. Você deve levar a quantia necessária para suas despesas básicas e possíveis emergências durante a viagem.

No entanto, é muito importante declarar corretamente o valor que você está levando na viagem. E também lembre-se de seguir as orientações da Embaixada Portuguesa em relação aos trâmites financeiros.

Não deixe de ler nosso artigo sobre como planejar viagem para a Europa.

Existe um limite máximo?

Não existe limite máximo de quantos euros posso levar para Portugal. Porém, para valores iguais ou superiores a €10 mil – ou correspondente a esse valor em outra moeda – é obrigatório declarar a quantia no departamento de imigração logo na entrada do país.

Aliás, não importa se esse valor está dividido entre espécie e cartão de crédito, débito ou cheque viagem. É obrigatório declarar tudo o que você está levando. Caso você não declare, existe a possibilidade de ser multado em uma fiscalização e impedido de entrar no país.

E dependendo da situação ou do montante encontrado na bagagem, você pode até mesmo ter que responder pelo crime na justiça.

quantos Euros posso levar para portugal

Quantos euros é preciso para entrar em Portugal?

O valor mínimo para entrar em Portugal são €75 mais €40 por dia de permanência no país. Ou seja, se você for ficar em Portugal por 20 dias terá que comprovar que têm no mínimo €875 para se manter durante a viagem.

Além disso, é necessário comprovar o local onde ficará hospedado (reserva de hotel ou carta convite) e ter a passagem de volta para o Brasil.

Confira se é necessário seguro viagem para Portugal aqui.

Dica

Nunca viaje com o valor mínimo para despesas do dia a dia. A recomendação é levar um pouco a mais de dinheiro, ou ao menos ter o cartão de crédito liberado em caso de emergência. Afinal, é melhor sobrar dinheiro no final da viagem do que faltar para uma despesa inesperada.

O ideal é levar o mínimo e mais 50% dele. Ou seja, para o exemplo citado acima, o valor ideal seria €1312,50. Por isso, se surgir a dúvida de quantos euros posso levar para Portugal, calcule sempre um dinheiro extra.

Como enviar dinheiro para Portugal

Não existe a melhor forma de levar dinheiro para Portugal. A dica valiosa é sempre ter em mãos um pouco de dinheiro em espécie, além do cartão de crédito e um cartão pré-pago de viagem. E se você conhece alguém que tenha conta bancária em Portugal, pode encontrar ainda outras formas de enviar dinheiro para o exterior.

É sempre importante procurar alternativas para não ficar “refém” de apenas um método. Por isso, selecionamos os meios mais comuns enviar dinheiro para Portugal e realizar saques e compras de forma segura e eficiente e sem grandes dores de cabeça:

Espécie

Levar dinheiro em espécie é essencial para despesas imediatas, emergências ou outros pequenos gastos do dia a dia. Afinal de contas, a gente precisa contar com a possibilidade de ir comer em algum restaurante ou usar o transporte público que não aceite cartão de crédito.

Se possível, leve notas baixas para facilitar o troco e o pagamento de despesas pequenas como uma garrafa de água ou para aquele cafezinho.

Cartões de crédito, débito e pré-pago

É importante deixar a disposição os cartões de débito ou crédito para fazer o pagamentos de despesas mais altas, como a reserva do hotel. Ou até mesmo para uma eventual emergência. Mas é precisa ficar atendo e limitar os gastos ao mínimo por causa da cobrança do IOF sobre movimentações em moedas estrangeiras.

Quer saber como pode morar, trabalhar ou estudar tranquilamente em Portugal?

A Atlantic Bridge é o parceiro que nós recomendamos para ajudar você a legalizar o seu sonho de vir para Portugal.

SABER MAIS »

Se necessário, confirme todas as taxas cobradas pelo cartão e também converse com o seu banco para esclarecer todas as dúvidas antes de viajar.

Alguns cartões pré-pagos internacionais são emitidos por empresas que trabalham com câmbio de moedas. A vantagem aqui é que o IOF é cobrado no momento que você compra a moeda estrangeira. Você pode usá-lo normalmente para realizar pagamentos e saques.

TransferWise

A Transferwise é um serviço especializado em envio e recebimento de valores dentro e fora do Brasil. Sua vantagem em relação aos bancos tradicionais, e até mesmo para outros serviços semelhantes, está nas tarifas mais baixas cobradas durante as transferências internacionais.

