Tem uma viagem marcada para a Espanha ou está organizando a sua ida? Seja para morar no país ou turistar por um período, é muito importante saber quanto dinheiro levar para Espanha. Afinal, ajustar o seu orçamento é o primeiro passo para que você possa aproveitar as maravilhas do país ibérico ao máximo.

Acompanhe o artigo, abra a sua planilha financeira e vamos lá!

Como saber quanto dinheiro levar para Espanha?

Determinar quanto dinheiro levar para Espanha depende de vários fatores. O principal deles é que o planejamento deve ser feito com base no objetivo da sua viagem. O orçamento para morar na Espanha é completamente diferente do orçamento para turismo, por exemplo.

Afinal, quem vai passar um curto período, como duas semanas, costuma priorizar gastos para aproveitar ao máximo a viagem. Já quem vem a longo prazo costuma chegar com mais cautela financeira.

Quanto dinheiro levar para Espanha para morar?

Saber exatamente quanto dinheiro levar para morar na Espanha demandaria analisar caso a caso. Isso é muito particular, pois depende do estilo de vida e das possibilidades de cada um.

Para te dar uma luz nesse processo, vamos apresentar um valor médio mensal para diversos itens básicos, de moradia até saúde.

Mas lembre-se que é crucial criar uma reserva financeira para não passar aperto nem perrengue. A nossa recomendação é ter uma reserva de 6 meses e, sempre que possível, jogar o número um pouquinho para cima. Vamos lá?

Comprar euro mais barato?

A melhor forma de garantir a moeda europeia é através de um cartão de débito internacional. Recomendamos o Cartão da Wise, ele é multimoeda, tem o melhor câmbio e você pode utilizá-lo para compras e transferências pelo mundo. Não perca dinheiro com taxas, economize com a Wise.

Cotar Agora →

Passagens aéreas e malas da mudança

A passagem para Espanha deve estar em primeiro plano desde que você tomou a decisão de se mudar para o país, já que os preços variam muito e podem afetar o seu orçamento.

A principal dica para economizar nas passagens é comprar com toda a antecedência que você puder. Para te ajudar fizemos duas cotações no Vai de Promo, um dos melhores e mais completos comparadores online de passagens aéreas e nossa principal recomendação.

Consideramos uma passagem apenas de ida, com duas cidades de saída no Brasil e duas cidades de chegada na Espanha. As cotações foram feitas no dia 16 de maio de 2024 e consideram a chegada em setembro de 2024.

Cidade de saída  Destino de chegada Preço
Rio de Janeiro Madrid R$ 2.904,23
São Paulo Madrid R$ 2.841,47
Rio de Janeiro Barcelona R$ 3.058,98
São Paulo Barcelona R$ 2.961,78

As malas da mudança também são um assunto sério. Precisam ser de alta qualidade para que todos os seus pertences cheguem bem e, acima de tudo, seguros. Caso você precisa comprar novas malas, bote na ponta do lápis e busque bons preços em lojas com grande variedade como o Portal das Malas.

Saiba também o que levar na mala para Espanha.

Alojamento temporário

Chegar em um alojamento temporário já reservado é a melhor opção para depois, com calma, encontrar moradia permanente. Seja Airbnb, hotel, hostel ou até mesmo quarto alugado em apartamento compartilhado, esse custo deve ser considerado para que você não se assuste ao chegar.

A Uniplaces é uma ótima aliada, é uma plataforma de aluguel de quartos e apartamentos temporário e também fixo. Veja essa cotação considerando aluguel de quarto em apartamento compartilhado em Barcelona e Madrid, com cotação feita em maio de 2024:

Cidade Preço médio (quarto privado com cama de casal)
Barcelona 500€
Madrid 450€

A boa notícia é que a Uniplaces é confiável e você pode alugar ainda estando no Brasil sem se preocupar, pois há verificação e políticas de segurança na plataforma. Não esqueça de adicionar no seu cálculo a caução, que na Espanha costuma ser um mês de aluguel sendo devolvido quando você sai.

Prédios com apartamentos para aluguel na Espanha
O aluguel é o que mais pesa na hora de organizar o orçamento de quanto dinheiro levar para Espanha.

Também recomendamos incluir ao menos 3 meses no orçamento inicial. Caso você encontre antes uma moradia permanente, terá um dinheirinho sobrando, mas nem sempre é tão rápido. Em resumo:

  • 3 meses + 1 caução em Madrid:  1.800€;
  • 3 meses + 1 caução em Barcelona: 2.000€.

