Como decidir o país para morar no exterior e quando é hora de mudar

Como decidir o país para morar no exterior

Europa  / 

Quando resolvemos que é hora de mudar de país e começar uma vida com a família no exterior, é preciso decidir o país para morar. Uma escolha muito importante e que pode ser o fator decisivo para o sucesso dessa vida no exterior. Pensando nisso, preparamos uma lista com o que você deve considerar e planejar antes de tomar qualquer decisão.

O que ter em conta para decidir onde morar no exterior

Perfil da família

O fator mais importante para decidir o país para morar é analisar o perfil da sua família. Vocês gostam de frio? Estão preparados para baixas temperaturas? Para chuva, neve? Para enfrentar o novo e recomeçar a vida?

Pesquise muito antes de planejar uma mudança para fora do país. Morar fora é muito bom, mas nem sempre tudo acontece da melhor maneira. A família precisa estar em sintonia, o casal precisa se entender e pensar parecido.

O estresse da mudança só vale a pena se todos vestirem a camisa e tiverem o mesmo sonho e um objetivo em comum. Quando um anda pra trás, pode atrapalhar todo o processo de adaptação. Veja como é morar com a família no exterior.

Custo de vida

O custo de vida e o fator financeiro são extremamente importantes na hora de decidir o país para morar fora. Faça um planejamento financeiro, junte dinheiro para a mudança, compre as passagens aéreas e tente ter uma boa reserva para os primeiros meses no novo país.

Conta Bancária Internacional sem custos

Com o cartão Borderless da Transferwise, você obtém seus próprios números de conta pessoal e códigos bancários do Reino Unido, Estados Unidos, Austrália e Europa. Grátis e sem mensalidades!


Peça seu cartão, literalmente, em 5 minutos. Não precisa de comprovar que está trabalhando nem que tem recebimentos mensais:

ABRIR CONTA GRÁTIS »

Veja como descobrir o custo de vida de um novo país/cidade e como comparar com outros lugares.

É preciso juntar dinheiro

É necessário guardar dinheiro para a mudança
Mudar de país contando moedas não costuma ser uma decisão muito inteligente. Você terá todo o estresse e ansiedade da mudança, do desconhecido, da nova cultura, língua e ainda precisará fazer a conversão da moeda a cada segundo? Sinceramente, isso pode ser um grande problema.

Ter dinheiro suficiente para começar a nova vida é fundamental, principalmente em família e com filhos pequenos. Por isso, pesquise muito sobre o custo de vida no novo país e guarde dinheiro para uma mudança mais tranquila.

Se ainda não tem o dinheiro necessário, espere mais um pouco, planeje melhor e aguarde o momento certo.

Veja se é necessário contratar ajuda para morar fora.

Qualidade de vida

Ao escolher um país para morar fora, pesquise sobre a qualidade de vida no lugar, os índices de felicidade dos moradores, o clima, a aceitação aos imigrantes e etc. Participe de fóruns de brasileiros nas redes sociais e leia o depoimento de quem já mora lá. Estar preparado para o que vai vir é fundamental.

Dificuldade de adaptação

Tenha em conta que o processo de adaptação leva um bom tempo e que, como tudo na vida, haverá empecilhos, dias ruins e dias bons. Estar preparado emocionalmente é muito importante, assim como ter a família unida.

A adaptação em um novo país pode levar um mês, seis meses ou até mais. Tudo depende da maneira como você vê e encara a vida, da facilidade em fazer amizades e da humildade de começar do zero, sem ninguém conhecer seu passado e quem você é.

Esteja aberto ao novo, aprenda a cultura, os novos hábitos e costumes e aceite. Se ficar preso as suas velhas convicções será bem mais difícil a adaptação.

Salários

Os salários no novo país também são importantes. Pesquise qual a média salarial da sua profissão antes de decidir o país para morar e veja se conseguirá manter a família e pagar todas as contas. Saiba como é possível trabalhar no exterior.

Segurança

Verifique os índices de violência no país, número de homicídios, roubos, etc. Com certeza, países da Europa são mais seguros que o Brasil. Mesmo assim, se seu destino for diferente, pesquise bastante sobre a segurança no país, cidade e bairro em que irá morar.

Língua

Aprender nova língua para morar fora
Você domina a língua falada no país? Ainda não? Então quem sabe o melhor seja fazer um curso de idiomas antes, estudar bastante e ir mais preparado.

A língua pode ser um fator determinante na sua adaptação (ou não) no novo país. Outra dica é conviver com pessoas locais e não apenas com brasileiros. Dessa forma, você pode treinar o idioma e aprender muito mais rápido.

Veja as dicas que já demos para aprender novas línguas:

Educação

Se você está decidindo o país para morar com filhos, precisa se informar sobre a educação no país. Ela é gratuita? Paga? Há vagas? Pesquise sobre o mês de início do ano letivo, das escolas e opções em cada cidade que você cogita morar. Descubra sobre como é o sistema de ensino em Portugal.

Saúde

A saúde no novo país é gratuita ou paga? Esse fator pode ser muito importante no seu orçamento familiar. Por isso, pesquise os custos com a saúde e se é necessário/obrigatório ter um plano ou seguro de saúde.

Como tomar a decisão de morar fora?

Pesquise para decidir o país para morar fora
Antes de decidir o país para morar fora é preciso ter a certeza de que você está pronto para essa mudança. Seja sozinho ou em família, é preciso ter um objetivo de vida, uma meta, um planejamento.

A decisão de morar fora pode ser para sempre, ou apenas por alguns anos. Pode ser a melhor coisa que você irá fazer na vida ou a pior. Tudo depende dos seus sonhos e da vontade de querer viver na Europa. Lembre-se que você estará em um país que não é o seu.

Você precisará ter muita força de vontade para superar os desafios e obstáculos que irá enfrentar. Mas, é claro, você sempre terá a chance de voltar, ou mudar de país novamente. Só erra quem tenta.

Como procurar informações para decidir o país para morar?

Você pode encontrar muitas informações sobre países da Europa aqui na Euro Dicas, em blogs de pessoas que já moram fora, em fóruns de brasileiros e até em grupos do Facebook. Pesquise, ouça opiniões diferentes e, tenha em mente, que a experiência de cada um pode ser diferente da sua. Tudo depende da sua vontade de mudar e querer realmente pertencer aquele lugar.

A dica mais importante de todas é pesquisar muito, ler bastante sobre o lugar e estar preparado para morar fora. Quanto mais você souber, mais chances terá de dar certo e obter sucesso.

Veja mais algumas dicas para morar fora que podem ser úteis na sua decisão.

Os melhores países para morar na Europa para brasileiros

Os brasileiros que sonham em morar na Europa e precisam decidir o país para morar devem pesquisar as opções de visto para o país, o perfil da família e todos os itens que listamos acima. Entretanto, criamos uma lista com os melhores países para morar na Europa, de acordo com rankings dos melhores países para viver e com o perfil dos brasileiros, confira:

  • Dinamarca
  • Noruega
  • Suécia
  • Finlândia
  • Suíça
  • Holanda
  • Alemanha
  • Áustria
  • Luxemburgo
  • Reino Unido
  • França
  • Portugal
  • Espanha

Também pode ser útil conhecer os melhores países para criar filhos e os melhores países para trabalhar.

Amanda é brasileira, jornalista, mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (Braga, Portugal). Mora desde 2014 em Portugal. Escreve para seu site Vagas pelo Mundo sobre oportunidades de emprego, a experiência de morar fora, bolsas de estudo e vistos para morar no exterior.