Profissionais em falta na Europa: quais são os mais procurados

Tem vontade de fazer carreira na Europa? Nós te damos uma mãozinha apontando as áreas profissionais mais requisitadas nos países europeus, com boas oportunidades para brasileiros. Confira quais os profissionais em falta na Europa e como se candidatar.

Profissionais em falta na Europa: os mais requisitados

De acordo com o Guia do Mercado Laboral 2020, da consultoria Hays, líder mundial em recrutamento e seleção, as profissões que, atualmente, mais demandam mão de obra qualificada brasileira na Europa são as ligadas ao mercado financeiro, como economistas, administradores, analistas com experiência em comércio exterior, mercados globais e principalmente países emergentes.

Também são procurados profissionais da área de saúde, como médicos, dentistas, e fisioterapeutas. E profissionais da área de tecnologia da informação, como engenheiros de computação e engenheiros de sistemas.

Veja aqui o relato de um brasileiro que trabalha como TI na Europa.

Profissionais mais requisitados

  • Controller de gestão;
  • Diretor financeiro;
  • Responsável de controle de crédito.
  • Analista de risco;
  • Atuário;
  • Auditor interno;
  • Analista de investimentos;
  • Diretor de recursos humanos;
  • Técnico de recursos humanos;
  • Advogado;
  • Jurista;
  • Engenheiro de automação e robótica;
  • Responsável de manutenção;
  • Supervisor de produção;
  • Supervisor de turno;
  • Project Manager;
  • Property Manager;
  • Diretor de vendas;
  • Diretor de marketing;
  • Analista de inteligência de Mercado;
  • Data Scientist;
  • Data Engineer;
  • Consultor Funcional ERP;
  • Machine Learning Engineer;
  • Mobile Developer;
  • Customer Marketing Manager;
  • Especialista em marketing;
  • Chef de Cozinha;
  • Diretor Comercial;
  • Diretor de operações;
  • Gerente de hotel;
  • Médicos;
  • Dentistas;
  • Fisioterapeutas.

profissionais em falta na Europa reunião

Há profissionais em falta na Europa?

Sim, há anos a Europa é destino de muitos brasileiros que têm conseguido firmar carreiras de sucesso nos outros países.

Precisa enviar dinheiro para outro país?

Envie dinheiro com toda a segurança, rapidez e melhor taxa de câmbio. Atualizamos a melhor entidade diariamente, faça já a sua simulação!

Mas vamos começar fazendo uma observação relevante: por conta da pandemia de coronavírus, altos índices de desemprego serão uma realidade não apenas no Brasil, mas em todos os países do mundo, pelo menos até meados de 2020.

Então, nossa recomendação é que você tenha calma para organizar sua mudança e, preferencialmente, já saia do Brasil com a vaga garantida. Embarcar no avião para tentar a sorte, neste momento, pode ser especialmente frustrante.

Dito isto, vamos ao que interessa: que tipo de trabalho você pretende ter?

Profissionais em falta na Europa: trabalho temporário

Se você está passando ou quer passar apenas uma temporada na Europa e não tem pretensão de fazer carreira, há também muitas vagas informais, como de garçom, babá, professor de língua portuguesa ou professor de algum curso específico na sua área de conhecimento, mas ministrado em língua portuguesa – como, por exemplo, de design, marketing e finanças.

Muitos call centers também contratam brasileiros para atendimento em idioma português – seguradoras e empresas de tecnologia da informação geralmente recrutam estes profissionais.

Não é permitido trabalhar com visto de turista

Mas, lembre-se: para todas estas vagas, o visto de trabalho também é necessário. Brasileiros podem entrar na Europa sem visto por um período de três meses apenas, nos quais não é permitido trabalhar.

Todos sabemos que, na prática, é assim mesmo que muitos brasileiros cruzam a fronteira europeia: chegam como turistas e por lá fincam raízes. Mas nós desaconselhamos fortemente fazer isto. Veja nesse artigo os riscos de morar ilegalmente na Europa.