Existem quartos mais baratos, mas normalmente estão mais afastados do centro, são de cama de solteiro e/ou não tem a melhor infraestrutura. Vale a pena “passear” pela Uniplaces e checar!

Aluguel e caução

O aluguel na Espanha é um dos principais e maiores custos que devem ser priorizados para uma boa reserva financeira. O valor não é baixo, especialmente em grandes cidades, por isso, é comum que muitos estrangeiros dividam apartamento por bastante tempo.

Segundo o Numbeo, os preços de aluguel na Espanha são, em média:

Tipologia Preço médio
Apartamento de 1 quarto no centro 936,78€
Apartamento de 1quarto fora do centro 701,83€
Apartamento de 3 quartos no centro 1.509,16€
Apartamento de 3 quartos fora do centro 1.053,33€

E não para por aí: normalmente é obrigatório apresentar rendas de trabalho, quase sempre são solicitadas no mínimo 3 contracheques ou comprovações de renda do país de origem. Além disso, é geralmente necessário pagar adiantado 3 meses de aluguel (2 meses como caução e 1 mês como fiança).

Isso pode variar caso você consiga alugar direto com proprietário ou encontre imobiliárias mais flexíveis, mas tome isso como base, pois é o mais comum.

Em resumo: o primeiro mês de aluguel de um apartamento de um quarto no centro +  caução e fiança pode custar, em média: 3.747,12€.

Contas de casa

Na hora de definir quanto dinheiro levar para Espanha, as contas de casa devem ser consideradas. Elas podem vir mensalmente ou a cada dois meses, dependendo do prédio e da cidade. Os custos inclusos nessa despesa são: eletricidade, calefação, gás, água e taxas de limpeza e recolhimento de lixo.

De forma geral e segundo o Numbeo, as contas de casa na Espanha são, em média, 130,41€ por mês.

Transporte

O transporte público na Espanha é excelente. As linhas são bem conectadas e o preço é ótimo, portanto um carro não é uma grande necessidade, exceto caso você more em uma cidade e trabalhe em outra, por exemplo.

Uma passagem custa, em média, 1,50€. Já um passe mensal é 31,15€. Isso varia conforme região da Espanha e até mesmo a cidade. Além disso, jovens costumam ter descontos. Em Barcelona, por exemplo, existe o T-Jove, um passe trimestral que custa 42€ e é ilimitado.

Porém, vale lembrar que esse gasto pode aumentar para quem vive fora dos grandes centros urbanos, especialmente para quem trabalha em uma grande cidade, mas mora em cidades vizinhas para economizar no aluguel. É importante colocar na ponta do lápis e fazer as contas para ver se vale a pena.

O litro de gasolina custa em média 1,61€, já uma viagem de táxi custa 3,50€ para iniciar e tem o custo adicional de 1,21€ a cada km rodado.

Alimentação

O custo de vida na Espanha pode ser mais alto ou mais baixo dependendo de onde você mora e do seu estilo de vida. Porém, de forma geral, há um custo que é baixo comparado ao Brasil: o supermercado.

Uma compra de supermercado na Espanha para uma pessoa na semana é, em média, 40€, considerando uma compra grande e comprinhas extras durante a semana. Ao mês, são 170€. Lembre-se que essa é uma média e pode variar muito.

Pessoas sentadas em restaurantes na Espanha.
Recém-chegados gastam mais experimentando e comprando coisas. Fique atento aos gastos extras!

Sou vegana e meu custo semanal é inferior, e, além disso, seu custo pode ser mais alto se você compra mais alimentos já preparados ou de grandes marcas. Aqui as marcas brancas (do próprio supermercado) são excelentes e mais baratas.

Para fazer um teste e descobrir quanto você de fato gastaria em alimentação na Espanha, simule uma compra online nos principais supermecados: Mercadona, Dia, Caprabo e Bonpreu.

Chip de celular e internet

Ter um chip de celular da Espanha é super importante e deve ser feito quanto antes. Além de evitar o gasto excessivo com roaming ou planos internacionais do Brasil, o número espanhol é essencial para inserir no currículo, conseguir um aluguel e abrir conta na Espanha. Aqui isso faz toda a diferença!

Você pode comprar um chip logo ao chegar no aeroporto. Foi o que fiz e recomendo, mas fique de olho porque se você chegar de madrugada as lojas estarão fechadas. Se não, no dia seguinte à sua chegada é muito fácil encontrar lojas autorizadas das maiores companhias, como a Vodafone e a Orange.