Para conseguir realizar uma remessa internacional é preciso efetuar um cadastro com seus dados pessoais. Depois basta preencher os dados do destinatário (incluindo dados bancários) e indicar o valor desejado. O pagamento pode ser feito via TED ou boleto bancário.

Quer entender melhor sobre o serviço da TransferWise? Então leia nosso artigo completo e saiba como funciona.

Saiba também como declarar remessas para o exterior no imposto de renda.

Remessa Online

O Remessa Online funciona como um intermediador de transferências e pagamentos online. Nele você pode solicitar o envio de um determinado valor para a sua conta e solicitar o saque através de conta corrente.

Possui um grande diferencial em relação à concorrência: atendimento personalizado em português, útil, principalmente, para as pessoas que moram no exterior, que pretendem ou costumam enviar e receber dinheiro internacionalmente.

Aproveite e veja uma comparação entre Remessa Online x TransferWise.

Western Union

O Western Union é um aplicativo bem intuitivo e que vem para facilitar a transferência de valores em mais de 20 países ao redor do mundo. Por meio do aplicativo você seleciona o país para onde deseja enviar o dinheiro, o valor a ser transferido e os dados do destinatário.

Depois basta confirmar a forma que deseja realizar o pagamento (transferência bancária). É cobrada uma taxa de R$9,90 para utilizar o serviço da Western Union.

Após o sistema reconhecer o pagamento, o destinatário já terá o saldo em sua conta. Ele só vai precisar selecionar como deseja receber o valor: conta corrente ou se prefere sacar o dinheiro em um dos 200 postos de atendimentos espalhados pelo mundo.

Para te ajudar, leia nosso artigo comparando a Remessa Online x Western Union.

Paypal

O Paypal é uma das maneiras mais eficazes e seguras para realizar transferências e saques. Você pode fazer o pagamento de contas, compras online e enviar de dinheiro para contas correntes ou cartões de crédito previamente cadastrados e autenticados pelo sistema.

No entanto, é importante você realizar o seu cadastro antes da viagem e certifique-se de que a conta está atualizada e autenticada. Uma dica bacana é, se possível, realize alguns testes para ver como o sistema funciona. O valor solicitado é creditado na conta no mesmo dia.

Veja também nosso artigo comparativo entre a TransferWise x Paypal.

Importante

A forma como você vai levar dinheiro para Portugal é muito pessoal e depende do seu perfil e estilo de viagem. Mas uma dica importante, porém, é nunca levar todo o valor de uma única maneira. Como medida de segurança, escolha pelo menos dois métodos e divida a quantia de uma forma segura para o uso no dia a dia.

Guarde cartões e dinheiro em espécie em locais diferentes e seguros. Caso você perca a carteira ou bolsa ou mesmo seja furtado, ter o dinheiro espalhado pode te ajudar a não perder tudo e poder curtir a viagem com tranquilidade.

E você, já passou algum apuro por causa de dinheiro fora do país? Tem dicas para compartilhar conosco? Deixe seu comentário!

Em destaque no Euro Dicas
  • Sabia que é obrigatório ter Seguro de Viagem para entrar na Europa?

    Seja para morar ou visitar, a imigração pode exigir esse documento no país destino. Se você não tiver, será obrigado a voltar ao Brasil. Em parceria com a Seguros Promo garantimos aos nossos leitores o melhor preço de seguro de viagem.

    COTAR SEGURO »
  • Precisa enviar dinheiro para outro país?

    A nossa plataforma preferida é o Remessa Online. No Remessa Online você vai economizar até 8x nas suas transferências e, se precisar de algum suporte, o apoio ao cliente é em português. Crie a sua conta grátis e envie dinheiro com segurança.

    VER COTAÇÃO »
  • Pensando em morar em Portugal?

    Escrevemos um guia com todos os passos necessários para organizar a sua saída do Brasil com rapidez, segurança e sem complicações. Receba grátis o índice e primeiras páginas.

    RECEBER AMOSTRA »
COMPARTILHE
Autor

Andrea é uma jornalista curitibana que uniu a paixão pela profissão e pelas viagens e fez disso sua vida. Viajou por todos os cantos do Brasil e também se aventurou pelos Estados Unidos, África e Ásia. Ao lado do filho e do marido foi morar no Sri Lanka e no Vietnã. Desde 2018 vive na Inglaterra e divide seu tempo entre a produção de conteúdo e os passeios pelo Reino Unido.