Faça seu planejamento e não se esqueça de todas as questões legais envolvidas. As aparentes “facilidades” (sabe aquele amigo que garante que “fez isso e deu tudo certo”) podem se revelar grandes dores de cabeça, além de implicar em prejuízos. Já pensou gastar toda a sua reserva financeira neste sonho e ser deportado? Então, informe-se corretamente sobre os vistos necessários.

Profissionais em falta na Europa: altamente qualificados

Agora, se você quer realmente trabalhar na Europa e fazer carreira, preferencialmente na área em que já se encontra ou após um curso de especialização no país pretendido, continue lendo este artigo para conferir as vagas mais requisitadas para profissionais altamente qualificados e o que será preciso para buscar seu posto de trabalho.

Saiba que muitos profissionais qualificados são buscados pelas multinacionais no Brasil. Em primeiro lugar, quando há interesse específico pelo idioma ou pelos conhecimentos de Brasil – por exemplo, profissionais que sejam especializados na legislação brasileira ou em comércio na América Latina.

Em segundo lugar, porque, graças à União Europeia, é muito grande o êxodo dentro dos países europeus. E profissionais altamente qualificados de Portugal e Espanha, por exemplo, acabam se mudando para países onde os salários são mais altos, como a Suíça e a Alemanha. Então, sim, faltam profissionais qualificados em muitos países da Europa, apesar da alta escolaridade destes locais.

profissionais buscando emprego na Europa

O que é necessário para trabalhar na Europa

Não é só porque sua profissão está na lista de profissionais em falta na Europa que quer dizer que será fácil conseguir um emprego. É necessário ter um bom currículo, dependendo da área é necessário validar o diploma, e falar uma outra língua (principalmente a língua do país onde você quer morar) é essencial.
Além disso, você tem que ver quais são os documentos necessários para dar entrada em um visto de trabalho no país onde você quer morar.

Trabalhar em Portugal

A melhor maneira de encontrar as vagas para os profissionais em falta na Europa, especificamente no mercado português, é fazendo uma busca nos sites de emprego em Portugal, como Sapo, Net-empregos, Indeed e Career Jet.

Para trabalhar em Portugal, tem que ter cidadania portuguesa ou europeia ou então um visto de trabalho.

Você pode solicitar o visto de trabalho, o visto de empreendedor, o Startup Visa ou o Golden Visa. Todos esses vistos dão direito a trabalhar em Portugal, mas cada um deles tem seus pré-requisitos.

É possível também trabalhar com o visto de estudante, mediante a autorização do departamento de imigração.

Para trabalhar ou se quiser dar continuidade aos estudos em Portugal, você vai precisar revalidar o diploma. Saiba tudo neste artigo sobre como validar diploma em Portugal.

Profissionais em falta em Portugal

Os profissionais em falta na Europa se diferenciam um pouco dos profissionais buscados em Portugal:

  • Advogado Especializado;
  • Controller Financeiro;
  • Controller de Gestão ;
  • Diretor Financeiro;
  • Analista de Risco;
  • Vendedor de Seguros;
  • Técnico de RH;
  • Programador;
  • Diretor de RH;
  • Digital Marketing.

Saiba mais sobre as profissionais em falta em Portugal e também os profissionais mais procurados no país.

Trabalhar na Espanha

Para conseguir emprego na Espanha, você pode acompanhar os sites de empregos (Infojobs, Infoempleo, Laboris, Trabajo etc) e cadastrar seu currículo para ser informado sobre novas vagas na sua área. Agências de reposicionamento e de recursos humanos também podem ajudar.

Para um brasileiro trabalhar na Espanha, é preciso ter visto de residência para trabalho ou cidadania espanhola.

Se precisar validar seu diploma na Espanha, nós explicamos em artigo sobre o tema.

Profissionais em falta na Espanha

A Espanha também está a enfrentar o mesmo problema de profissionais em falta na Europa. Muitos empregadores afirmam que não encontram profissionais capacitados para ocupar os cargos que estão oferecendo.