  • A média nacional é de 18,19€ ao mês para um plano de celular de 100 GB, ligações e roaming internacional.
  • Já a internet instalada em casa tem um custo médio mensal de 31,98€.

Outras despesas que podem ser necessárias

Além das despesas básicas que citamos acima, existem outras que devem ser pensadas, considerando especialmente as burocracias!

Caso você vá morar com um visto para Espanha, precisará contratar um plano de saúde. Se não for o seu caso, ainda sim é recomendado contar com um plano privado, mesmo que o país ofereça saúde pública de qualidade. É uma garantia extra e mensalmente custa em torno de 60€. Já a mensalidade de academia custa em média 39€.

Lembre das documentações!

As documentações também podem exigir um investimento. Ainda no Brasil é provável que você precise apostilar alguns documentos, como diploma e histórico escolar. Já na Espanha, traduzir esses documentos também pode ser necessário, especialmente caso o trabalho ou universidade exijam. Separe cerca de 100€ para esses trâmites feitos apenas uma vez, ao chegar.

Para fazer suas traduções, recomendamos os serviços da Yellowling, uma plataforma usada pela equipe do Euro Dicas, e que possui tradutores certificados. E todo o procedimento é feito online, facilitando muito a obtenção dos documentos traduzidos.

Não esqueça também das compras inesperadas. É só chegando no país que nos damos conta de que falta um casaco, um novo sapato, uma tomada compatível com a voltagem local, um secador, uma roupa de cama que cabe na sua nova cama, etc. Para não ser pego de surpresa, separar 150€ para essa chegada faz toda a diferença.

Orçamento para emergências

Mesmo tendo um plano de saúde e acesso à saúde pública na Espanha, os gastos com saúde não se anulam. Diferente do Brasil onde cada farmácia pode subir ou baixar os preços de medicamentos, na Espanha os medicamentos prescritos por médicos e/ou considerados básicos não são caros, pois seguem uma tabela fixa. Uma caixa de paracetamol, por exemplo, custa em torno de 2€.

Por outro lado, remédios fora dessa tabela e comprados ‘por conta’ são mais caros. Eu já peguei 10€ em um xarope natural para a garganta, por exemplo.

Como bons brasileiros já sabemos que trazer a nossa farmacinha do Brasil é uma boa pedida, porém um dia eles acabam ou podemos precisar de algo que não temos. Ainda assim, é bom separar 30€ iniciais para o caso de apresentar sintomas inesperados de saúde.

Quanto dinheiro levar para Espanha para turismo?

Sonha em conhecer o país ou já está planejando a sua viagem? Fazer a organização financeira de quanto dinheiro levar para Espanha para turismo é o principal ‘check’ na hora de organizar a sua ida!

Antes de tudo se lembre de incluir o preço do passaporte ou renovação, se necessário, além do seguro viagem Espanha, que é obrigatório.

No mais, vamos te ajudar a ter uma ideia de quanto dinheiro levar para Espanha considerando uma viagem de 10 dias de turismo para uma pessoa.

Passagens aéreas

As passagens aéreas podem afetar — e muito — o orçamento na hora de viajar para Espanha. Geralmente, quanto mais cedo você comprar, melhor. Além disso, os preços flutuam bastante entre a alta e baixa temporada. O verão espanhol — entre junho e setembro — é incrível, mas pode valer a pena ir na primavera ou inverno para economizar.

Veja só a cotação feita no Vai de Promo, no dia 16 de maio de 2024, para uma viagem de 10 dias no mês de outubro de 2024:

Trecho Escala Preço total (ida e volta)
São Paulo – Barcelona 2 na ida, 1 na volta R$ 4.061,86
Rio de Janeiro – Barcelona 1 na ida, 1 na volta R$ 5.056,03
São Paulo – Madrid 1 na ida, 1 na volta R$ 3.716,59
Rio de Janeiro – Madrid 1 na volta R$ 5.244,36

As passagens dentro da Europa costumam ser baratas, especialmente se compradas com antecedência. Caso você esteja em Barcelona e queira ir a Madrid, uma passagem de trem é, em média, 35€. Já um voo ida e volta de Madrid a Sevilha, 164€.