As profissões que estão com falta de pessoal qualificado na Espanha são:

  • Diretores comerciais;
  • Técnicos de produção e operações;
  • Eletricistas, carpinteiros, soldadores;
  • Engenheiros civis, mecânicos e elétricos;
  • Inspetores de controle de qualidade;
  • Chefes de projeto;
  • Executivos, assessores e vendedores comerciais;
  • Especialistas em atendimento ao cliente e serviço de pós venda.

Trabalhar na França

Os principais sites para buscar os profissionais em falta na Europa e a disponibilidade de vagas para trabalhar na França são Cadremploi, Cadreo, Glassdoor, Indeed e Monster.

Para você conseguir tirar o visto de trabalho na França, é preciso primeiro ter um contrato de trabalho ou uma carta convite da empresa que quer te contratar. Com o documento em mãos, você pode dar entrada com o pedido de visto no consulado da França no Brasil.

Também será preciso validar o diploma na França, o que você confere como em nosso artigo sobre o tema.

Profissionais em falta na França

Os profissionais que estão em falta na França não se diferenciam muito dos profissionais em falta na Europa. Os que mais se destacam são:

  • Engenheiros de software e desenvolvedores;
  • Engenheiros eletrônicos;
  • Contadores;
  • Analistas de TI;
  • Gerentes de engenharia.

Trabalhar na Itália

Os melhores sites com vagas de emprego na Itália são Indeed, it, Clicca Lavoro, Monster e Info Jobs.

Você vai precisar de visto de trabalho e ele só é autorizado se o empregador apresentar um pedido específico de permissão, em um escritório de imigração.

Se o seu objetivo for trabalhar na sua área de formação, deve realizar a validação de seu diploma no país.

Escolha seu destino, batalhe por sua vaga e desejamos toda a sorte! Leia também nosso artigo sobre como é morar na Europa e se inspire!

Cláudia Zucare Boscoli trabalha como jornalista há 20 anos, tendo se formado na Cásper Líbero, com extensão em Jornalismo Social pela Universidade de Navarra (Espanha), especialização em Marketing Digital pela FGV e pós-graduação em Jornalismo Econômico pela PUC-SP. Já trabalhou para IstoÉ Online, O Estado de S. Paulo, Diário de S. Paulo e Editora Abril, entre outros veículos. Adora viajar, conhecer novas culturas e contar o que descobriu.

Julia é brasileira, formada em Turismo, morou 6 anos em Portugal e hoje mora em Budapeste. Tirou o mestrado em Empreendedorismo na Universidade da Beira Interior e atualmente está terminando o doutorado em Gestão. Apaixonada por viagens, baladas e por fazer novas amizades, gosta de usar o tempo livre para conhecer novos países e culturas.

Artigos relacionados

Family Search: saiba se é seguro e como funciona

Para ajudar a conectar familiares existe o Family Search, ferramenta que coleta, preserva e compartilha registros genealógicos no mundo todo.

Apostila de Haia: o que é, como fazer e quanto custa

Entenda o que é a Apostila de Haia, por que ela ajuda quem quer morar fora do Brasil, quais documentos pode apostilar e onde apostilar.

Carta de motivação: modelos e dicas para preparar o documento

Confira dicas para preparar uma carta de motivação, um modelo desse documento e veja exemplos de como escrevê-la para intercâmbio, mestrado e universidade.

Países fáceis de imigrar: veja os 4 mais receptivos da Europa

Confira a lista de países fáceis de imigrar e descubra o porquê da facilidade. Veja como é a adaptação, visto e burocracias para brasileiros nesses países.

Cidades que pagam para morar: 10 regiões encantadoras

Confira a lista de cidades que pagam para morar ou dão moradia ou terreno e veja quais são as condições para isso. Há várias na Europa.

Conseguir emprego no exterior ainda no Brasil: dicas úteis

Conseguir emprego no exterior não é uma tarefa fácil, mas temos dicas para fazer um bom currículo, onde procurar vagas e os melhores países para trabalhar.

Câmbio de moedas

EURO € : R$ 0.00

LIBRA £ : R$ 0.00

DÓLAR $ : R$ 0.00

Ouça nosso Podcast

Curta nossa página

Euro Dicas no Youtube