Hospedagem na Espanha

Assim como a passagem, o valor da hospedagem flutua muito conforme a época e, principalmente, o tipo e a localização do alojamento. Um quarto compartilhado em hostel sempre será mais barato do que um quarto ou apartamento em hotel, ou Airbnb.

Selecionamos duas estadias para cotação: um hostel compartilhado e um quarto privado, ambos em excelentes regiões das duas cidades. Fizemos a pesquisa no Booking em maio de 2024.

Hospedagem Tipo Localização Preço (10 noites)
Sant Jordi Hostel Cama em dormitório compartilhado Bairro Eixample – Barcelona 332€
Des Artistes Hotel Quarto individual com banheiro particular Bairro Eixample – Barcelona 723€
Meetingpoint hostel Cama em dormitório compartilhado Centro de Madrid 251€
Urban Rooms Quarto individual Centro de Madrid 684€

Atrações turísticas e passeios

As atrações turísticas e passeios também interferem bastante no cálculo de quanto dinheiro levar para Espanha para turismo. O preço varia conforme cidade, mas selecionamos os mais famosos e clássicos da Espanha para que você possa ter uma ideia.

Praia da Espanha no verão, uma das principais atrações.
Quem viaja precisa listar os locais que considera imperdíveis para planejar quanto dinheiro levar para Espanha.

Os preços abaixo são para uma entrada, com cotação feita em maio de 2024 no Get Your Guide. Os preços são indicativos e podem variar conforme a data da consulta.

Atração Cidade Preço
Sagrada Família com visita guiada Barcelona 30€
Casa Battló Barcelona 31€
Park Guell Barcelona 10€
Museu do Prado Madrid 15€ (20€ com audioguia)
Palácio Real Madrid 14€ (24€ com visita à galeria)
Museu Reina Sofia Madrid 12€

Chip de internet

A melhor opção para ter internet na sua viagem é comprar um chip de internet para Europa. Como comentamos acima, você pode comprar no aeroporto ou em lojas especializadas.

Outra opção é encomendar, ainda no Brasil, um chip internacional como o da America Chip e já chegar no destino com ele. Também existe a opção de apenas ativar um eSIM, sem a necessidade do chip físico. Veja o comparativo de preços feito em maio de 2024:

Tipo de chip e plano Preço
Chip + plano pré-pago Vodafone 50GB de internet e Roaming Internacional 20€
Chip + plano pré-pago Orange 50G de internet e Roaming Internacional 25€
eSIM + plano pré-pago America Chip para 10 dias 56 dólares

Como você pode ver, é bem mais barato comprar ao chegar no país. Passados os 30 dias e sem uma nova recarga o plano simplesmente não estará ativo, portanto você não precisa se preocupar.

Entretanto, os chips internacionais podem ter um melhor custo-benefício porque há planos com internet ilimitada, o que pode ser muito útil para quem está viajando. Também há cobertura para vários países em uma mesma viagem. Verifique as opções para saber qual é a melhor opção para você.

Alimentação

Experimentar as famosas tapas, croquetas, tortilha, paella e o clássico vermut é um must na lista de atividades!

O preço da alimentação na Espanha não é dos mais altos na Europa, o que é uma ótima notícia. Além disso, o quanto você vai gastar depende se vai comer fora todo dia ou se planeja cozinhar algumas refeições. Confira alguns dos principais preços:

Tipo de refeição Variação de preços
Café da manhã 6€ a 17€
Almoço 9€ a 17€
Jantar 12€ a 33€

Comer na Espanha pode ser barato ou muito caro, tudo depende do que você busca. Os famosos ‘menus’, refeições completas com entrada, prato e sobremesa tem uma média de 13€ e são muito bem servidos. Já um prato do Honest Greens, rede de restaurantes de comida saudável, começa em 9€.

Da mesma forma é possível comprar um croissant e um café por 2,50€ em um lugar simples ou um avocado toast por 7€ em cafeterias descoladas. Pizzas napolitanas começam em 6€ e as famosas tapas têm preço unitário de, em média, 1,50€. Já um vermut custa de 2€ a 4€.

Transporte na Espanha

O preço de um bilhete de transporte público varia conforme a cidade na Espanha, mas a média nacional é de 1,50€. Para economizar no transporte, as melhores opções são os abonos, bilhetes semanais ou mensais com transporte público ilimitado.

Em muitos casos sai mais barato pagar o mensal ilimitado do que pagar passagem a passagem. Veja só:

Tipo de bilhete Preço
Abono T-usual em Barcelona, 30 dias ilimitado 21,35€
Abono T-casual em Barcelona, com 10 viagens unitárias 12,15€
Abono de 30 dias ilimitado em Madrid 21,80€

Dica: na Espanha o principal aplicativo de carros é o Cabify. O preço é alto e não vale muito a pena, já que o transporte público funciona muito bem. Mas se você estiver viajando em grupo, dividir algumas corridas mais longas pode ser uma forma de andar pela cidade.

Compras

É impossível visitar a Espanha e voltar sem algumas comprinhas. Sejam souvenirs, presentes ou roupas e acessórios, há muita coisa linda no país, que pode ser mais barato do que no Brasil, mesmo fazendo a conversão. Segundo o Numbeo, as médias são:

Item Preço
Calça Jeans Levis ou similar 73,63€
Vestido Zara ou similar 29,73€
Tênis Nike 74,73€

Lojas como Lefties e Primark são as queridinhas para comprar roupas e acessórios baratos na Espanha. Nelas você encontra peças que começam em 8€, em média.

Afinal, quanto dinheiro levar para Espanha?

Ter uma noção de quanto dinheiro levar para Espanha facilita muito a viagem. Após analisar cada ponto, vamos te mostrar em tabela quanto dinheiro de fato levar, tanto para quem está se mudando para a Espanha quanto para os que vão se aventurar em turismo.

Para começar a vida na Espanha

Começar a vida na Espanha é uma caixinha de surpresas, mas se há algo que não deve ser um perrengue é a organização financeira. Sem ela o estresse pode surgir, e passar por situações difíceis com dinheiro no exterior não é nada legal.

Para começar a vida na Espanha, mensalmente para uma pessoa que mora sozinha é interessante ter:

Despesa Custo médio
Primeiro aluguel (3 meses adiantado + a caução) 3.747,12€
Contas de casa 130,41€
Transporte 31,15€
Alimentação 170€
Chip de celular e internet Wi-Fi 50,17€
Lazer (passeios, bares, escapadas, cinema) 130€
Despesas extras (plano de saúde, academia, roupas) 150€
Emergências (medicamentos) 30€
Total  4.438,85€

Após o primeiro aluguel, a renda mensal gira em torno de 1.628,51€. A nossa recomendação é criar uma reserva financeira para 6 meses. Considerando o valor mensal para 6 meses, uma boa reserva é 9.771,06€.

Esse cálculo foi feito para quem deseja morar sozinho, porém é muito comum ficar bastante tempo em quarto de apartamento compartilhado. Nesse caso os gastos baixam bastante. A média de um bom quarto é 500€ e, como as contas são divididas, a média é 50€ ao mês.

Então seria:

  • Primeiro mês: 1.100€ (aluguel+caução);
  • Para 6 meses: 6.600€.

Tenha em mente que o cálculo acima foi feito considerando a estadia de um recém-chegado, mas é importante lembrar dos possíveis custos anteriores, tais como passagem aérea de ida, que custa cerca de R$ 2.950,00, malas para mudança com cerca de R$ 500,00, bem como a documentação necessária como visto, traduções, passaporte, etc.

Para turismo

Como comentamos, o valor total da viagem depende muito do estilo de vida e de viagem de cada um, além das prioridades. Afinal, há quem não faça questão de comer em restaurante todo dia e quem priorize isso, por exemplo.

Para ajudar na sua organização financeira, fizemos uma média de preço para uma viagem de 10 dias, para uma pessoa, a partir da cotação do euro no dia 16 de maio de 2024 quando 1€ = R$ 5,58:

Despesa Custo médio
Passagens aéreas (ida e volta) R$ 4.480
Hospedagem (quarto privado) R$ 3.906
Atrações turísticas R$ 1.000
Chip de internet (companhia da Espanha) R$ 112
Alimentação (café da manhã, almoço, jantar, café e lanchinhos) R$ 3.350
Transporte (abono mensal ilimitado) R$ 122,76
Compras R$ 1.115
Extras (viagens de trem, compras inesperadas) R$ 1.000
Total R$ 15.085,76

Quanto dinheiro levar para Espanha em reais

Para saber quanto dinheiro levar para Espanha considerando as tabelas acima, basta multiplicar o valor em euros para reais. Considerando a cotação de 16 de maio de 2024 quando 1€ = R$ 5,58, temos os seguintes valores abaixo:

Para morar

Para este cálculo consideramos o cálculo, feito acima, do gasto mensal de uma pessoa que mora sozinha.

  • Para o primeiro mês: 4.438,85€, ou seja, R$ 24.768,78;
  • Para 6 meses de reserva financeira para além do primeiro mês: R$ 54.522,51.

Para turismo de 10 dias

Para 10 dias de turismo na Espanha, considerando uma pessoa, o valor médio é de R$ 15.085,76.

Não se esqueça que quando o assunto é turismo é normal que os preços variem muito, especialmente a hospedagem e as passagens.

Qual a melhor forma de levar dinheiro para Espanha?

O primeiro passo, saber quanto dinheiro levar para Espanha, já foi dado! Mas e agora, como levar essa quantia de forma segura e fácil?

A melhor maneira de levar dinheiro é com as plataformas digitais, como a Wise, onde pode solicitar um cartão multimoedas. Ou seja, você pode ir para Espanha com um cartão em mãos para fazer os pagamentos sem a necessidade de fazer cambio no Brasil ou sacar euros ao chegar.

Na Wise você pode adicionar a quantia em euros que quiser por meio de um simples Pix no aplicativo. Em poucos segundos você terá a quantia em euros e já pode utilizar. É rápido, fácil e seguro, e digo por experiência própria: uso a Wise desde que cheguei à Espanha e não abro mão.

Outras opções

Outras ótimas opções são o N26 e o Nomad. O N26 também oferece um IBAN espanhol, o que é excelente para quem vai morar no país ibérico.

Por que o planejamento financeiro é importante?

Mudar para Espanha ou passar uns dias a turismo é incrível, mas para a experiência ser leve e possa ser aproveitada ao máximo é preciso ter um planejamento financeiro muito bem feito.

Afinal, ficar constantemente preocupado com dinheiro pode atrapalhar a experiência. Fazer um planejamento garante tranquilidade e segurança.

Ao botar na ponta do lápis os principais gastos tanto para morar quanto para visitar a Espanha, você consegue tomar decisões mais assertivas e tem maior autonomia na hora de priorizar uma coisa ou outra.

Os estrangeiros que vão morar no país devem estar especialmente atentos, já que é com o planejamento que ele decidirá se vai alugar um apartamento sozinho, por quanto tempo pode bancar um alojamento temporário e assim por diante.

Já quem vem a turismo e tem um bom planejamento, além de ter a certeza de que a viagem está garantida, pode até mesmo incluir novos passeios. Aquela escapada de final de semana pode ser feita se um ou outro dia o almoço for do supermercado, sabe?

Dicas para fazer uma reserva financeira e viajar para Espanha

Realizar o sonho de viajar para Espanha ou se mudar para o país requer um preparo com bastante antecedência. Organizar a estratégia da sua reserva financeira é o primeiro passo para tirar esse sonho do papel. Para te ajudar, separamos algumas dicas:

  • Defina seus objetivos: determine qual o objetivo da sua viagem, seja mudança para Espanha ou viajem de curto período, para poder definir quanto você precisa;
  • Analise o financeiro atual: registre seus rendimentos e despesas mensais para identificar áreas onde você pode reduzir custos e direcionar esse dinheiro para o fundo de reserva para viajar para Espanha;
  • Coloque o dinheiro da reserva financeira em uma conta isolada ou poupança, para evitar gastar e atrapalhar a economia;
  • Defina um prazo para alcançar a reserva financeira: isso te ajudará a calcular o valor que precisa economizar mensalmente e te dará uma visão maior do objetivo;
  • Faça tudo com antecedência: reserve voos e hospedagem com antecedência, pois geralmente oferecem preços mais baixos. Considere também viajar fora da alta temporada para economizar em acomodação e atividades;
  • Viajantes a turismo devem lembrar dos gastos ainda no Brasil, como seguro viagem, reservas e passaporte;
  • Caso você vá se mudar para trabalhar na Espanha, vale a pena fazer uma nova reserva ao chegar no país;
  • Para quem busca trabalho ou vai estudar na Espanha é interessante ter uma boa reserva do Brasil, ou trabalhos remotos.

Agora que você já sabe quanto dinheiro levar para Espanha, é hora de começar o seu planejamento e tirar esse sonho do papel. Se a ideia é viver no país ibérico, recomendamos o ebook Como morar na Espanha, que foi criado e atualizado pela equipe do Euro Dicas. Ele vai te ajudar em cada passo desse planejamento, seja ela emocional, financeiro e burocrático. Vale a pena conferir! E boa viagem!